BLOG DE NOTICIAS DE SOCORRO DO PIAUI

Últimas notícias e assuntos de interesse da cidade

Últimas notícias de SOCORRO DO PIAUI PI:

Greve do Judiciário pode prejudicar inseminação de urnas no Piauí


Alunos de graduação do Piauí ainda podem se inscrever no Ciências sem Fronteira



 Massagista mora em estádio e fama de "pegador": três esposas e 29 filhos Charme e simpatia: massagista Muniz é o "Zé Bonitinho" do Piauí (Foto: Josiel Martins ) Saída 21 ... Fiz o parto do Jardel, que tem 16 anos, pois a mulher passou mal e o socorro não chegou. Quando os médicos chegaram, já tinha era cortado o ...
População do Piauí cresce e chega a 3,19 milhões, segundo IBGE As demais unidades federativas têm as seguintes populações: Paraíba (3,94 milhões), Espírito Santo (3,88 milhões), Amazonas (3,87 milhões), Rio Grande do Norte (3,41 milhões), Alagoas (3,32 milhões), Piauí (3,19 milhões), Mato Grosso (3,22 ...

Consiga um emprego AGORA MESMO em SOCORRO DO PIAUI PI:

Empregos Manager Online
Piauí tem mais de 3.194 milhões de habitantes, segundo dados do IBGE Teresina continua sendo a cidade mais populosa do Piauí (Foto: Gil Oliveira/ G1) O Piauí tem uma população de 3.194.718 habitantes, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), publicados nesta quinta-feira (28) no Diário ...

TRE do Piauí promove nova ação de voto consciente entre jovens na Uespi A segunda mobilização aconteceu no campus Torquato Neto da Universidade Estadual do Piauí (Uespi), Zona Norte de Teresina, e contou com simulação de voto, palestras, oficinas, sarau cultural e diversas atividades. Para o coordenador de jurisprudência ...
Piauí faz diagnóstico do Programa Água Doce ... que tem o objetivo de dessalinizar a água de poços e criar cadeias produtivas nos municípios do semiárido chega a fase de diagnóstico. No Piauí, 20 municípios serão beneficiados, inicialmente. A capacitação dos técnicos municipais acontece ...

Tempo e Temperatura:

