Blog de Notícias de PRINCESA ISABEL








Bandido que agia em Triunfo e parte da Paraíba é preso em Princesa Isabel (PB)

Agentes da Polícia Civil (PC) de Pernambuco, cumprindo  mandado de prisão, prenderam na noite deste  sábado (27) em Princesa Isabel (PB), José Alexandre Cardoso da Silva, vulgarmente conhecido como  X…

Começa a distribuição de sementes certificadas para agricultores familiares da Paraíba

Entre janeiro e fevereiro, foram atendidas as regiões de Itaporanga, Catolé do Rocha, Cajazeiras, Patos, Pombal, Princesa Isabel, Serrara Branca e Souza. O Programa Estadual de Distribuiçã o de Sementes Certificadas da Sedap, para a Safra 2014/2015 ...

FALA POVO!! POSTE ATRAPALHA CIRCULAÇÃO DE VEÍCULOS EM PRINCESA ISABEL

Os moradores da rua Prefeito Antônio Nominando Diniz, próximo ao Hospital São Vicente de Paulo, estão sendo prejudicados com um poste que ficou no centro da rua atrapalhando o tráfego de veículos naqu…

Governo distribui 760 toneladas de sementes certificadas para agricultores familiares

Entre janeiro e fevereiro, foram atendidas as regiões de Itaporanga, Catolé do Rocha, Cajazeiras, Patos, Pombal, Princesa Isabel, Serrara Branca e Souza. O Programa Estadual de Distribuiçã o de Sementes Certificadas da Sedap, para a Safra 2014/2015 ...

EM PRINCESA ISABEL O TURISMO EM RUÍNAS

 É triste passarmos pela rodovia 364 e vermos as ruínas do magnífico prédio que um dia foi o Princesa Hotel . Esse é o triste fim de um patrimônio publico que tanto nos orgulhou e aos turistas que vin…

Com 324 cirurgias realizadas, Governo da PB retoma mutirões de cirurgias de catarata no interior do Estado

Já as 236 cirurgias realizadas no Hospital Regional de Patos atenderam pessoas dos municípios de Patos, Princesa Isabel, Passagem, Cacimba de Areia, Emas, Junco do Seridó, São Mamede, Mãe d'Água, São José de Espinharas, Condado, Malta e Vista Serrana.

Orçamento Democrático realiza audiência em Princesa Isabel no dia 24 de abril, diz Ricardo

A audiência regional do Orçamento Democrático Estadual  (ODE) 2015 em Princesa Isabel será realizada no dia 24 de abril, informou nesta sexta-feira (27) Ricardo Pereira, ex-coordenador na Serra do Tei…

FALA POVO: LEITORES DO BLOG RECLAMAM DE ESGOTO ESTOURADO NO CONJUNTO SEVERIANO DINIZ, EM PRINCESA ISABEL

Imagem de uma residencia no conjunto Dr. Severiano Diniz em Princesa Isabel, onde moradores e vizinhos estão sofrendo com esse esgoto que está nessas condições desde do dia 22 de março do ano corrente…

Orçamento Democrático realiza audiência em Princesa Isabel no dia 24 de abril, diz Ricardo

A audiência regional do Orçamento Democrático Estadual  (ODE) 2015 em Princesa Isabel será realizada no dia 24 de abril, informou nesta sexta-feira (27) Ricardo Pereira, ex-coordenador na Serra do …

Vereador é preso em operação de combate ao porte ilegal de armas em Princesa Isabel

Fernando Francisco (Foto: Reprodução) Nesta quinta-feira (26 d março de 2015), foi realizada a Operação Cidade Sitiada na região de Princesa Isabel, no Sertão da Paraíba, sede da 16ª Área Integrada de…

Vendas de Páscoa em 2015 devem cair 30% em Princesa Isabel, estima presidente da CDL

As vendas de Páscoa em 2015 devem cair 30% em Princesa Isabel, na comparação com o mesmo período do ano passado.A estimativa é do presidente da Câmara de Dirigentes Lojsitas (CDL) local, Neto Caçula. …

OPERAÇÃO SITIADA APREENDE SETE PESSOAS EM PRINCESA ISABEL-PB

 Na manhã desta quinta feira 26, foi realizada a Operação batizada de "Operação Sitiada", que conduziu a Delegacia de Policia Civil de Princesa Isabel, um total de 07 pessoas por porte ilegal de armas…

MEU RELATO SOBRE O CARIRI CANGAÇO EM PRINCESA ISABEL – PB

AUTOR – ROSTAND MEDEIROS Neste último fim de semana, depois de uma ausência de quase cinco anos, voltei a participar de um dos eventos que fazem parte do Cariri Cangaço, desta feita efetuado na cidad…

Últimas notícias de PRINCESA ISABEL PB:

 Com 324 cirurgias realizadas, Governo da PB retoma mutirões de cirurgias de catarata no interior do Estado Já as 236 cirurgias realizadas no Hospital Regional de Patos atenderam pessoas dos municípios de Patos, Princesa Isabel, Passagem, Cacimba de Areia, Emas, Junco do Seridó, São Mamede, Mãe d'Água, São José de Espinharas, Condado, Malta e Vista Serrana.

Secretaria de Saúde da PB retoma mutirões de cirurgias de catarata no interior do Estado Já as 236 cirurgias realizadas no Hospital Regional de Patos atenderam pessoas dos municípios de Patos, Princesa Isabel ... Enviar Comentário O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma ...

PRINCESA ISABEL PB tspan:3m PRINCESA ISABEL PB


Polícia coloca na cadeia sete e apreende armas de fogo no Sertão As Polícias Civil e Militar estão realizando, nesta quinta-feira (26), a Operação Cidade Sitiada na região de Princesa Isabel ... registrados em quase três meses”, pontuou. O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático ...

Polícia prende vereador e mais seis no periodo de operação no Sertão da PB Um vereador e mais seis pessoas foram presas na manhã desta quinta-feira (26) no periodo de a operação 'Cidade Sitiada' realizada pelas polícias civil e militar na região do município de Princesa Isabel, no Sertão paraibano. Além das prisões ...

Carro capota após colisão no Centro de João Pessoa Dois carros se envolveram em um acidente no cruzamento das avenidas Princesa Isabel e Almirante Barroso, no Centro de João Pessoa, na tarde desta terça-feira (24). Um Fiat Palio seguia na preferencial, a Avenida Princesa Isabel, e a suspeita é de que o ...

'Todos Contra as Drogas': MPPB e PM vão assinar termo de compromisso de cooperação< /a> O Ministério Público da Paraíba (MPPB), por meio do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça da Educação (Caop da Educação), e a Polícia Militar do Estado da Paraíba (PM-PB) vão firmar um termo de compromisso de cooperação ...

Governo do Estado inicia aulas do PBVest em todo o Estado para mais de 10 mil inscritos “Os interessados ainda podem se inscrever pelo site www.pbvest.pb.gov.br. Os 12 mil inscritos terão direito ... Piancó, Picuí, Pombal, Princesa Isabel, Remígio, Rio Tinto, Santa Luzia, Santa Rita, São Bento, Sapé, Serra Branca, Soledade, Sousa ...





Siga-nos e receba notícias e assuntos de interesse das cidades

Como funciona o CONSTRUCARD em PRINCESA ISABEL

O ConstruCard é o financiamento que a Caixa oferece para você adquirir materiais de construção. Você tem de 2 até 6 meses para comprar tudo o que precisar e, durante este período, paga somente os juros dos valores utilizados.

Após o período de compras, você tem até 238 meses para pagar as prestações do financiamento, não podendo a soma total do prazo de utilização e de amortização ultrapassar 240 meses.

Além da facilidade do débito direto em sua conta corrente, você ainda realiza suas compras por meio do cartão de débito personalizado.

Você pode utilizar o ConstruCard para a compra de qualquer tipo de material de construção, além de armários embutidos, piscinas, elevadores, aquecedores solares, aerogeradores e equipamentos de energia fotovoltaica. O financiamento tem duas fases: utilização e amortização.

A primeira fase destina-se à realização das compras do seu material de construção. Durante esse período, que pode variar entre 2 e 6 meses, você paga somente os juros das compras realizadas.

A segunda fase, que pode variar entre 1 e 238 meses, destina-se à amortização do saldo devedor, ou seja, o pagamento mensal das prestações até a quitação do financiamento. Essa fase começa após o término do prazo definido para as compras.

Garantias: aval, alienação fiduciária de bem móvel, caução de depósitos/aplicação financeira ou alienação fiduciária de bem imóvel.

Sistema de amortização: Tabela Price.

O prazo é conforme relacionamento. Para mais informações, consulte a Agência Caixa de sua preferência. [4]




 Como conseguir um empréstimo do BNDES em PRINCESA ISABEL.

Apoio Financeiro - Apresentação

Atenção: O BNDES não credencia nem indica quaisquer consultores, pessoas físicas ou jurídicas, como intermediários para facilitar, agilizar ou aprovar operações com o próprio Banco ou com as instituições financeiras credenciadas a repassar seus recursos.

O BNDES investe em empreendimentos de organizações e pessoas físicas segundo critérios que priorizam o desenvolvimento com inclusão social, criação de emprego e renda e geração de pisas.

O apoio financeiro pode se dar por meio das seguintes modalidades: financiamentos, recursos não reembolsáveis e subscrição de valores mobiliários.

Em alguns casos específicos, o apoio financeiro pode se dar de forma conjugada, por meio de financiamento a uma parte de projeto e via subscrição de valores mobiliários em outra. A decisão de utilizar as duas modalidades fica a critério do BNDES.

Financiamentos

As modalidades de financiamento do BNDES se pidem em Produtos, de acordo com a finalidade do empreendimento.

Os Produtos definem as regras gerais de condições financeiras e procedimentos operacionais do financiamento. A cada Produto se aplicam Linhas de Financiamento, que se destinam a beneficiários, setores e empreendimentos específicos e, por isso, podem trazer regras particulares, mais adequadas aos objetivos da linha.

Outros mecanismos de financiamento disponíveis são os Programas, de caráter transitório, voltados para um determinado segmento econômico; e os Fundos, também destinados a setores específicos de atividade.

Quem pode solicitar o financiamento

  • Empresas;
  • pessoas físicas residentes no país;
  • entes da Administração Pública, seja direta ou indireta; e
  • associações e fundações.

Veja os requisitos mínimos para cada tipo de cliente.

Veja também como o BNDES classifica as empresas segundo o porte.

Formas de apoio

As solicitações podem ser feitas de forma direta, indireta ou mista, dependendo da modalidade de apoio utilizada:

  • Operação direta - realizada diretamente com o BNDES ou através de mandatário.
  • Operação indireta - realizada por meio de instituição financeira credenciada, ou através do uso do Cartão BNDES.
  • Operação mista - combina a forma direta com a forma indireta não automática.

Veja mais informações sobre as formas de apoio do BNDES.

Itens financiáveis

O BNDES apoia projetos de investimento, no Brasil e no exterior, que visem à ampliação, modernização e expansão da capacidade produtiva. Cada mecanismo de financiamento determina quais são os seus empreendimentos passíveis de apoio pelo BNDES.

Porém, alguns itens não são apoiáveis pelo BNDES. Confira a lista dos projetos que o Banco não financia.

Como funciona

Os pedidos de financiamento do BNDES passam por cinco grandes fases: consulta prévia, perspectiva, enquadramento, análise e contratação.

Veja o Fluxo e Prazos para Tramitação de Operações Diretas, Indiretas não Automáticas e Mistas.

Condições financeiras

Cada mecanismo de financiamento possui condições financeiras próprias.

Recursos não reembolsáveis

Alguns projetos podem receber aplicações financeiras, sem a exigência de reembolso. Tratam-se de investimentos de caráter social, cultural (ensino e pesquisa), ambiental, científico ou tecnológico.

Subscrição de valores mobiliários

Em sociedades anônimas, de capital aberto ou fechado, em emissão pública ou privada e em fundos de investimento fechados. O BNDES também oferece programas destinados à composição de fundos de destinação específica.

Veja também

 

[29]



Começa a distribuição de sementes certificadas para agricultores familiares da Paraíba


Entre janeiro e fevereiro, foram atendidas as regiões de Itaporanga, Catolé do Rocha, Cajazeiras, Patos, Pombal, Princesa Isabel, Serrara Branca e Souza. O Programa Estadual de Distribuiçã o de Sementes Certificadas da Sedap, para a Safra 2014/2015 ...



Governo distribui 760 toneladas de sementes certificadas para agricultores familiares


Entre janeiro e fevereiro, foram atendidas as regiões de Itaporanga, Catolé do Rocha, Cajazeiras, Patos, Pombal, Princesa Isabel, Serrara Branca e Souza. O Programa Estadual de Distribuiçã o de Sementes Certificadas da Sedap, para a Safra 2014/2015 ...
Com 324 cirurgias realizadas, Governo da PB retoma mutirões de cirurgias de catarata no interior do Estado Já as 236 cirurgias realizadas no Hospital Regional de Patos atenderam pessoas dos municípios de Patos, Princesa Isabel, Passagem, Cacimba de Areia, Emas, Junco do Seridó, São Mamede, Mãe d'Água, São José de Espinharas, Condado, Malta e Vista Serrana.
Secretaria de Saúde da PB retoma mutirões de cirurgias de catarata no interior do Estado Já as 236 cirurgias realizadas no Hospital Regional de Patos atenderam pessoas dos municípios de Patos, Princesa Isabel ... Enviar Comentário O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma ...
Polícia coloca na cadeia sete e apreende armas de fogo no Sertão As Polícias Civil e Militar estão realizando, nesta quinta-feira (26), a Operação Cidade Sitiada na região de Princesa Isabel ... registrados em quase três meses”, pontuou. O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático ...
Polícia prende vereador e mais seis no periodo de operação no Sertão da PB Um vereador e mais seis pessoas foram presas na manhã desta quinta-feira (26) no periodo de a operação 'Cidade Sitiada' realizada pelas polícias civil e militar na região do município de Princesa Isabel, no Sertão paraibano. Além das prisões ...

Cuidados com a nova conta de luz em PRINCESA ISABEL

Em 2001 o Brasil passou por um racionamento de energia. Quem dava festa era obrigado a alugar gerador para não correr risco de deixar os convidados no escuro. Em noites normais, algumas famílias deixavam de acender lâmpadas, optando por lanternas ou lampiões. Outras aposentaram o chuveiro elétrico e instalaram aquecimento solar.

Catorze anos depois, o fornecimento de energia volta a preocupar. O primeiro alerta veio nas contas de luz. Além de valores mais altos, elas passaram a trazer o sistema de bandeiras tarifárias, que indicam a cobrança ou não de taxa adicional em função das condições da geração de eletricidade no país (leia texto no canto superior direito).

Ontem passou a valer a revisão extraordinária das tarifas, com aumento de 23,4% nas contas de energia, em média. Ao todo, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou o reajuste das tarifas de 58 das 63 distribuidoras de energia do país. Para os consumidores do Sul, Sudeste e Centro-Oeste, a alta é de 28,7%, na média — 4,5 vezes maior que a aplicada para aqueles que vivem em estados do Norte e Nordeste, que será de 5,5%, também na média.

Essa revisão tarifária extraordinária, que independe dos reajustes anuais, é uma possibilidade prevista nos contratos de concessão das distribuidoras para manter o equilíbrio econômico-financeiro do contrato quando as empresas não têm fôlego financeiro para esperar os aumentos normais.

As hidrelétricas têm obrigação contratual de fornecer uma quantidade definida de energia. Caso não consigam gerar o montante com que se comprometeram, devem comprar a diferença. Com a seca, o custo da energia no mercado de curto prazo subiu muito além do preço final de venda ao consumidor.

— As distribuidoras estão comprando por um preço mais alto e vendendo por um preço mais baixo. O prejuízo é grande — explicou o consultor do Senado para a área de minas e energia Luiz Alberto Bustamante.

Reservatórios

Principal fonte de energia do país, as hidrelétricas existentes estão com os reservatórios muito baixos pela falta de chuvas. E a construção de novas usinas encontrou a resistência de setores da sociedade contrários à inundação de locais tomados pelas águas represadas.

Além disso, os leilões de energia feitos para as distribuidoras atenderem seus clientes não surtiram o efeito desejado. Como consequência, elas precisaram comprar energia cara no mercado de curto prazo, o que reflete na conta de luz.

— O custo é elevado, mas foi baixo durante muito tempo — diz o senador Edison Lobão (PMDB-MA), que foi ministro de Minas e Energia no governo Lula e durante o primeiro mandato da presidente Dilma Rousseff. Para ele, o que está acontecendo é uma readequação dos preços.

Lobão ressalta a importância da Medida Provisória (MP) 579/2013, que tratava da concessão dos serviços de geração, transmissão e distribuição de energia, com o objetivo de reduzir a conta de luz para os consumidores finais. Segundo ele, se a MP não tivesse sido editada na época, a conta para o cidadão estaria hoje muito mais elevada (saiba mais no texto ao lado).

[13]

Trabalho em PRINCESA ISABEL. Como fica o meu plano de saúde se for demitido?

Permanecer com o plano de saúde oferecido pela empresa após ser demitido, ainda que tenha que pagar por ele, pode representar um benefício significativo, principalmente considerando o fato de que firmar um contrato de plano de saúde individual tem se tornado uma tarefa cada vez mais difícil. Muitas operadoras colocam empecilhos para quem procura um plano apenas para si.

O artigo 30 da lei número 9656/98, que rege o assunto, prevê que no caso de rescisão ou exoneração do contrato de trabalho sem justa causa, “é assegurado o direito de manter sua condição de beneficiário, nas mesmas condições de cobertura assistencial de que gozava quando da vigência do contrato de trabalho, desde que assuma seu pagamento integral”, diz um trecho da lei.

Mas, para que o ex-funcionário possa manter este benefício, ele precisa ter contribuído, total ou parcialmente, com o plano de saúde empresarial, explica a advogada Camila de Oliveira Santos, do escritório Maluf e Moreno Advogados Associados. “O empregado deve informar o interesse de permanecer com o plano, no prazo máximo de 30 dias após a formalização da dispensa”, diz Camila. E cabe à empregadora comunicar ao trabalhador a existência dessa possibilidade.

Em relação ao período de permanência após a rescisão do contrato, a lei obriga as empresas a manter os ex-funcionários por um prazo de até dois anos. O tempo de permanência previsto na legislação é equivalente a um terço do período que o funcionário permaneceu na organização. “Entretanto, existe um prazo mínimo (que é de seis meses) e máximo (24 meses) de permanência”, sinaliza Camila. Logo, mesmo o trabalhador que tiver ficado pouco tempo na organização terá direito a no mínimo meio ano de cobertura. Contudo, o benefício cessa caso o trabalhador obtenha novo emprego que lhe forneça outro plano de saúde.

Camila explica ainda que a lei também se aplica a quem se aposenta. Nesses casos, quem possui um plano de saúde por um período igual ou superior a dez anos tem direito a permanecer com o benefício nos mesmos moldes por prazo indeterminado, desde que assuma o pagamento integral do plano. Já quem está no plano há menos de dez anos pode estender o benefício pelo prazo equivalente ao que permaneceu nele.

Impactos para as empresas

Ainda que as organizações não sejam obrigadas a custear qualquer valor para o ex-funcionário que escolhe a extensão do benefício, , essa opção pode ter reflexos no valor do contrato que as empresas mantêm com as operadoras de planos de saúde empresarial. Isso porque esses contratos, geralmente, possuem cláusula de sinistralidade, ou seja, o contrato prevê uma margem de utilização. “Por mais que o ex-funcionário passe a pagar pelo plano, ele continua a integrar a apólice da empresa, o que pode contribuir para que a margem de utilização seja ultrapassada”, explica Camila. Segundo ela, no momento de renovar o contrato, as operadoras costumam reajustar o valor em até 100% por causa da cota excedida.

A desvantagem iminente tem feito algumas empresas estudarem formas de efetuar mudanças nos desenhos de seus planos, a fim de evitar a obrigatoriedade de estendê-los para seus ex-empregados. É o que mostra um estudo feito pela consultoria Watson Wyatt, com cerca de 170 empresas de diferentes portes e segmentos.

Segundo a pesquisa, mais de 60% das empresas estão condicionadas à lei. Desse total, 13% afirmam já ter tomado providências para não precisarem mais beneficiar quem não integra seu quadro. Elas alegam que o custo criado pelos inativos não é corretamente avaliado para fins contábeis, especialmente quando ele está na mesma apólice dos ativos, o que ocorre em 76% dos casos.

Além dos impactos na sinistralidade do contrato, essa situação pode implicar em subsídio indireto da empresa e dos empregados ativos, uma vez que a tendência é que os participantes de idade mais avançada criem despesas mais elevadas. Dentre as pesquisadas, 29% já precisaram assumir parte dos custos do plano médico dos inativos e pelo menos 5% sofreram ações judiciais por conta dos valores cobrados, uma vez que estes números costumam ser superiores aos debitados do trabalhador enquanto estava na empresa.

Fonte: www.canalrh.com.br - Por: Leandro Fernandes

www.senado.gov.br/senado/portaldoservidor/jornal/jornal92/economia_plano_saude.aspx [0]



*blogsbrasil.com - todos os direitos reservados. Selecionamos as principais notícias da cidade de PRINCESA ISABEL PB. Os acontecimentos políticos, acidentes de trânsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos também os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura. O trabalho jornalístico consiste em captação e tratamento escrito, oral, visual ou gráfico, da informação em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho é normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas funções e particularidades: pauta, apuração, redação e edição.A pauta é a seleção dos assuntos que serão abordados. É a etapa de escolha sobre quais indícios ou sugestões devem ser considerados para a publicação final. A apuração é o processo de averiguar informação em estado bruto (dados, nomes, números etc.). A apuração é feita com documentos e pessoas que fornecem informações, chamadas de fontes. A interação de jornalistas com suas fontes envolve freqüentemente questões de confidencialidade.A redação é o tratamento das informações apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no rádio, na TV e no cinema). A edição é a finalização do material redigido em produto de comunicação, hierarquizando e coordenando o conteúdo de informações na forma final em que será apresentado. Muitas vezes, é a edição que confere sentido geral às informações coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edição consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espaço de impressão pré-definido. A diagramação é a disposição gráfica do conteúdo e faz parte da edição de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locução, o que no telejornalismo ganha o adicional da edição de imagens em movimento. Tags: Últimas Notícias, PRINCESA ISABEL PB, Cidade, Interior, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, Carro, Eleições, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Eleições, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Aniversário, Prêmio, Mês, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora, Mulher, Homem, Família, Criança, Portal,Pessoas, Como saber, Site, Blog, Diário,Protesto,Inauguração, Cassação, Cassado, Show, Apresentação, Espetáculo, Fotos, Vídeos, Imagens, Previsão, Caminhão, Vítimas, Situação, Oposição, Eleições, Enquete, Votos, Apuração, Trânsito, Operação, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos, NEWS LATEST LOCAL NEWSPAPPER.