Blog de Notícias de VILHENA








Acusados de praticarem os crimes de homicídio e estupro vão a Júri em Vilhena

... Elson Moreira da Silva e Leilson Ferreira da Silva serão julgados no plenário do Tribunal do Júri da comarca de Vilhena (RO). Eles foram denunciados pelo Ministério Público de Rondônia pela prática dos crimes de homicídio e estupro. A sessão ...

Ponte Preta pode ter força máxima contra o Vilhena na Copa do Brasil

a Ponte Preta pode ter um time praticamente titular contra o Vilhena-RO, quinta-feira à noite, em Campinas, no jogo de volta da primeira fase da Copa do Brasil. Mas o técnico Guto Ferreira prefere manter o mistério e não revelou a escalação.< /li>


Mais dois capangas de fazenda foram detidos em Vilhena

Após informações recebidas na CPT RO, segundo a qual foram detidos dois pistoleiros armados no Lote 52 da Gleba Corumbiara, na Linha 135, publicamos informações locais divulgadas em Vilhena, Rondônia.…

Copa do Brasil: Ponte faz promoção e cobra ingresso quatro vezes mais barato

Agora, porém, a diretoria espera melhorar a presença de público com uma promoção contra o Vilhena-RO, pela primeira etapa da Copa do Brasil. Confira! Após ver Brinco de Ouro leiloado, pontepretanos fazem campanha por demolição e ‘caravana dos ...

Culto de Louvor e Adoração - Noite de Testemunhos

Congregação Metodista em Vilhena       O Culto de Louvor e Adoração desta noite, domingo, 29, teve início com testemunhos da ação de Deus no meio do Seu povo. Irmão Diógenes contou à igreja que Deus o…

Preocupado com o estadual, Vilhena embarca para jogo contra a Ponte

Mesmo com os olhos voltados à estreia do Rondoniense, o Vilhena sabe que há um grande desafio antes do estadual: o jogo de volta contra a Ponte Preta, pela Copa do Brasil. A partida acontece no dia 2 de abril mas os atletas e comissão já embarcaram.

Cinco contos

Era assim, noutro tempo. Guardávamos estas e outras na carteira, numa época em que mal usávamos computadores, e em que tudo o que escrevíamos ficava impresso em papel. Em arrumações, no pequeno escrit…

Secretaria não cumpre prazo para recuperação de via em Vilhena

Normal 0 21 false false false MicrosoftInternetExplorer 4 A quantidade e extensão dos buracos em determinado trecho da Avenida Celso Mazzutti, em Vilhena (RO), a 700 q…

Agente socioeducativo é esfaqueado em centro socioeducativo em Vilhena-RO

Após rebelião sócio educador acaba esfaqueado Um agente sócio educador foi atacado por menor de idade que cumpre pena na Unidade Socioeducativa, localizada na Avenida Capitão Castro, anexo à Casa de …

INVASÃO EM VILHENA

Primeiras notícias desde Vilhena, dão conta que servidores que participam da paralisação de 72 horas, teriam invadido o auditório do Ministério Público, onde haveria um evento do governo do Estado. A…

Com saída de Claudinei, Marcelo Vilhena surge como opção mais viável para assumir Atlético-PR

Em período de turbulência, o Atlético Paranaense inicia a semana sem treinador e com os desafios de fugir do torneio ...

UM QUASE ATENTADO (EM UMA QUASE FICÇÃO)

As forças de segurança de Vilhena viveram, na sexta-feira, um momento de alerta máximo, só comparado com o que acontece nos Estados Unidos desde o dia 11 de setembro de 2001. Uma bolsa esquecida em um…

Agricultores se entregam espontaneamente em Vilhena

Uma das agricultoras presa, Dona Tereza, da Associação Água Viva, mostra o título cancelado da Fazenda Caramelo/Dois Pinguins, que dá o direito aos posseiros da terra de onde foram despejados. foto f…

Últimas notícias de VILHENA RO:

 Preocupado com o estadual, Vilhena embarca para jogo contra a Ponte Mesmo com os olhos voltados à estreia do Rondoniense, o Vilhena sabe que há um grande desafio antes do estadual: o jogo de volta contra a Ponte Preta, pela Copa do Brasil. A partida acontece no dia 2 de abril mas os atletas e comissão já embarcaram.

Presidente de bairro assume comando do SINE O novo representante da unidade disse que pretende ir à capital, Porto Velho, para tentar junto ao governo do estado recursos para estruturaçã o do SINE. José Moreira Lima era cotado para assumir a unidade do Departamento Estadual de Trânsito em ...

VILHENA RO tspan:3m VILHENA RO


VEC já embarcou para enfrentar Ponte nesta quinta ás 20h30 (horário de RO), no estádio Moisés Lucarelli, pela Copa do Brasil. O lobo do cerrado deve chegar pela tarde de hoje em SP, aproveitando assim para fazer um treino de reconhecimento do gramado. Para o treinador Márcio Bitencourt a melhor ...

Vilhena: superintendente da SECEL fala em institucionalizar esporte em RO Em visita às localidades do Cone Sul do Estado, o superintendente de Esporte, Cultura e Lazer de Rondônia, Rodnei Antônio Paes, que assumiu a Pasta a pouco mais de 30 dias, falou com a imprensa e disse que pretende institucionalizar o esporte e implantar em ...

Vacinação contra o HPV atinge 30% do público-alvo, em Vilhena, RO Iniciada no dia 2 de março, a campanha de vacinação contra o HPV já atingiu cerca de 30% do público-alvo em Vilhena (RO), distante 700 quilômetros de Porto Velho. Meninas com idade entre 9 a 11 anos devem ser vacinadas. Conforme dados divulgados pelo ...

Ponte quer afastar 'zebra' contra Vilhena amanhã Macaca contra o Vilhena (RO) no Moisés Lucarelli em 2009; na ocasião, a Ponte venceu por 6 a 1 Quando entrar em campo amanhã, às 19h30 para jogar a partida de volta na fase inicial da Copa do Brasil, contra o Vilhena (RO), a Ponte Preta não esconde de ...

Ciclista é morto com tiros na cabeça e no abdomêm, em Vilhena, RO Um homem de 21 anos foi baleado enquanto trafegava de bicicleta, na Avenida 737, Bairro Cristo Rei, em Vilhena (RO), distante 700 quilômetros de Porto Velho, na manhã desta segunda-feira (30). A vítima foi encaminhada ao Hospital Regional, mas não ...





Siga-nos e receba notícias e assuntos de interesse das cidades

Uma grande mudança no setor de embalagens. Como isso afeta VILHENA ?

Por: Cristina Ávila - Edição: Vicente Tardin

A análise jurídica do texto do acordo setorial para a implantação do sistema de logística reversa de "embalagens em geral" deverá estar pronta nos próximos dias, e em seguida seguirá para o chamado “grupo de coalizão”, como se autodenominam as 22 associações que representam comércio, indústria e distribuidores de produtos domésticos, como alimentos e bebidas. O setor deverá voltar a discutir a redação ainda em fevereiro.

“Essa nova discussão será muito importante para finalizar esse acordo setorial. Os próximos dias serão decisivos para as negociações com os setores que devem cumprir a logística reversa”, acentua a diretora de Ambiente Urbano do MMA, Zilda Veloso.

O texto do acordo foi submetido à consulta pública, entre 15 de setembro e 15 de outubro do ano passado, e foram recebidas mais de 900 sugestões de alterações. A intensa participação trouxe opiniões de representantes de municípios, recicladores, órgãos ambientais e sociedade civil.

“Essencialmente, o Ministério do Meio Ambiente media as negociações para que seja feita a separação de materiais seco e orgânico, a redução de resíduos e o encaminhamento de embalagens para o mercado de reciclagem”, explica Zilda.

Atingir essa meta é um bom negócio em todos os sentidos. A diretora comenta que no Brasil cerca de 50% do descarte é lixo orgânico, 35% lixo seco e os outros 15% são outros materiais, incluindo os rejeitos (que não têm possibilidade de reciclagem, ou por questões técnicas ou econômicas de cada região). Do lixo seco, cerca de 70% são embalagens.

SUCESSO

Esse será o terceiro acordo setorial definido entre as cinco cadeias produtivas que serão responsáveis pela logística reversa prevista pela Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei 12.305/10). As cinco cadeias foram definidas pelo Comitê Orientador da Logística Reversa (Cori), composto pelos Ministérios do Meio Ambiente, Fazenda, Indústria e Comércio, Saúde e Agricultura.

