Blog de Notícias de TORITAMA


Siga-nos e receba notícias e assuntos de interesse das cidades






Oposição critica proposta de pedágio na BR-232 do futuro secretário de Paulo Câmara

“Pernambuco já deveria estar discutindo a duplicação da ... contra ônibus e vans que levam pessoas que vão à feira da Sulanca, em Caruaru e ao pólo de Toritama e Santa Cruz do Capibaribe. Para a deputada, há um sentimento de medo e insegurança ...

Ex-prefeito de Toritama deve devolver mais de R$ 661 mil e 20 vezes o salário

A Justiça Federal em Pernambuco (JFPE) condenou por improbidade administrativa José Marcelo Marques de Andrade e Silva, ex-prefeito de Toritama, município do Agreste. Ele terá de devolver R$ 661.245,40 aos cofres públicos e pagar multa de 20 vezes o ...

Últimas notícias de TORITAMA PE:


Carro com 350 calças jeans é roubado de comerciante em Toritama, PE Um comerciante teve o carro roubado no início da tarde desta terça-feira (16) na Rua Bom Jesus, Bairro Independente, em Toritama, no Agreste pernambucano. O veículo estava com cerca de 350 calças jeans masculinas cuja marca é da própria da vítima.
Arquivo da tag: obras além de viabilizar a duplicação da PE-90, rodovia que liga Limoeiro a Toritama. O socialista lembrou o governo Eduardo Campos (PSB), afirmando que a área recebe investimentos para as suas estradas. Câmara ressaltou a recuperação da própria PE-90 e ...
Polo de Confecções do Agreste: da Sulanca à industrialização Com um faturamento anual bruto próximo de R$ 1 bilhão, segundo o Sebrae, quase 19 mil unidades produtoras empregam 130 mil pessoas em 10 localidades de Pernambuco. Três se destacam e são responsáveis por 70% da produção: Caruaru, Toritama e Santa Cruz ...

Polo de Confecções do Agreste: da Sulanca à industrialização Com um faturamento anual bruto próximo de R$ 1 bilhão, segundo o Sebrae, quase 19 mil unidades produtoras empregam 130 mil pessoas em 10 localidades de Pernambuco. Três se destacam e são responsáveis por 70% da produção: Caruaru, Toritama e Santa Cruz ...

A comida na mira do consumidor de TORITAMA: Atenção aos preços e a qualidade

Mesmo ao tomar um refrigerante ou comer um sanduíche, o consumidor deve exigir seus direitos.

Por isso, a atenção deve ser redobrada na hora de adquirir e consumir alimentos para evitar problemas, principalmente doenças e intoxicações alimentares.

Algumas precauções iniciais são: verificar as condições de higiene e limpeza dos estabelecimentos e dos atendentes.

Bares, lanchonetes e restaurantes devem afixar uma cópia do cardápio, com o preço dos serviços e refeições ofertados, em uma das portas de entrada do estabelecimento, como determina o Código de Defesa do Consumidor.

Na hora de pagar a conta, conferir o valor total dos itens consumidos e verificar se o “couvert” artístico está incluído.

Este só pode ser cobrado por estabelecimentos que tenham música ao vivo ou apresentações artísticas a cada quatro horas de funcionamento.

Os cuidados valem também na hora das compras de alimentos.

Aqui é preciso observar, além das condições de higiene, o armazenamento dos produtos nos pontos de venda e as condições em que ele se encontra.

  O alimento estragado ou deteriorado tem gosto e cheiro diferentes do normal.

O consumidor deve se habituar a ler as informações nas embalagens antes de fazer sua compra.

É nos rótulos, que devem conter os dados em letras legíveis, que estão dados como a data de fabricação, prazo de validade, composição, peso, carimbos de inspeção, origem e fabricante/produtor, entre outros.

Estas informações devem constar em todos os tipos de alimentos: in natura, industrializados e congelados.

Produtos industrializados que apresentem embalagens estufadas, enferrujadas, amassadas, furadas, rasgadas, violadas ou com vazamento não devem ser adquiridos.

Se o consumidor só notar o problema quando chegar em casa, deve retornar ao estabelecimento onde efetuou a compra a exigir a sua troca.

Quanto aos congelados, a existência de uma névoa sobre eles indica a baixa temperatura do balcão e boa condição de refrigeração, já o acúmulo de água ou umidade nos balcões frigoríficos significa que a temperatura de conservação está incorreta.