População do Piauí cresce e chega a 3,19 milhões, segundo IBGE As demais unidades federativas têm as seguintes populações: Paraíba (3,94 milhões), Espírito Santo (3,88 milhões), Amazonas (3,87 milhões), Rio Grande do Norte (3,41 milhões), Alagoas (3,32 milhões), Piauí (3,19 milhões), Mato Grosso (3,22 ...
Piauí tem mais de 3.194 milhões de habitantes, segundo dados do IBGE Teresina continua sendo a cidade mais populosa do Piauí (Foto: Gil Oliveira/ G1) O Piauí tem uma população de 3.194.718 habitantes, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), publicados nesta quinta-feira (28) no Diário ...
ELEIÇÕES NO PIAUÍ: Gustavo Henrique surpreende, acua Wilson Martins e vence debate do Meio Norte Na análise dos estrategistas eleitorais e analistas políticos, Gustavo Henrique foi o grande vencedor do primeiro debate entre candidatos ao Senado Federal pelo Piauí debate desta quarta-feira (23) na TV Meio Norte, em Teresina, foi marcado pela ...
Com Piauí no “stand by”, Darley sonha com 2015 e revela torcida pelo River-PI Darley segue uma rotina de trabalho bem diferente do primeiro semestre, quando atuou no estadual (Foto: Abdias Bideh) O Piauí segue com suas atividades paralisadas no âmbito profissional e boa parte dos jogadores que foram vice-campeões do Piauiense ...
Greve do Judiciário pode prejudicar inseminação de urnas no Piauí Sem previsão de acordo, a greve dos servidores do judiciário federal no Piauí entra no seu quarto dia nesta sexta-feira (29) e deve paralisar atividades importantes do período eleitoral. Para o diretor do sindicato, Pedro Laurentino, entre os trabalhos ...
Alunos de graduação do Piauí ainda podem se inscrever no Ciências sem Fronteira Estudantes de graduação de todo o Brasil, e de nove instituiçõe s credenciadas do Piauí, já podem se inscrever em um dos 26 editais abertos para o programa de intercâmbio Ciências sem Fronteiras. São ofertadas oportunidades para conhecer 21 países ...
Massagista mora em estádio e fama de "pegador": três esposas e 29 filhos Charme e simpatia: massagista Muniz é o "Zé Bonitinho" do Piauí (Foto: Josiel Martins ) Saída 21 ... Fiz o parto do Jardel, que tem 16 anos, pois a mulher passou mal e o socorro não chegou. Quando os médicos chegaram, já tinha era cortado o ...
População do Piauí cresce e chega a 3,19 milhões, segundo IBGE As demais unidades federativas têm as seguintes populações: Paraíba (3,94 milhões), Espírito Santo (3,88 milhões), Amazonas (3,87 milhões), Rio Grande do Norte (3,41 milhões), Alagoas (3,32 milhões), Piauí (3,19 milhões), Mato Grosso (3,22 ...
300x250 Ex-senador passa até por cemitério em campanha pelo governo do Piauí Após perder a reeleição para o Senado em 2010 e a disputa pela Prefeitura de Parnaíba em 2012, o ex-senador Mão Santa tenta voltar a ocupar um cargo público nas eleições deste ano, desta vez como governador do Piauí. Conhecido no Congresso ... 
Homem é morto a tiros após atacar policiais com faca no interior do Piauí Segundo o delegado Maikon Kaestner, o caso ocorreu nessa quarta-feira (27) em uma casa próximo a rodovia PI-112, e a vítima teria sido atingida por vários tiros depois de ter reagido a uma abordagem policial e de tentar agredir os agentes com uma faca.
PI: Empresário preso com 200kg de munições vendia armas ilegalmente A Polícia Civil de São João do Piauí, realizou a maior apreensão de munição já registrada no município. A ação aconteceu nesta quinta-feira (28/08), onde foram apreendidas mais de 200 quilos de munição de pistola e de armas calibre 38, 32 e 28.
Flavio Barros forçou o trabalho de finalizações para o time acostumar a chutar Teresina, PI, 28 (AFI) – O time do River voltou aos trabalhos na última terça-feira após a vitória sobre o Interporto pelo Campeonato Brasileiro da Série D, e o técnico Flávio Barros mostrou preocupação com o baixo índice de chutes a gol que ...
300x250 IBGE: 47 cidades perdem habitantes em 2014 e PI tem nova taxa populacional A nova estimativa do IBGE, divulgada nesta quinta-feira (28), revela um dado preocupante para prefeituras. Um total de 47 cidades no Piauí perdeu habitantes. Em alguns deles, o Fundo de Participaçã o dos Municípios (FPM), principal renda da cidade ...
Zé Filho promete extinguir Fundespi, privatizar a Eletrobras-PI e entinguir secretarias governador Zé Filho, candidato a reeleição pelo PMDB no Piauí, foi o quarto entrevistado na série especial do G1 nesta quinta-feira (28). Na entrevista, Zé Filho disse que, caso seja reeleito, pretende reduzir o número de secretarias e extinguir a ...
Prefeito Zé Resende recebe representantes da empresa RM responsável pelo asfaltamento da PI 331 No final da tarde de hoje, o Prefeito Zé Resende recebeu o Dr. Filho dono da construtora RM, que está realizando a obra de asfaltamento do trecho da PI 331 que liga Boa Hora a PI 111. Além do Dr. Filho também esteve em Boa Hora o engenheiro Dr. Mauro ...
ao River-PI com aprovação do técnico O lateral-direito Michael se apresentou na tarde desta quarta-feira no CT Afrânio Nunes. O novo jogador do River-PI chegou por indicação de Flávio Barros, com quem ele já havia trabalhado no Potiguar de Mossoró. Em seu primeiro dia no poleiro do Galo ...

SOCORRO DO PIAUI PI tspan:3m SOCORRO DO PIAUI PI
Selecionamos as principais notícias da cidade de SOCORRO DO PIAUI PI. Os acontecimentos políticos, acidentes de trânsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos também os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura.

O trabalho jornalístico consiste em captação e tratamento escrito, oral, visual ou gráfico, da informação em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho é normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas funções e particularidades: pauta, apuração, redação e edição.A pauta é a seleção dos assuntos que serão abordados. É a etapa de escolha sobre quais indícios ou sugestões devem ser considerados para a publicação final. A apuração é o processo de averiguar informação em estado bruto (dados, nomes, números etc.). A apuração é feita com documentos e pessoas que fornecem informações, chamadas de fontes. A interação de jornalistas com suas fontes envolve freqüentemente questões de confidencialidade.A redação é o tratamento das informações apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no rádio, na TV e no cinema). A edição é a finalização do material redigido em produto de comunicação, hierarquizando e coordenando o conteúdo de informações na forma final em que será apresentado. Muitas vezes, é a edição que confere sentido geral às informações coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edição consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espaço de impressão pré-definido. A diagramação é a disposição gráfica do conteúdo e faz parte da edição de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locução, o que no telejornalismo ganha o adicional da edição de imagens em movimento.

Tags: Últimas Notícias, SOCORRO DO PIAUI PI, Cidade, Interior, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, Carro, Eleições, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Eleições, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Aniversário, Prêmio, Mês, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora há Pouco, Mulher, Homem, Família, Criança, Portal,Pessoas, Como saber, Onde eu Acho, Site, Blog, Diário,Protesto,Inauguração, Cassação, Cassado, Show, Apresentação, Espetáculo, Fotos, Vídeos, Imagens, Previsão, Caminhão, Vítimas, Situação, Oposição, Eleições, Enquete, Votos, Apuração, Trânsito, Operação, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos.

Quem é o maior culpado pelo fogo nas matas?

A atividade humana é uma das principais causas de queimadas nesta época do ano. De acordo com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), 90% dos incêndios florestais têm de origem antrópica - fruto da ação do homem. Na grande parte dos casos, decorrem do uso incorreto do fogo para a renovação de pastagens, da caça e de ações criminosas em represália à criação e gestão de unidades de conservação. Em menor escala, há casos de queimadas que começam, de maneira natural, por conta de raios.

O território atingido pelos incêndios florestais tem apresentado aumento. De acordo com o Corpo de Bombeiros do Distrito Federal, a queima proposital de resíduos sólidos perto de áreas verdes é o motivo mais recorrente dos incêndios atendidos no periodo de os chamados na capital federal. Apenas em junho deste ano, 395,16 hectares de vegetação foram consumidos pelo fogo - aumento de 77,8% em relação aos 222,23 hectares verificados em junho de 2013.

Brigadistas

Para lutar contra os focos de incêndios florestais, o governo federal adotou medidas como o reforço do efetivo que atua em campo. Ao todo, 1.589 brigadistas foram contratados para formar as grupos do Sistema Nacional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais (PrevFogo) em todo o País. Os profissionais ficam em pontos estratégicos nas Regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste e se concentram em atividades de prevenção e mnuseio nas unidades de convenção.

Do total, 175 brigadistas atuam nas unidades de conservação federais contempladas pelo projeto Cerrado-Jalapão, em Tocantins, coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA) em cooperação com o governo alemão e em parceria com o ICMBio e outros órgãos. “As grupos fazem a prevenção por meio de aceiros (desbaste de um terreno em volta de matas para impedir propagação de incêndios) e participam das atividades de pesquisa”, explica a analista ambiental do ICMBio, Ângela Garda.

O efetivo desempenha um trabalho contínuo de prevenção, combate e conscientização nas áreas de maior risco. “Os brigadistas têm papel fundamental no resultado das ações de mnuseio integrado do fogo, pois não são apenas combatentes de incêndio, são agentes comunitários de sensibilização e se envolvem na queima controlada, educação ambiental e pesquisa”, justifica Ângela. Segundo ela, a meta é reduzir a área atingida pelas queimadas com a implantação do mnuseio integrado e adaptativo do fogo. “(Os incêndios) são ameaças à proteção do patrimônio natural”, alerta.

Jipes

Veículos especiais são usados pelas grupos de prevenção e combate ao fogo. Na região do Jalapão, quatro marruás – jipes desenvolvidos para operações militares – fazem o transporte de brigadistas e materiais a pontos de difícil acesso nas unidades de conservação. A aquisição somou o investimento de R$ 800 mil, financiados pelo projeto Cerrado-Jalapão. Os automóveis tornaram o trabalho mais eficiente nas unidades de conservação, já que deslocam as grupos com mais rapidez e segurança aos focos de incêndio e áreas estratégicas para ações de prevenção.

A nível nacional, o Plano de Ação para Prevenção e Controle do Desmatamento e das Queimadas no Cerrado (PPCerrado) é a ferramenta estratégica de combate aos incêndios florestais no bioma. O documento traça ações táticas e operacionais que são implantadas por meio da articulação entre União, Estados, municípios, sociedade civil, setor empresarial e universidades.

Fique atento

Veja como ajudar a evitar queimadas:

- Não jogue bitucas de cigarro pela janela do carro

- Não fume em matas e locais com muita vegetação

- Impeça crianças de brincar com fogo em áreas verdes

- Evite fazer fogueiras em áreas de vegetação

Como funciona?

Confira os principais elementos nos casos de incêndios florestais:

- O combate busca suprimir o chamado triângulo do fogo: calor, oxigênio e combustível (vegetação, no caso das queimadas)

- Para os incêndios de pequenas proporções, as brigadas usam abafador, bomba costal e motobomba

- Diante de queimadas de maiores proporções, são aplicados recursos como caminhão-pipa, helicópteros e aviões agrícolas para aspersão de água

Saiba mais sobre o Cerrado

Segundo maior bioma da América do Sul, o Cerrado ocupa 24% do território brasileiro, em uma área total de cerca de 2 milhões de km2. Está presente no Distrito Federal e nos estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Maranhão, Bahia, Piauí, Minas Gerais, São Paulo e Paraná, o que soma 1.330 municípios. Nessa região, ficam as nascentes das três maiores bacias hidrográficas da América do Sul (Amazônica/Tocantins, São Francisco e Prata).

Em decorrência da diversidade biológica, o Cerrado é caracterizado como a savana mais rica do mundo. Ao todo, 11.627 espécies de plantas nativas, 199 diferentes mamíferos e 837 exemplares distintos da avifauna habitam o bioma, além de 1,2 mil espécies de peixes, 180 répteis e 150 anfíbios. O cerrado conta, ainda, com diversas populações que sobrevivem de seus recursos naturais, incluindo etnias indígenas, quilombolas, ribeirinhos e outros povos tradicionais.

[26]

Quem é o maior culpado pelo fogo nas matas?

A atividade humana é uma das principais causas de queimadas nesta época do ano. De acordo com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), 90% dos incêndios florestais têm de origem antrópica - fruto da ação do homem. Na grande parte dos casos, decorrem do uso incorreto do fogo para a renovação de pastagens, da caça e de ações criminosas em represália à criação e gestão de unidades de conservação. Em menor escala, há casos de queimadas que começam, de maneira natural, por conta de raios.

O território atingido pelos incêndios florestais tem apresentado aumento. De acordo com o Corpo de Bombeiros do Distrito Federal, a queima proposital de resíduos sólidos perto de áreas verdes é o motivo mais recorrente dos incêndios atendidos no periodo de os chamados na capital federal. Apenas em junho deste ano, 395,16 hectares de vegetação foram consumidos pelo fogo - aumento de 77,8% em relação aos 222,23 hectares verificados em junho de 2013.

Brigadistas

Para lutar contra os focos de incêndios florestais, o governo federal adotou medidas como o reforço do efetivo que atua em campo. Ao todo, 1.589 brigadistas foram contratados para formar as grupos do Sistema Nacional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais (PrevFogo) em todo o País. Os profissionais ficam em pontos estratégicos nas Regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste e se concentram em atividades de prevenção e mnuseio nas unidades de convenção.

Do total, 175 brigadistas atuam nas unidades de conservação federais contempladas pelo projeto Cerrado-Jalapão, em Tocantins, coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA) em cooperação com o governo alemão e em parceria com o ICMBio e outros órgãos. “As grupos fazem a prevenção por meio de aceiros (desbaste de um terreno em volta de matas para impedir propagação de incêndios) e participam das atividades de pesquisa”, explica a analista ambiental do ICMBio, Ângela Garda.

O efetivo desempenha um trabalho contínuo de prevenção, combate e conscientização nas áreas de maior risco. “Os brigadistas têm papel fundamental no resultado das ações de mnuseio integrado do fogo, pois não são apenas combatentes de incêndio, são agentes comunitários de sensibilização e se envolvem na queima controlada, educação ambiental e pesquisa”, justifica Ângela. Segundo ela, a meta é reduzir a área atingida pelas queimadas com a implantação do mnuseio integrado e adaptativo do fogo. “(Os incêndios) são ameaças à proteção do patrimônio natural”, alerta.

Jipes

Veículos especiais são usados pelas grupos de prevenção e combate ao fogo. Na região do Jalapão, quatro marruás – jipes desenvolvidos para operações militares – fazem o transporte de brigadistas e materiais a pontos de difícil acesso nas unidades de conservação. A aquisição somou o investimento de R$ 800 mil, financiados pelo projeto Cerrado-Jalapão. Os automóveis tornaram o trabalho mais eficiente nas unidades de conservação, já que deslocam as grupos com mais rapidez e segurança aos focos de incêndio e áreas estratégicas para ações de prevenção.

A nível nacional, o Plano de Ação para Prevenção e Controle do Desmatamento e das Queimadas no Cerrado (PPCerrado) é a ferramenta estratégica de combate aos incêndios florestais no bioma. O documento traça ações táticas e operacionais que são implantadas por meio da articulação entre União, Estados, municípios, sociedade civil, setor empresarial e universidades.

Fique atento

Veja como ajudar a evitar queimadas:

- Não jogue bitucas de cigarro pela janela do carro

- Não fume em matas e locais com muita vegetação

- Impeça crianças de brincar com fogo em áreas verdes

- Evite fazer fogueiras em áreas de vegetação

Como funciona?

Confira os principais elementos nos casos de incêndios florestais:

- O combate busca suprimir o chamado triângulo do fogo: calor, oxigênio e combustível (vegetação, no caso das queimadas)

- Para os incêndios de pequenas proporções, as brigadas usam abafador, bomba costal e motobomba

- Diante de queimadas de maiores proporções, são aplicados recursos como caminhão-pipa, helicópteros e aviões agrícolas para aspersão de água

Saiba mais sobre o Cerrado

Segundo maior bioma da América do Sul, o Cerrado ocupa 24% do território brasileiro, em uma área total de cerca de 2 milhões de km2. Está presente no Distrito Federal e nos estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Maranhão, Bahia, Piauí, Minas Gerais, São Paulo e Paraná, o que soma 1.330 municípios. Nessa região, ficam as nascentes das três maiores bacias hidrográficas da América do Sul (Amazônica/Tocantins, São Francisco e Prata).

Em decorrência da diversidade biológica, o Cerrado é caracterizado como a savana mais rica do mundo. Ao todo, 11.627 espécies de plantas nativas, 199 diferentes mamíferos e 837 exemplares distintos da avifauna habitam o bioma, além de 1,2 mil espécies de peixes, 180 répteis e 150 anfíbios. O cerrado conta, ainda, com diversas populações que sobrevivem de seus recursos naturais, incluindo etnias indígenas, quilombolas, ribeirinhos e outros povos tradicionais.

[27]

INSS é responsável por descontos errados de empréstimo para aposentados

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) pode ser obrigado a devolver valores indevidamente descontados da renda mensal de aposentadoria ou pensão por morte para pagamento de mensalidades de empréstimo bancário em consignação. A decisão foi da Turma Nacional de Uniformização dos Juizados Especiais Federais (TNU), que pacificou o entendimento sobre a matéria, na sessão de julgamentos desta quarta-feira (6).

No caso julgado pela Turma Nacional, o INSS apresentou recurso contra as decisões de primeira e segunda instância dos Juizados Especiais Federais, que haviam concedido a uma segurada de Pernambuco o pagamento em dobro dos valores descontados de seu benefício, bem como pagamento de indenização por danos morais.

A autarquia utilizou como fundamento um acórdão da Turma Recursal de Goiás, que considerou não existir legitimidade passiva do INSS para a ação judicial na qual se pretende restituição de valores descontados de benefício previdenciário para repasse ao banco responsável pelo empréstimo consignado. Para o Instituto, na ocorrência de fraude, a responsabilidade seria apenas da instituição financeira.

Autorização

No entanto, a Lei 10.820, de 2003, prevê a possibilidade de a autorização para consignação do empréstimo ser colhida tanto pelo INSS quanto pela instituição financeira. A relatora do processo na TNU, juíza federal Marisa Cláudia Gonçalves Cucio, sustenta ainda, em seu voto, que a despeito de o contrato ter sido ajustado entre beneficiário e banco, a autorização de desconto emitida pelo segurado titular do benefício dever ser obtida pelo próprio INSS.

O banco somente pode colher diretamente autorização de consignação do beneficiário se for o responsável, ao mesmo tempo, pela concessão do empréstimo e pelo pagamento do benefício ao segurado. Nessa situação, o INSS repassa o valor integral da aposentadoria ou pensão à instituição financeira credora, que se encarrega de efetuar o desconto na renda mensal. “Em contrapartida, quando o INSS se incumbe de fazer a consignação, precisa ele próprio exigir do beneficiário a manifestação de autorização”, ponderou a magistrada.

Segundo ela, a controvérsia sobre a questão se aprofundou com a edição de atos normativos pelo próprio Instituto, os quais não previam a necessidade do beneficiário apresentar autorização de consignação, porque bastaria o banco conveniado encaminhar à Dataprev arquivo magnético com os dados do contrato de empréstimo.

“O INSS não pode, com base em ato normativo infralegal editado por ele próprio, eximir-se da responsabilidade, imposta por norma legal hierarquicamente superior, de verificar se o aposentado ou pensionista manifestou a vontade de oferecer parcela dos proventos como garantia da operação financeira de crédito. (...) Ao confiar nos dados unilateralmente repassados à Dataprev pela instituição financeira, o INSS assume o risco de efetuar descontos indevidos na renda mensal de benefícios previdenciários”, salientou a juíza federal. [17]


Como um aplicativo para celular ajuda a localizar um carro roubado?

A Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça (Senasp/MJ) divulgou que o aplicativo para smartphones e tablets Sinesp Cidadão ultrapassou 1,8 milhão de downloads durante seis meses de funcionamento. Por meio de consultas ao Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública, Prisionais e Sobre Drogas (Sinesp), 55 mil veículos roubados ou furtados já foram recuperados e 2 mil pessoas que estavam foragidas foram capturadas.

Clique aqui e baixe o Sinesp Cidadão

A secretária Nacional de Segurança Pública, Regina Miki, explica que milhares desses usuários consultaram o sistema e depois acionaram a polícia, que após checar as denúncias fez as apreensões e prisões.

Entretanto, Regina Miki explica que o cidadão não deve agir sozinho. "Quando o usuário verifica algo irregular, sobre alguma pessoa ou um veículo, basta acionar profissionais de segurança pública, que fazem a checagem e apuração da suspeita", orienta.

app é gratuito e pode ser baixado em celulares e tablets, ou acessado por computadores. Ele está disponível 24 horas por dia, em qualquer lugar com acesso à internet. Está disponível para Android e para o sistema IOS. Em breve a ferramenta deve ser disponibilizada também para as plataformas Windows Phone e Blackberry.

Buscas inteligentes As informações sobre veículos são acessadas por meio da base nacional do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), com uma frota de mais 83 milhões de automóveis, motocicletas, caminhões, ônibus, e etc. O módulo de Consulta a Placas do Sinesp Cidadão (ou CheckPlaca, como ficou conhecido) foi o primeiro a ser lançado, em 12 de dezembro de 2013. De lá para cá, foram registradas 70 milhões de consultas a placas de veículos, com uma média de 320 mil verificações por dia.

Já o módulo Mandados de Prisão do Sinesp Cidadão permite buscas a nomes e números de documentos de pessoas incluídas no Banco Nacional de Mandados de Prisão do Conselho Nacional de Justiça, com mais de 350 mil mandados em aberto. O serviço foi lançado em 24 de abril deste ano e soma 3 milhões de consultas no período, ou cerca de 90 mil buscas diárias.

Sistemas integrados De acordo com a secretária Regina Miki, o Sinesp Cidadão é um produto da maior plataforma tecnológica sobre segurança pública do país, desenvolvido em parceria com o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro).

Miki explica que o Sinesp é um portal de informações integradas, em parceria com os entes federados, que possibilita consultas estatísticas, operacionais, investigativas e estratégias relacionadas a drogas, segurança pública, justiça criminal, sistema prisional, entre outros.

"Por meio do Sinesp procuramos subsidiar diagnósticos de criminalidade, formulação e avaliação de políticas de segurança, além de promover a integração nacional de informações de forma padronizada", informa a secretária.

[21]

“Não é aconselhável comer carne vermelha todo dia. É preciso variar com carnes brancas ou carne de soja. Peixes são excelentes para ajudar no controle do colesterol. E se for consumir carne vermelha é melhor que não seja frita.”

Escolhas saudáveis na alimentação controla o colesterol

O colesterol – quando está alto – é um fator de risco que facilita a aparição de várias doenças, como, por exemplo, a arteriosclerose, a isquemia cerebral e infartos.