No ano passado, o setor privado assinou contrato para a destinação de lâmpadas. E o acordo para o correto descarte de embalagens de lubrificantes já está funcionando na prática. Em 2005, o setor criou uma entidade gestora, que cresceu e se transformou no Instituto Jogue Limpo. Hoje presente em 14 estados e no Distrito Federal, já supera 330 milhões de embalagens encaminhadas para reciclagem.

PRÓXIMOS PASSOS

As expectativas a partir de agora serão os acordos dos setores de medicamentos e de eletroeletrônicos. Importadores, fabricantes e o comércio varejista de remédios estão em negociação e devem apresentar propostas no início deste ano. E o setor de eletroeletrônicos apresentou reivindicações que ainda estão sendo analisadas.

“Depois que concluirmos esses acordos, passaremos a rever os acordos que foram feitas por outras cadeias produtivas, antes da Lei 12.305”, afirma Zilda Veloso. Ela se refere aos setores de agrotóxicos, pneus, lubrificantes, pilhas e baterias.

A diretora de Ambiente Urbano comenta que o setor de agrotóxicos consegue recolher mais de 94% das embalagens que são colocadas pela indústria no comércio. Fato que ela considera inédito no mundo. A “Lei dos Agrotóxicos” (Lei 7.802/89) foi sancionada em 1989, e em 2000 foi alterada para incluir a obrigação de reciclagem de embalagens. Até então os agricultores enterravam, queimavam, jogavam nos rios ou nas lavouras, com riscos para o meio ambiente e para a saúde.[12]




Uma grande mudança no setor de embalagens. Como isso afeta VILHENA ?

Por: Cristina Ávila - Edição: Vicente Tardin

A análise jurídica do texto do acordo setorial para a implantação do sistema de logística reversa de "embalagens em geral" deverá estar pronta nos próximos dias, e em seguida seguirá para o chamado “grupo de coalizão”, como se autodenominam as 22 associações que representam comércio, indústria e distribuidores de produtos domésticos, como alimentos e bebidas. O setor deverá voltar a discutir a redação ainda em fevereiro.

“Essa nova discussão será muito importante para finalizar esse acordo setorial. Os próximos dias serão decisivos para as negociações com os setores que devem cumprir a logística reversa”, acentua a diretora de Ambiente Urbano do MMA, Zilda Veloso.

O texto do acordo foi submetido à consulta pública, entre 15 de setembro e 15 de outubro do ano passado, e foram recebidas mais de 900 sugestões de alterações. A intensa participação trouxe opiniões de representantes de municípios, recicladores, órgãos ambientais e sociedade civil.

“Essencialmente, o Ministério do Meio Ambiente media as negociações para que seja feita a separação de materiais seco e orgânico, a redução de resíduos e o encaminhamento de embalagens para o mercado de reciclagem”, explica Zilda.

Atingir essa meta é um bom negócio em todos os sentidos. A diretora comenta que no Brasil cerca de 50% do descarte é lixo orgânico, 35% lixo seco e os outros 15% são outros materiais, incluindo os rejeitos (que não têm possibilidade de reciclagem, ou por questões técnicas ou econômicas de cada região). Do lixo seco, cerca de 70% são embalagens.

SUCESSO

Esse será o terceiro acordo setorial definido entre as cinco cadeias produtivas que serão responsáveis pela logística reversa prevista pela Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei 12.305/10). As cinco cadeias foram definidas pelo Comitê Orientador da Logística Reversa (Cori), composto pelos Ministérios do Meio Ambiente, Fazenda, Indústria e Comércio, Saúde e Agricultura.

No ano passado, o setor privado assinou contrato para a destinação de lâmpadas. E o acordo para o correto descarte de embalagens de lubrificantes já está funcionando na prática. Em 2005, o setor criou uma entidade gestora, que cresceu e se transformou no Instituto Jogue Limpo. Hoje presente em 14 estados e no Distrito Federal, já supera 330 milhões de embalagens encaminhadas para reciclagem.

PRÓXIMOS PASSOS

As expectativas a partir de agora serão os acordos dos setores de medicamentos e de eletroeletrônicos. Importadores, fabricantes e o comércio varejista de remédios estão em negociação e devem apresentar propostas no início deste ano. E o setor de eletroeletrônicos apresentou reivindicações que ainda estão sendo analisadas.

“Depois que concluirmos esses acordos, passaremos a rever os acordos que foram feitas por outras cadeias produtivas, antes da Lei 12.305”, afirma Zilda Veloso. Ela se refere aos setores de agrotóxicos, pneus, lubrificantes, pilhas e baterias.

A diretora de Ambiente Urbano comenta que o setor de agrotóxicos consegue recolher mais de 94% das embalagens que são colocadas pela indústria no comércio. Fato que ela considera inédito no mundo. A “Lei dos Agrotóxicos” (Lei 7.802/89) foi sancionada em 1989, e em 2000 foi alterada para incluir a obrigação de reciclagem de embalagens. Até então os agricultores enterravam, queimavam, jogavam nos rios ou nas lavouras, com riscos para o meio ambiente e para a saúde.[12]



Ponte Preta pode ter força máxima contra o Vilhena na Copa do Brasil


a Ponte Preta pode ter um time praticamente titular contra o Vilhena-RO, quinta-feira à noite, em Campinas, no jogo de volta da primeira fase da Copa do Brasil. Mas o técnico Guto Ferreira prefere manter o mistério e não revelou a escalação.< /li>





Copa do Brasil: Ponte faz promoção e cobra ingresso quatro vezes mais barato


Agora, porém, a diretoria espera melhorar a presença de público com uma promoção contra o Vilhena-RO, pela primeira etapa da Copa do Brasil. Confira! Após ver Brinco de Ouro leiloado, pontepretanos fazem campanha por demolição e ‘caravana dos ...
Preocupado com o estadual, Vilhena embarca para jogo contra a Ponte Mesmo com os olhos voltados à estreia do Rondoniense, o Vilhena sabe que há um grande desafio antes do estadual: o jogo de volta contra a Ponte Preta, pela Copa do Brasil. A partida acontece no dia 2 de abril mas os atletas e comissão já embarcaram.
Presidente de bairro assume comando do SINE O novo representante da unidade disse que pretende ir à capital, Porto Velho, para tentar junto ao governo do estado recursos para estruturaçã o do SINE. José Moreira Lima era cotado para assumir a unidade do Departamento Estadual de Trânsito em ...
VEC já embarcou para enfrentar Ponte nesta quinta ás 20h30 (horário de RO), no estádio Moisés Lucarelli, pela Copa do Brasil. O lobo do cerrado deve chegar pela tarde de hoje em SP, aproveitando assim para fazer um treino de reconhecimento do gramado. Para o treinador Márcio Bitencourt a melhor ...
Vilhena: superintendente da SECEL fala em institucionalizar esporte em RO Em visita às localidades do Cone Sul do Estado, o superintendente de Esporte, Cultura e Lazer de Rondônia, Rodnei Antônio Paes, que assumiu a Pasta a pouco mais de 30 dias, falou com a imprensa e disse que pretende institucionalizar o esporte e implantar em ...

Um serviço para ajudar os que sofrem com as drogas em VILHENA?

O serviço de teleatendimento do Ligue 132, que presta auxílio a familiares e usuários de drogas, teve aumento de 13% das ligações relacionadas à cocaína e derivados, como o crack, em 2014. Das 26.051 ligações atendidas no call center de janeiro a novembro de 2014, 12.189 foram relacionadas a cocaína e crack, o que representa 46% dos atendimentos realizados no ano. Em 2013, esse volume foi de 33%.

Esta é a maior busca de informação sobre uma substância já registrada no serviço, que está em atividade desde 2005. De acordo com a supervisora do Ligue 132, Bárbara Diniz, esse aumento pode ser em função da expressiva divulgação referente aos problemas do uso de cocaína e derivados na mídia. “Muitos ligam pedindo informações a respeito das consequências do uso e aproveitam para aumentar a rede de apoio em busca de tratamento. Às vezes o indivíduo é orientado a também buscar auxílio profissional para outras comorbidades apresentadas, como depressão, ansiedade e entre outros.”

Para atender a esses casos específicos, o Ligue 132 desenvolveu uma metodologia própria, com apoio aos indivíduos tornando cada atendimento único. De acordo com a coordenadora de pesquisa do Ligue 132, Maristela Ferigolo, quem procurar orientações pelo Ligue 132 poderá encontrar atendimento personalizado. “Com profissionais capacitados, o serviço se preocupa em ouvir tanto o usuário quanto o familiar e presta aconselhamento personalizado por meio da intervenção breve motivacional estimulando-os a refletir e mudar seu comportamento-problema.”

Para a coordenadora do programa, Helena Maria Tannhauser Barros, “o aumento na busca de orientações e informações sobre cocaína e crack não significa que houve aumento no uso e, sim, que usuários de drogas e familiares estão mais conscientizados quanto aos problemas do uso de cocaína e quanto a possibilidade de obter auxílio para a mudança de comportamento”,

Os estados que mais buscaram informações e orientações sobre cocaína foram São Paulo, com 2.056 atendimentos, Rio de Janeiro, com 1.028, e Rio Grande do Sul, com 993. Os usuários de drogas foram quem mais buscaram ajuda no Ligue 132, sendo responsáveis por 47% dos atendimentos referentes à cocaína. Os familiares também tiveram uma fatia considerável com 44% dos atendimentos.

Saiba mais sobre o Ligue 132

O Ligue 132 é um serviço do programa “Crack, é possível vencer”, financiado pelo Governo Federal, que tem como objetivo prevenir o uso de drogas no país, atendendo a casos de álcool, tabaco, cocaína, maconha e entre outras substâncias. É uma parceria com a Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas, Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre e AMTEPA. O serviço atende de forma sigilosa e anônima 24 horas por dia, incluindo feriados e finais de semana. [24]


Vivendo sem álcool por um mês em VILHENA?

Talvez você seja uma dessas pessoas que decidiram incorporar-se ao cada vez mais numeroso grupo de seguidores de estilos de vida saudáveis. Pode ser que tenha ficado convencido do bem-estar que alcançará ao evitar hábitos tão pouco convenientes como sedentarismo, fumar, beber álcool e se alimentar com comida rápida. Possivelmente o seu médico já avisou que os seus costumes estão provocando danos. Seja qual for o motivo da sua decisão, as chances de êxito serão maiores se conhecer a recompensa.

Nessa nova vida, o álcool figura entre os primeiros candidatos a desaparecer, uma perda que logo será notada porque os copos e as taças provocam obesidade abdominal, e deixar de beber favorece a perda dessa gordura. “O corpo armazena as calorias do álcool em forma de gordura, que é, sobretudo, visceral [no abdômen] a partir dos 30 anos nos homens e dos 40 nas mulheres. Mas, ao deixar de consumir álcool, e com dieta equilibrada e atividade física, é possível perder até um quilo por semana”, destaca o nutricionista Rubén Bravo, do Instituto Médico Europeu da Obesidade. “É verdade que nem todas as bebidas contêm a mesma quantidade de etanol nem possuem o mesmo valor nutricional. Embora o vinho tinto e a cerveja possam propiciar algum benefício, as bebidas destiladas aportam muitas calorias mortas (entre 280 e 360 por copo)”, acrescenta o especialista.

O corpo armazena as calorias do álcool em forma de gordura, que é, sobretudo, abdominal, nos homens a partir de 30 anos e nas mulheres a partir dos 40"

O cérebro também responde imediatamente à falta de álcool, e não é preciso ser um grande bebedor para notar isso. O psiquiatra Gabriel Rubio, coordenador do programa de Problemas Relacionados com o Consumo do Álcool do Hospital 12 de Outubro, de Madri, explica: "As pessoas que bebem muito durante o fim de semana, embora não o façam nos outros dias, na segunda e na terça-feira ficam lentas e com pouco ânimo. No entanto, depois de um mês sem beber álcool, admitem que sua capacidade de atenção e concentração melhora muito. Além disso, a qualidade do sono também é restabelecida”.

A reação do cérebro à falta de álcool é diferente nas pessoas que o consomem diariamente (duas cervejas para as mulheres e quatro, para os homens, segundo indica Rubio). “Isto porque a bebida diária, e em quantidades importantes, ativa mecanismos de estresse. Por isso, ao suprimir a ingestão o cérebro reage com a síndrome de abstinência e aparecem a irritabilidade, má qualidade do sono e pouca disposição. Esses sintomas podem prolongar-se por até 45 dias, embora costumem desaparecer depois de duas semanas.

Outro indicador do impacto do álcool sobre o organismo é o aumento dos índices de transaminases (que revelam inflamação do fígado), de ácido úrico, de colesterol e de triglicérides, e da pressão arterial. O médico Nicolás García Gonzáles, da Clínica Universitária de Navarra (CUN), pondera que a suscetibilidade ao álcool e seus efeitos “depende de cada pessoa, do padrão de consumo e do tipo de bebida”. Mas, em linhas gerais, os parâmetros bioquímicos baixam ao suprimir o álcool. “E é provável que, depois de um mês sem beber, muitos deles se normalizem”, comenta.

As pessoas que bebem muito durante o fim de semana, embora não o façam durante o resto dos dias, nas segundas-feiras e nas terças-feiras se encontram lentas e desanimadas"

No âmbito do risco cardiovascular, um trabalho da Universidade de Rochester, publicado na revista Atheroesclerosis, conclui que ele é menor em consumidores moderados diários (duas bebidas por jornada durante toda a semana) do que nos que se fartam no fim de semana (sete bebidas alcoólicas em dois dias). Portanto, se você pertence a esse segundo grupo, saiba que os benefícios para o seu coração serão maiores se passar um mês sem beber.

O médico da CUN também observa que os bebedores de quantidade importantes costumam ter certas carências nutricionais (porque o álcool contribui para a sensação de saciedade), principalmente de alguns aminoácidos essenciais e vitaminas dos grupos B, C e E, mas “logo se recuperam depois que interrompem o consumo”.

"Por último, o consumo abusivo de álcool tem um efeito negativo sobre a saúde sexual”, afirma Ignacio Moncada, responsável pelo setor de Urologia do Hospital Sanitas La Zarzuela. “Em bebedores crônicos afeta a condução do impulso nervoso através dos nervos e produz uma neuropatia que dificulta a ereção. Na embriaguez (consumo agudo), o álcool é um depressor do sistema nervoso central e produz menos ereção e menor resposta sexual.” Esse é outro efeito, porém, que a abstinência reverte. “Depois de um mês de abandono do consumo do álcool, há uma recuperação notável da afetação neurológica (e também das alterações metabólicas que influem na resposta sexual). Melhora a capacidade.” Assim, durante um mês notará os benefícios e, embora logo volte ao consumo habitual, saiba que esses jejuns (alcoólicos) temporários (que tal um mês por ano?) são microinvestimentos em sua saúde e bem-estar.

[19]



*blogsbrasil.com - todos os direitos reservados. Selecionamos as principais notícias da cidade de VILHENA RO. Os acontecimentos políticos, acidentes de trânsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos também os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura. O trabalho jornalístico consiste em captação e tratamento escrito, oral, visual ou gráfico, da informação em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho é normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas funções e particularidades: pauta, apuração, redação e edição.A pauta é a seleção dos assuntos que serão abordados. É a etapa de escolha sobre quais indícios ou sugestões devem ser considerados para a publicação final. A apuração é o processo de averiguar informação em estado bruto (dados, nomes, números etc.). A apuração é feita com documentos e pessoas que fornecem informações, chamadas de fontes. A interação de jornalistas com suas fontes envolve freqüentemente questões de confidencialidade.A redação é o tratamento das informações apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no rádio, na TV e no cinema). A edição é a finalização do material redigido em produto de comunicação, hierarquizando e coordenando o conteúdo de informações na forma final em que será apresentado. Muitas vezes, é a edição que confere sentido geral às informações coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edição consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espaço de impressão pré-definido. A diagramação é a disposição gráfica do conteúdo e faz parte da edição de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locução, o que no telejornalismo ganha o adicional da edição de imagens em movimento. Tags: Últimas Notícias, VILHENA RO, Cidade, Interior, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, Carro, Eleições, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Eleições, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Aniversário, Prêmio, Mês, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora, Mulher, Homem, Família, Criança, Portal,Pessoas, Como saber, Site, Blog, Diário,Protesto,Inauguração, Cassação, Cassado, Show, Apresentação, Espetáculo, Fotos, Vídeos, Imagens, Previsão, Caminhão, Vítimas, Situação, Oposição, Eleições, Enquete, Votos, Apuração, Trânsito, Operação, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos, NEWS LATEST LOCAL NEWSPAPPER.