  A aquisição destes produtos deve ser feita no final das compras.

Exigir a nota fiscal ou ticket de caixa, pois sem este documento não há como trocar o produto ou abrir reclamações junto aos órgãos de defesa do consumidor.

[10]


O número de mortos em acidentes de trânsito no país cresceu 38,3% no período de 2002 a 2012, de acordo com dados do Mapa da Violência 2014.

Mapa da Violência 2014Brasil registrou em 2012 o maior número absoluto de assassinatos e a taxa mais alta de homicídios desde 1980. Nada menos do que 56.337 pessoas foram mortas naquele ano, num acréscimo de 7,9% frente a 2011. A taxa de homicídios, que leva em conta o crescimento da população, também aumentou 7%, totalizando 29 vítimas fatais para cada 100 mil habitantes. É o que revela a mais nova versão do Mapa da Violência, que será lançada nas próximas semanas com dados que vão até 2012.

 

O levantamento é baseado no Sistema de Informações de Mortalidade (SIM), do Ministério da Saúde, que tem como fonte os atestados de óbito emitidos em todo o país. O autor do mapa, o sociólogo Julio Jacobo Waiselfisz, diz que o sistema do Ministério da Saúde foi criado em 1979 e que produz dados confiáveis desde 1980. As estatísticas referentes a homicídios em 2012, portanto, são recordes dentro da série histórica do SIM.

 

Trânsito

 

Já o número de mortos em acidentes de trânsito no país cresceu 38,3% no período de 2002 a 2012, de acordo com dados do Mapa.

 

Considerando o aumento populacional no período, o crescimento foi de 24,5%.

 

O crescimento das mortes por acidentes de transporte no país em 2012 frente a 2011 foi de 2,5%. A taxa vem crescendo gradativamente desde o ano 2000.

 

Os Estados de Paraíba, Pará, Maranhão e Rondônia tiveram crescimento superior a 10% em 2012, enquanto que Amapá e Distrito Federal conseguiram reduzir suas taxas em 18% e 13%, respectivamente.

 

Roraima tem a maior taxa de mortes no trânsito por 100 mil habitantes: 42,4, frente 23,7 da média nacional. O Amazonas possui o menor índice, com 14,2.

 

Veja a prévia do Mapa da Violência 2014, clique aqui.

[4]




Oposição critica proposta de pedágio na BR-232 do futuro secretário de Paulo Câmara


“Pernambuco já deveria estar discutindo a duplicação da ... contra ônibus e vans que levam pessoas que vão à feira da Sulanca, em Caruaru e ao pólo de Toritama e Santa Cruz do Capibaribe. Para a deputada, há um sentimento de medo e insegurança ...



Ex-prefeito de Toritama deve devolver mais de R$ 661 mil e 20 vezes o salário


A Justiça Federal em Pernambuco (JFPE) condenou por improbidade administrativa José Marcelo Marques de Andrade e Silva, ex-prefeito de Toritama, município do Agreste. Ele terá de devolver R$ 661.245,40 aos cofres públicos e pagar multa de 20 vezes o ...



Carro com 350 calças jeans é roubado de comerciante em Toritama, PE Um comerciante teve o carro roubado no início da tarde desta terça-feira (16) na Rua Bom Jesus, Bairro Independente, em Toritama, no Agreste pernambucano. O veículo estava com cerca de 350 calças jeans masculinas cuja marca é da própria da vítima.
Arquivo da tag: obras além de viabilizar a duplicação da PE-90, rodovia que liga Limoeiro a Toritama. O socialista lembrou o governo Eduardo Campos (PSB), afirmando que a área recebe investimentos para as suas estradas. Câmara ressaltou a recuperação da própria PE-90 e ...
Polo de Confecções do Agreste: da Sulanca à industrialização Com um faturamento anual bruto próximo de R$ 1 bilhão, segundo o Sebrae, quase 19 mil unidades produtoras empregam 130 mil pessoas em 10 localidades de Pernambuco. Três se destacam e são responsáveis por 70% da produção: Caruaru, Toritama e Santa Cruz ...
TORITAMA PE tspan:3m TORITAMA PE

Quando um parente saca aposentadoria de morto está cometendo crime de estelionato

Sempre que um segurado da Previdência Social – que recebe algum tipo de benefício, como aposentadoria, pensão por morte, amparo social, entre outros – vem a  falecer, é responsabilidade da família e dos cartórios civis, que emitem a certidão de óbito, informar a morte ao INSS, para que haja suspensão do pagamento do benefício.

