Blog de Notícias de FERRAZ DE VASCONCELOS








Masseira da Hypo produz 100 kg de pão de queijo em 8 minutos

A empresa sediada em São Paulo, com unidade fabril em Ferraz de Vasconcelos (SP), divulgou na 27ª Super Rio Expo Food, realizada esta semana no Riocentro, na capital fluminense, o portfólio de máquinas e soluções para panificadoras e outros segmentos ...

Região soma 37 roubos de carga

Dados da Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP/SP) direcionam uma pequena redução nos ... nenhum assalto de carga nos períodos acima mencionados. Já em Ferraz de Vasconcelos, que fica na divisa com a zona leste da Capital, foram ...

Concurso Ferraz de Vasconcelos

A Prefeitura Municipal de Ferraz de Vasconcelos, através da Secretaria de Administraçã ;o, lançou edital de realização para Concurso Público de provimento de cargos do seu Quadro de Pessoal. O concurso…

Polícia conclui que filho adotivo de casal gay morreu de causas naturais

quatro dias após dar entrada com parada cardiorrespiratóri a no Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos, na Grande SP, morreu de causas naturais. Havia sido levantada a possibilidade do adolescente ter sido espancado por ser filho adotivo de pais ...

Ferraz de Vasconcelos - Prefeito entrega ovos de Páscoa nas escolas

Ontem, dois estabelecimentos de ensino da localidade foram beneficiados com presentesVerônica Ribeiro/Secom FerrazFilló fez questão de visitar escola ontem de manhãDe FerrazO prefeito de Ferraz de Vasconc…

Laudo direciona que filho de casal gay morreu de causas naturais, diz polícia

que ficou internado e morreu após passar mal em uma escola estadual em Ferraz de Vasconcelos, na Grande São Paulo, morreu de causas naturais. O laudo sobre as causas da morte apontou que o jovem teve um problema no coração. Os pais adotivos do ...

Chá beneficente reúne 200 mulheres em Ferraz

Chá beneficente reúne 200 mulheres em FerrazEncontro efetuado na tarde desta quinta-feira (26 de março) sob os acordes da primeira-dama da localidade, Viviane Vieira dos Santos, e da secretária de Promoç…

Março Lilás chega ao fim neste sábado em Ferraz

Março Lilás chega ao fim neste sábado em FerrazProgramaç&at ilde;o voltada especialmente às mulheres ferrazenses será abrigada em seis Unidades Básicas de Saúde (UBS) da cidade / Foto: Veronica Ribeiro A Pre…

Ferraz de Vasconcelos - dá início ao projeto ‘Prefeitura no seu Bairro’

O prefeito de Ferraz, Acir Filló (PSDB), iniciou ontem o projeto Prefeitura no seu Bairro. A ação, que tem à frente a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos e apoio das demais pastas do governo loca…

Carnês de IPTU começam a ser entregues em Ferraz de Vasconcelos

O imposto será enviado ao endereço cadastrado na Prefeitura.Primeira parcela vence em 10 de abril. Nesta quarta-feira (25) a Prefeitura de Ferraz de Vasconcelos come&cce dil;a a entrega dos 45 mil carnês do I…

Desentupidora em Ferraz de Vasconcelos (11)3867-3710

Desentupidora em Ferraz de Vasconcelos | Melhor Preço Atendimento 24 horas.Entupiu em Ferraz de Vasconcelos (11)3867-3710 e Resolva de vez Problema, promoção Serviço de Desentupidora em Ferraz de Vasc…

Grande mídia publica a versão da Fundação CASA sobre a Fuga de Ferraz de Vasconcelos

20 jovens fogem de unidade da Fundação Casa em Ferraz Fundação afirmou ter aberto sindicância nesta segunda-feira (16).Fuga foi na tarde de domingo após grades terem sido serradas, diz PM. A Correge…

Passageiros reclamam das Estações Provisórias de Suzano e Ferraz de Vasconcelos

Estação Provisória de Suzano (Linha 11-Coral) Passageiros que dependem dos trens em Suzano e Ferraz de Vasconcelos reclamam da estrutura dos espaços provisórios, utilizados até que a construção das …

Últimas notícias de FERRAZ DE VASCONCELOS SP:

 Laudo direciona que filho de casal gay morreu de causas naturais, diz polícia que ficou internado e morreu após passar mal em uma escola estadual em Ferraz de Vasconcelos, na Grande São Paulo, morreu de causas naturais. O laudo sobre as causas da morte apontou que o jovem teve um problema no coração. Os pais adotivos do ...

Um beijo é um beijo referindo-se ao assassinato de um garoto pelos colegas em Ferraz de Vasconcelos (SP), no início do mês. Desde segunda-feira, nas redes sociais o que mais bomba é o texto da médica Emmanuelle Lira, que “desconstruiu&rdquo ;, em seis tópicos a polêmica ...

FERRAZ DE VASCONCELOS SP tspan:3m FERRAZ DE VASCONCELOS SP


Filho adotivo de casal gay morreu de causas naturais, diz laudo Com quadro de parada cardiorrespiratóri a, ele deu entrada no Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos, onde andamentou quatro dias ... é condenada por repreender beijo gay no litoral de SP A dona de um restaurante foi condenada a pagar uma indenização ...

Região faz cadastro emergencial de professores, diz dirigente de Suzano A dirigente regional de ensino de Suzano e Ferraz de Vasconcelos, Vera Lucia Miranda, informou que a região já deu início ao cadastro emergencial de professores eventuais por causa da greve da categoria. A Secretaria Estadual da Educação afirmou que ...

Duarte Nogueira: "Falta de recursos vai atrasar início de obras na região" Adriano de Toledo Leite (PR); e de Ferraz de Vasconcelos, Acir Filló (PSDB). Os deputados estaduais Estevam Galvão (DEM) e André do Prado (PR) também participaram da discussão. Os prefeitos tiveram a oportunidade de falar individualmente sobre suas ...

Secretaria da Saúde tem vagas na capital e interior Os editais completos estão disponíveis no site do Diário Oficial ... Complexo Hospitalar Padre Bento (Guarulhos), Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos e Hospital Regional de Assis. Para prestar o concurso, os candidatos devem comparecer a qualquer ...

Fernanda Montenegro fala sobre 'boicote' a Babilônia: 'Caça às bruxas' A atriz citou o caso de um menino que foi morto por colegas de escola por ter sido adotado por um casal gay em Ferraz de Vasconcelos (SP). "Não vi ninguém escandalizado, não vi ninguém contestar e buscar culpados para a formação daquelas crianças ...





Siga-nos e receba notícias e assuntos de interesse das cidades

Trabalho em FERRAZ DE VASCONCELOS. Como fica o meu plano de saúde se for demitido?

Permanecer com o plano de saúde oferecido pela empresa após ser demitido, ainda que tenha que pagar por ele, pode representar um benefício significativo, principalmente considerando o fato de que firmar um contrato de plano de saúde individual tem se tornado uma tarefa cada vez mais difícil. Muitas operadoras colocam empecilhos para quem procura um plano apenas para si.

O artigo 30 da lei número 9656/98, que rege o assunto, prevê que no caso de rescisão ou exoneração do contrato de trabalho sem justa causa, “é assegurado o direito de manter sua condição de beneficiário, nas mesmas condições de cobertura assistencial de que gozava quando da vigência do contrato de trabalho, desde que assuma seu pagamento integral”, diz um trecho da lei.

Mas, para que o ex-funcionário possa manter este benefício, ele precisa ter contribuído, total ou parcialmente, com o plano de saúde empresarial, explica a advogada Camila de Oliveira Santos, do escritório Maluf e Moreno Advogados Associados. “O empregado deve informar o interesse de permanecer com o plano, no prazo máximo de 30 dias após a formalização da dispensa”, diz Camila. E cabe à empregadora comunicar ao trabalhador a existência dessa possibilidade.

Em relação ao período de permanência após a rescisão do contrato, a lei obriga as empresas a manter os ex-funcionários por um prazo de até dois anos. O tempo de permanência previsto na legislação é equivalente a um terço do período que o funcionário permaneceu na organização. “Entretanto, existe um prazo mínimo (que é de seis meses) e máximo (24 meses) de permanência”, sinaliza Camila. Logo, mesmo o trabalhador que tiver ficado pouco tempo na organização terá direito a no mínimo meio ano de cobertura. Contudo, o benefício cessa caso o trabalhador obtenha novo emprego que lhe forneça outro plano de saúde.

Camila explica ainda que a lei também se aplica a quem se aposenta. Nesses casos, quem possui um plano de saúde por um período igual ou superior a dez anos tem direito a permanecer com o benefício nos mesmos moldes por prazo indeterminado, desde que assuma o pagamento integral do plano. Já quem está no plano há menos de dez anos pode estender o benefício pelo prazo equivalente ao que permaneceu nele.

Impactos para as empresas

Ainda que as organizações não sejam obrigadas a custear qualquer valor para o ex-funcionário que escolhe a extensão do benefício, , essa opção pode ter reflexos no valor do contrato que as empresas mantêm com as operadoras de planos de saúde empresarial. Isso porque esses contratos, geralmente, possuem cláusula de sinistralidade, ou seja, o contrato prevê uma margem de utilização. “Por mais que o ex-funcionário passe a pagar pelo plano, ele continua a integrar a apólice da empresa, o que pode contribuir para que a margem de utilização seja ultrapassada”, explica Camila. Segundo ela, no momento de renovar o contrato, as operadoras costumam reajustar o valor em até 100% por causa da cota excedida.

A desvantagem iminente tem feito algumas empresas estudarem formas de efetuar mudanças nos desenhos de seus planos, a fim de evitar a obrigatoriedade de estendê-los para seus ex-empregados. É o que mostra um estudo feito pela consultoria Watson Wyatt, com cerca de 170 empresas de diferentes portes e segmentos.

Segundo a pesquisa, mais de 60% das empresas estão condicionadas à lei. Desse total, 13% afirmam já ter tomado providências para não precisarem mais beneficiar quem não integra seu quadro. Elas alegam que o custo criado pelos inativos não é corretamente avaliado para fins contábeis, especialmente quando ele está na mesma apólice dos ativos, o que ocorre em 76% dos casos.

Além dos impactos na sinistralidade do contrato, essa situação pode implicar em subsídio indireto da empresa e dos empregados ativos, uma vez que a tendência é que os participantes de idade mais avançada criem despesas mais elevadas. Dentre as pesquisadas, 29% já precisaram assumir parte dos custos do plano médico dos inativos e pelo menos 5% sofreram ações judiciais por conta dos valores cobrados, uma vez que estes números costumam ser superiores aos debitados do trabalhador enquanto estava na empresa.

Fonte: www.canalrh.com.br - Por: Leandro Fernandes

www.senado.gov.br/senado/portaldoservidor/jornal/jornal92/economia_plano_saude.aspx [0]




Vivendo sem álcool por um mês em FERRAZ DE VASCONCELOS?

Talvez você seja uma dessas pessoas que decidiram incorporar-se ao cada vez mais numeroso grupo de seguidores de estilos de vida saudáveis. Pode ser que tenha ficado convencido do bem-estar que alcançará ao evitar hábitos tão pouco convenientes como sedentarismo, fumar, beber álcool e se alimentar com comida rápida. Possivelmente o seu médico já avisou que os seus costumes estão provocando danos. Seja qual for o motivo da sua decisão, as chances de êxito serão maiores se conhecer a recompensa.

Nessa nova vida, o álcool figura entre os primeiros candidatos a desaparecer, uma perda que logo será notada porque os copos e as taças provocam obesidade abdominal, e deixar de beber favorece a perda dessa gordura. “O corpo armazena as calorias do álcool em forma de gordura, que é, sobretudo, visceral [no abdômen] a partir dos 30 anos nos homens e dos 40 nas mulheres. Mas, ao deixar de consumir álcool, e com dieta equilibrada e atividade física, é possível perder até um quilo por semana”, destaca o nutricionista Rubén Bravo, do Instituto Médico Europeu da Obesidade. “É verdade que nem todas as bebidas contêm a mesma quantidade de etanol nem possuem o mesmo valor nutricional. Embora o vinho tinto e a cerveja possam propiciar algum benefício, as bebidas destiladas aportam muitas calorias mortas (entre 280 e 360 por copo)”, acrescenta o especialista.

O corpo armazena as calorias do álcool em forma de gordura, que é, sobretudo, abdominal, nos homens a partir de 30 anos e nas mulheres a partir dos 40"

O cérebro também responde imediatamente à falta de álcool, e não é preciso ser um grande bebedor para notar isso. O psiquiatra Gabriel Rubio, coordenador do programa de Problemas Relacionados com o Consumo do Álcool do Hospital 12 de Outubro, de Madri, explica: "As pessoas que bebem muito durante o fim de semana, embora não o façam nos outros dias, na segunda e na terça-feira ficam lentas e com pouco ânimo. No entanto, depois de um mês sem beber álcool, admitem que sua capacidade de atenção e concentração melhora muito. Além disso, a qualidade do sono também é restabelecida”.

A reação do cérebro à falta de álcool é diferente nas pessoas que o consomem diariamente (duas cervejas para as mulheres e quatro, para os homens, segundo indica Rubio). “Isto porque a bebida diária, e em quantidades importantes, ativa mecanismos de estresse. Por isso, ao suprimir a ingestão o cérebro reage com a síndrome de abstinência e aparecem a irritabilidade, má qualidade do sono e pouca disposição. Esses sintomas podem prolongar-se por até 45 dias, embora costumem desaparecer depois de duas semanas.

Outro indicador do impacto do álcool sobre o organismo é o aumento dos índices de transaminases (que revelam inflamação do fígado), de ácido úrico, de colesterol e de triglicérides, e da pressão arterial. O médico Nicolás García Gonzáles, da Clínica Universitária de Navarra (CUN), pondera que a suscetibilidade ao álcool e seus efeitos “depende de cada pessoa, do padrão de consumo e do tipo de bebida”. Mas, em linhas gerais, os parâmetros bioquímicos baixam ao suprimir o álcool. “E é provável que, depois de um mês sem beber, muitos deles se normalizem”, comenta.

As pessoas que bebem muito durante o fim de semana, embora não o façam durante o resto dos dias, nas segundas-feiras e nas terças-feiras se encontram lentas e desanimadas"

No âmbito do risco cardiovascular, um trabalho da Universidade de Rochester, publicado na revista Atheroesclerosis, conclui que ele é menor em consumidores moderados diários (duas bebidas por jornada durante toda a semana) do que nos que se fartam no fim de semana (sete bebidas alcoólicas em dois dias). Portanto, se você pertence a esse segundo grupo, saiba que os benefícios para o seu coração serão maiores se passar um mês sem beber.

O médico da CUN também observa que os bebedores de quantidade importantes costumam ter certas carências nutricionais (porque o álcool contribui para a sensação de saciedade), principalmente de alguns aminoácidos essenciais e vitaminas dos grupos B, C e E, mas “logo se recuperam depois que interrompem o consumo”.

"Por último, o consumo abusivo de álcool tem um efeito negativo sobre a saúde sexual”, afirma Ignacio Moncada, responsável pelo setor de Urologia do Hospital Sanitas La Zarzuela. “Em bebedores crônicos afeta a condução do impulso nervoso através dos nervos e produz uma neuropatia que dificulta a ereção. Na embriaguez (consumo agudo), o álcool é um depressor do sistema nervoso central e produz menos ereção e menor resposta sexual.” Esse é outro efeito, porém, que a abstinência reverte. “Depois de um mês de abandono do consumo do álcool, há uma recuperação notável da afetação neurológica (e também das alterações metabólicas que influem na resposta sexual). Melhora a capacidade.” Assim, durante um mês notará os benefícios e, embora logo volte ao consumo habitual, saiba que esses jejuns (alcoólicos) temporários (que tal um mês por ano?) são microinvestimentos em sua saúde e bem-estar.

[19]



Região soma 37 roubos de carga


Dados da Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP/SP) direcionam uma pequena redução nos ... nenhum assalto de carga nos períodos acima mencionados. Já em Ferraz de Vasconcelos, que fica na divisa com a zona leste da Capital, foram ...



Polícia conclui que filho adotivo de casal gay morreu de causas naturais


quatro dias após dar entrada com parada cardiorrespiratóri a no Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos, na Grande SP, morreu de causas naturais. Havia sido levantada a possibilidade do adolescente ter sido espancado por ser filho adotivo de pais ...
Laudo direciona que filho de casal gay morreu de causas naturais, diz polícia que ficou internado e morreu após passar mal em uma escola estadual em Ferraz de Vasconcelos, na Grande São Paulo, morreu de causas naturais. O laudo sobre as causas da morte apontou que o jovem teve um problema no coração. Os pais adotivos do ...
Um beijo é um beijo referindo-se ao assassinato de um garoto pelos colegas em Ferraz de Vasconcelos (SP), no início do mês. Desde segunda-feira, nas redes sociais o que mais bomba é o texto da médica Emmanuelle Lira, que “desconstruiu&rdquo ;, em seis tópicos a polêmica ...
Filho adotivo de casal gay morreu de causas naturais, diz laudo Com quadro de parada cardiorrespiratóri a, ele deu entrada no Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos, onde andamentou quatro dias ... é condenada por repreender beijo gay no litoral de SP A dona de um restaurante foi condenada a pagar uma indenização ...
Região faz cadastro emergencial de professores, diz dirigente de Suzano A dirigente regional de ensino de Suzano e Ferraz de Vasconcelos, Vera Lucia Miranda, informou que a região já deu início ao cadastro emergencial de professores eventuais por causa da greve da categoria. A Secretaria Estadual da Educação afirmou que ...

Segurem as calças em FERRAZ DE VASCONCELOS: Brasil vai sofrer em 2015 a pior crise em 25 anos

De acordo com os números compilados hoje pelo Financial Times, esta foi mais uma semana de indicadores negativos para o Brasil, cuja situação económica "fica mais negra semana após semana".

A altura para a revisão em baixa das expetativas sobre a recessão este ano, de 0,5% para 0,66%, não ajuda a evolução do câmbio do real, acrescenta o jornal, lembrando que a moeda brasileira passou a marca dos 3 reais por dólar na semana passada, e já caiu mais 1,1% hoje para 3,1 reais por dólar, o valor mais negativo dos últimos dez anos e meio.

O real, de resto, é a moeda com o pior desempenho este ano, e caiu em 15 das últimas 18 sessões, ao passo que as ações na bolsa brasileira caíram pelo quarto dia consecutivo, caindo 1,7%, o valor mais baixo das últimas três semanas.

Também nos juros exigidos pelos investidores para negociarem em dívida pública a 10 anos são negativos, sendo "os piores da região", escreve o FT, notando que já vão nos 4,875%.

No domingo, a Bloomberg tinha noticiado que o acesso das empresas brasileiras aos mercados financeiros estava, na prática, congelado há quatro meses, data da última emissão de dívida internacional, refletindo a falta de confiança dos investidores.

De acordo com a agência Bloomberg, a última vez que as empresas brasileiras estiveram quatro meses sem recorrer a financiamento externo aconteceu em 2008, na sequência da implosão do Lehman Brothers, quando o crédito internacional ficou basicamente congelado.

A ausência de empréstimos internacionais é emblemática da maneira como o Brasil se degradou aos olhos dos investidores estrangeiros, na sequência do escândalo financeiro envolvendo as ligações entre a Petrobras e a classe política e da estagnação da economia, que levou os juros exigidos pelos investidores para emprestarem dinheiro a subir seis vezes mais que a média dos outros mercados emergentes.

No ano passado, por esta altura, as empresas brasileiras já tinham contraído 7,5 mil milhões de dólares de dívida nos mercados internacionais.

A Petrobras não emite dívida internacional desde Março do ano passado.

A Moody´s desceu o ´rating´ da empresa em dois níveis, para o patamar abaixo de investimento, conhecido como ´lixo´, no final de fevereiro, o segundo corte em menos de um mês, precisamente devido à possibilidade de a investigação judicial em curso poder impedir o acesso ao financiamento.

O corte no ´rating´ da Petrobras é uma das 28 ações de degradação do ´rating´ que as empresas brasileiras já sofreram desde Janeiro. [17]


Trabalho em FERRAZ DE VASCONCELOS. Como fica o meu plano de saúde se for demitido?

Permanecer com o plano de saúde oferecido pela empresa após ser demitido, ainda que tenha que pagar por ele, pode representar um benefício significativo, principalmente considerando o fato de que firmar um contrato de plano de saúde individual tem se tornado uma tarefa cada vez mais difícil. Muitas operadoras colocam empecilhos para quem procura um plano apenas para si.

O artigo 30 da lei número 9656/98, que rege o assunto, prevê que no caso de rescisão ou exoneração do contrato de trabalho sem justa causa, “é assegurado o direito de manter sua condição de beneficiário, nas mesmas condições de cobertura assistencial de que gozava quando da vigência do contrato de trabalho, desde que assuma seu pagamento integral”, diz um trecho da lei.

Mas, para que o ex-funcionário possa manter este benefício, ele precisa ter contribuído, total ou parcialmente, com o plano de saúde empresarial, explica a advogada Camila de Oliveira Santos, do escritório Maluf e Moreno Advogados Associados. “O empregado deve informar o interesse de permanecer com o plano, no prazo máximo de 30 dias após a formalização da dispensa”, diz Camila. E cabe à empregadora comunicar ao trabalhador a existência dessa possibilidade.

Em relação ao período de permanência após a rescisão do contrato, a lei obriga as empresas a manter os ex-funcionários por um prazo de até dois anos. O tempo de permanência previsto na legislação é equivalente a um terço do período que o funcionário permaneceu na organização. “Entretanto, existe um prazo mínimo (que é de seis meses) e máximo (24 meses) de permanência”, sinaliza Camila. Logo, mesmo o trabalhador que tiver ficado pouco tempo na organização terá direito a no mínimo meio ano de cobertura. Contudo, o benefício cessa caso o trabalhador obtenha novo emprego que lhe forneça outro plano de saúde.

Camila explica ainda que a lei também se aplica a quem se aposenta. Nesses casos, quem possui um plano de saúde por um período igual ou superior a dez anos tem direito a permanecer com o benefício nos mesmos moldes por prazo indeterminado, desde que assuma o pagamento integral do plano. Já quem está no plano há menos de dez anos pode estender o benefício pelo prazo equivalente ao que permaneceu nele.

Impactos para as empresas

Ainda que as organizações não sejam obrigadas a custear qualquer valor para o ex-funcionário que escolhe a extensão do benefício, , essa opção pode ter reflexos no valor do contrato que as empresas mantêm com as operadoras de planos de saúde empresarial. Isso porque esses contratos, geralmente, possuem cláusula de sinistralidade, ou seja, o contrato prevê uma margem de utilização. “Por mais que o ex-funcionário passe a pagar pelo plano, ele continua a integrar a apólice da empresa, o que pode contribuir para que a margem de utilização seja ultrapassada”, explica Camila. Segundo ela, no momento de renovar o contrato, as operadoras costumam reajustar o valor em até 100% por causa da cota excedida.

A desvantagem iminente tem feito algumas empresas estudarem formas de efetuar mudanças nos desenhos de seus planos, a fim de evitar a obrigatoriedade de estendê-los para seus ex-empregados. É o que mostra um estudo feito pela consultoria Watson Wyatt, com cerca de 170 empresas de diferentes portes e segmentos.

Segundo a pesquisa, mais de 60% das empresas estão condicionadas à lei. Desse total, 13% afirmam já ter tomado providências para não precisarem mais beneficiar quem não integra seu quadro. Elas alegam que o custo criado pelos inativos não é corretamente avaliado para fins contábeis, especialmente quando ele está na mesma apólice dos ativos, o que ocorre em 76% dos casos.

Além dos impactos na sinistralidade do contrato, essa situação pode implicar em subsídio indireto da empresa e dos empregados ativos, uma vez que a tendência é que os participantes de idade mais avançada criem despesas mais elevadas. Dentre as pesquisadas, 29% já precisaram assumir parte dos custos do plano médico dos inativos e pelo menos 5% sofreram ações judiciais por conta dos valores cobrados, uma vez que estes números costumam ser superiores aos debitados do trabalhador enquanto estava na empresa.

Fonte: www.canalrh.com.br - Por: Leandro Fernandes

www.senado.gov.br/senado/portaldoservidor/jornal/jornal92/economia_plano_saude.aspx [0]



*blogsbrasil.com - todos os direitos reservados. Selecionamos as principais notícias da cidade de FERRAZ DE VASCONCELOS SP. Os acontecimentos políticos, acidentes de trânsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos também os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura. O trabalho jornalístico consiste em captação e tratamento escrito, oral, visual ou gráfico, da informação em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho é normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas funções e particularidades: pauta, apuração, redação e edição.A pauta é a seleção dos assuntos que serão abordados. É a etapa de escolha sobre quais indícios ou sugestões devem ser considerados para a publicação final. A apuração é o processo de averiguar informação em estado bruto (dados, nomes, números etc.). A apuração é feita com documentos e pessoas que fornecem informações, chamadas de fontes. A interação de jornalistas com suas fontes envolve freqüentemente questões de confidencialidade.A redação é o tratamento das informações apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no rádio, na TV e no cinema). A edição é a finalização do material redigido em produto de comunicação, hierarquizando e coordenando o conteúdo de informações na forma final em que será apresentado. Muitas vezes, é a edição que confere sentido geral às informações coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edição consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espaço de impressão pré-definido. A diagramação é a disposição gráfica do conteúdo e faz parte da edição de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locução, o que no telejornalismo ganha o adicional da edição de imagens em movimento. Tags: Últimas Notícias, FERRAZ DE VASCONCELOS SP, Cidade, Interior, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, Carro, Eleições, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Eleições, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Aniversário, Prêmio, Mês, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora, Mulher, Homem, Família, Criança, Portal,Pessoas, Como saber, Site, Blog, Diário,Protesto,Inauguração, Cassação, Cassado, Show, Apresentação, Espetáculo, Fotos, Vídeos, Imagens, Previsão, Caminhão, Vítimas, Situação, Oposição, Eleições, Enquete, Votos, Apuração, Trânsito, Operação, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos, NEWS LATEST LOCAL NEWSPAPPER.