Segundo a nutricionista Maria Emília França, do Hospital Federal Cardoso Fonte, no Rio de Janeiro, o colesterol é um conjunto de gorduras necessário para o organismo exercer algumas funções, como a produção de determinados hormônios. Portanto, precisamos dele, mas é preciso ingeri-lo de forma equilibrada para manter as taxas regulares.

Alimentação saudável

Maria Emília alertou para o perigo de vários alimentos, em especial o consumo de carnes muito gordurosas, como carne de porco e linguiças, mas também queijo amarelo, biscoitos, pizzas, salgados e comidas fritas. “Não é aconselhável comer carne vermelha todo dia. É preciso variar com carnes brancas ou carne de soja. Peixes são excelentes para ajudar no controle do colesterol. E se for consumir carne vermelha é melhor que não seja frita.”, sugere Maria.

Entre os alimentos que ajudam a regular o colesterol, a profissional cita principalmente os ricos em fibra, como aveia, alimentos integrais em geral (pão, arroz, macarrão), castanhas e nozes. Ainda enfatizou a importância das frutas, principalmente as vermelhas (morango, goiaba, acerola), mas também uva. “Deve-se comer de 3 a 4 porções de frutas por dia”, recomenda Maria Emília. Legumes e verduras também devem ser alimentos diários na mesa das pessoas. Porém, lembra Emília, esses alimentos tem que entrar na dieta junto com a retirada dos mais gordurosos. “Comer pizza, ir ao fast-food, comer enlatados e congelados não tem problema quando é eventualmente. O problema é trocar sua refeição tradicional por hambúrguer. A frequência exagerada do consumo desses alimentos é o que está adoecendo as pessoas”, explica.

Mesmo com todos os cuidados com a alimentação, fica difícil controlar o colesterol sem aliar com as atividades físicas. “Quando você começa a usar atividade física você gasta a gordura acumulada e baixa o colesterol. É mais difícil controlar sem atividade física”, ressalta Maria Emília.

Mesmo quem não costuma comer muitos alimentos industrializados e gordurosos pode ter problemas com o colesterol. Além desses fatores, a hereditariedade pode determinar um colesterol alto mesmo em pessoas de hábitos saudáveis.

Esse é o caso da enfermeira Tochie Massuda. Descendente de japoneses, sempre teve uma vida alimentar baseada, principalmente, em verduras e legumes. Uma dieta pobre em gorduras, sal, praticamente sem frituras e com baixo consumo de carnes. Há três anos, nos seus exames preventivos anuais, ela descobriu que o colesterol estava alto e, sem conseguir abaixá-lo, mesmo praticando exercícios assiduamente, teve então que recorrer aos medicamentos.

“Se eu não tivesse passado pelo meu (exame) preventivo eu nem sabia que estava com o colesterol elevado. Tanto que nas minhas atividades físicas eu não sinto nada. O perigo do colesterol alto é não sentir nada e quando você se depara já está com as artérias entupidas e pode até ter um enfarto que não esperava”, relata Tochie.

O médico de Tochie apontou então o fator hereditário como o causador do desequilíbrio, uma vez que sua mãe e seus irmãos também têm colesterol elevado. Mesmo o fator hereditário sendo importante, não podemos esquecer do fator alimentação e exercícios, além do cigarro e excesso de bebida alcoólica.

Para manter o colesterol controlado e a saúde em dia, faça exames regulares, mantenha uma alimentação saudável e pratique exercícios físicos.

[7]

EM SOCORRO DO PIAUI tspan:3m EM SOCORRO DO PIAUI

Um turismo diferente, baseado num produto destacado no Brasil

O Brasil é hoje o maior produtor e exportador de café, e o segundo maior consumidor do produto em todo o mundo. Do período colonial ao republicano, a produção de café marcou a história do País e as marcas desse processo estão em toda parte e geram um grande interesse, especialmente aos turistas.

Entre os destinos mais visitados estão a Rota do Café, no norte do Paraná, e o Museu do Café, em Santos (SP). Além de degustar cafés de diferentes tipos, os admiradores do produto podem conhecer um pouco mais desta história em visitas e roteiros turísticos elaborados especificamente para destacar a importância da bebida para o País.

A Rota do Café é um roteiro turístico que resgata a cultura cafeeira de uma região que prosperou graças ao “ouro verde” – como o grão era conhecido no século passado. O roteiro inclui visitas a fazendas históricas e produtivas, museus e memoriais.

A rota é composta por nove municípios, incluindo Londrina (PR), que já foi considerada a “capital mundial do café”. O consultor do Sebrae/PR, Sérgio Garcia, explica que o objetivo do projeto é oferecer experiências marcantes aos turistas. “Entre maio e agosto, os visitantes podem participar da colheita nas fazendas produtivas e “abanar” o café: o que consiste em peneirar separando os grãos das folhas e impurezas”, disse.

Para o ministro do Turismo, Vinicius Lages, a gastronomia brasileira ganha ainda mais importância quando atrelada à história, fortalecendo o potencial turístico que pode ser explorado. “A gastronomia foi um dos itens com melhor avaliação dos estrangeiros que estiveram no Brasil durante a Copa, com 93,2% de aprovação”, disse.

Museu do Café

O centro histórico de Santos, no litoral paulista, abriga o Museu do Café, onde o turista tem acesso a fotografias, objetos e documentos que mostram como a evolução da cafeicultura e o desenvolvimento do País estão intimamente ligados. O acervo permite ao visitante uma viagem ao passado, começando com a chegada das primeiras mudas da planta ao Brasil, passando pela mecanização das plantações e a chegada dos imigrantes japoneses e europeus para o trabalho nas lavouras.

Cerca de 20 mil pessoas visitam mensalmente o acervo, instalado no edifício da antiga Bolsa Oficial de Café, onde eram realizadas as negociações que determinavam as cotações diárias das sacas de café na época. Inaugurado em 1922, como parte das comemorações do centenário da independência do Brasil, o prédio se tornou um dos símbolos maiores da riqueza dos negócios do café e um dos cartões-postais mais conhecidos da cidade de Santos.

Após a visita ao museu, o visitante pode fazer uma pausa para o cafezinho na Cafeteria do Museu, que possui em seu cardápio diversas opções de bebidas que têm o café como principal ingrediente. Além disso, conta com grande variedade de grãos, produzidos em diferentes regiões do Brasil, à disposição dos visitantes para consumir na hora ou levar para casa.

De acordo com o estudo da Demanda Turística Internacional de 2012, do Ministério do Turismo, 10,6% dos estrangeiros que vieram ao País motivados por lazer tem a cultura brasileira como o principal interesse da viagem. Para a pasta, o turismo cultural valoriza os bens materiais e imateriais e registram a memória e identidade do País.

Serviço:

Rota do Café (PR): inclui 34 empreendimentos em nove municípios na região norte do Paraná. Para adquirir o pacote, o turista deve procurar uma das agências de turismo credenciadas: www.rotadocafe.tur.br. Entre 10 de novembro a 7 de dezembro, a região também receberá o 4º Festival de Gastronomia, Cultura e Lazer do Café – Fest Café, com diversos pratos doces e salgados elaborados com o grão.

Museu do Café (SP): localizado na rua XV de Novembro, 95, no Centro Histórico de Santos. Seu horário de funcionamento é de terça a sábado das 9h às 17h, e aos domingos entre 10h e 17h. Entre os meses de novembro e março, o Museu abre também às segundas-feiras, das 9h às 17h. Os ingressos para visitação custam R$ 5,00. Estudantes e pessoas acima de 60 anos pagam meia-entrada. A Cafeteria do Museu funciona de segunda a sábado, das 9h às 18h, e aos domingos entre 10h e 18h.


Já pensou em fazer carreira militar?

As Forças Armadas Brasileiras não são compostas apenas por militares originários do serviço militar obrigatório. É possível ingressar no Exército, Marinha ou Aeronáutica e seguir carreira nos níveis escolares fundamental, médio ou superior e em diversas áreas de atuação, como medicina, comunicação e engenharia, entre outras.

Cada uma das Forças Armadas possui peculiaridades no processo de seleção, porém, homens e mulheres têm a possibilidade de ingressar no serviço militar a partir da adolescência, mediante aprovação em concurso público, de âmbito nacional, em alguma das Escolas de Formação específicas de cada Força.

A situação do jovem que presta o serviço militar obrigatório, cumprindo o que determina a Lei do Serviço Militar, é diferente da situação do jovem que se inscreve para prestar concurso para uma das Escolas da Força. O primeiro, por força da lei, permanece em alguma das Forças Armadas por um período temporário de no máximo oito anos, diferentemente do jovem aprovado em concurso, que poderá seguir a carreira das Armas e permanecerá na Força até passar para a Reserva Remunerada (uma espécie de aposentadoria militar).



*blogsbrasil.com - todos os direitos reservados.