Caso o segurado falecido recebesse uma Aposentadoria ou um Auxílio Doença  e tenha dependentes (esposa/o, companheiro/a, filhos menores de idade ou inválidos, ou, na falta destes, o pais), a família deve  agendar o pedido de Pensão por Morte, pela Central 135 ou pela página eletrônica da Previdência Social, www.previdencia.gov. br.

No entanto, se o segurado que falecer não tiver dependentes, o óbito deve ser comunicado à Previdência Social e os valores depositados pelo INSS na instituição pagadora, em nome do segurado, não devem ser retirados. Em quaisquer das situações acima, sacar o valor do benefício pago à outra pessoa caracteriza crime de estelionato.

Portanto, se na sua família acontecer o óbito de alguém que recebia benefício do INSS, a orientação é entrar em contato com a Central 135 para se informar sobre a maneira correta de proceder, de acordo com a Lei.

O recebimento de benefício pós-óbito costuma acontecer quando o segurado passa a alguém de sua confiança o cartão bancário e a senha, para realizar o saque do benefício, seja por motivos de dificuldade de deslocamento ou por comodidade. Quando a família não comparece ao cartório para registrar a ocorrência do óbito, mesmo de posse da Declaração fornecida pela rede de saúde, e continua realizando as operações bancárias em nome do segurado, está cometendo uma irregularidade e terá que devolver aos cofres do INSS todos os valores que recebeu indevidamente.

A Previdência Social tem um setor, chamado Monitoramento Operacional de Benefícios (MOB), encarregado de fazer o acompanhamento dos benefícios concedidos, e detectar os casos em que haja indícios de irregularidade.

No caso do recebimento de benefício por terceiros, após o óbito do segurado, esse setor atua em conjunto com o Tribunal de Contas da União, os Sistemas Públicos de Saúde e Cartórios, para acompanhar os benefícios. Após fazer o levantamento das informações e as averiguações necessárias, comprovado o fato, o INSS convoca a família para prestar esclarecimentos e devolver os valores recebidos em nome do falecido.

Caso a pessoa que sacou o benefício se negue a ressarcir à Previdência Social, o processo é encaminhado ao Departamento da Polícia Federal, onde passa a ser tratado como crime de estelionato.

Somente em 2012, no Paraná, cerca de R$10 milhões retornaram aos cofres da instituição, pagos por familiares ou terceiros que receberam, irregularmente, os valores de benefícios de segurados já falecidos. (Maria Cristina Pires/SCS PR)

[5]

*blogsbrasil.com - todos os direitos reservados. Selecionamos as principais notícias da cidade de TORITAMA PE. Os acontecimentos políticos, acidentes de trânsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos também os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura. O trabalho jornalístico consiste em captação e tratamento escrito, oral, visual ou gráfico, da informação em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho é normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas funções e particularidades: pauta, apuração, redação e edição.A pauta é a seleção dos assuntos que serão abordados. É a etapa de escolha sobre quais indícios ou sugestões devem ser considerados para a publicação final. A apuração é o processo de averiguar informação em estado bruto (dados, nomes, números etc.). A apuração é feita com documentos e pessoas que fornecem informações, chamadas de fontes. A interação de jornalistas com suas fontes envolve freqüentemente questões de confidencialidade.A redação é o tratamento das informações apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no rádio, na TV e no cinema). A edição é a finalização do material redigido em produto de comunicação, hierarquizando e coordenando o conteúdo de informações na forma final em que será apresentado. Muitas vezes, é a edição que confere sentido geral às informações coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edição consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espaço de impressão pré-definido. A diagramação é a disposição gráfica do conteúdo e faz parte da edição de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locução, o que no telejornalismo ganha o adicional da edição de imagens em movimento. Tags: Últimas Notícias, TORITAMA PE, Cidade, Interior, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, Carro, Eleições, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Eleições, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Aniversário, Prêmio, Mês, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora há Pouco, Mulher, Homem, Família, Criança, Portal,Pessoas, Como saber, Onde eu Acho, Site, Blog, Diário,Protesto,Inauguração, Cassação, Cassado, Show, Apresentação, Espetáculo, Fotos, Vídeos, Imagens, Previsão, Caminhão, Vítimas, Situação, Oposição, Eleições, Enquete, Votos, Apuração, Trânsito, Operação, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos.