Blog de Notícias de CATOLE DO ROCHA








MEC autoriza IFPB a convocar 233 professores e técnicos concursados

Foi autorizada a convocação de 233 concursados do Instituto Federal da Paraíba (IFPB), em publicação no Diário ... Esperança, Itaporanga e Catolé do Rocha. Também serão reorganizados os quadros dos demais prédios do IFPB no estado.

Polícia prende dois acusados de furtar combustíveis de caminhão na PB-325, no Alto Sertão. Veja fotos

dando conda de que na PB-325, nas imediações do sítio São Domingos, próximo a Catolé do Rocha (PB), duas pessoas estavam retirando combustível de uma carreta. Chegando ao local comunicado, os policiais se deparam com dois homens, sendo Zico Pereira ...

GABRIEL DINIZ AO VIVO EM CATOLÉ DO ROCHA PB 16 FE

O Nº 1 DO SOM AUTOMOTIVO NA WEB....

Papo de concurseiro

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) vai convocar novos servidores ... Esperança, Itaporanga e Catolé do Rocha, além de recompor as outras unidades no estado. De acordo com a instituição , antes da nomeação ...

Mulher é assassinada na Noite deste Sábado em Catolé do Rocha

Mulher é assassinada na Noite deste Sábado em Catolé do Rocha Mulher é Esfaqueada na Noite de Sábado em Catolé do RochaO sábado de carnaval 14 de fevereiro de 2015 foi marcado com um homicídio& nbsp;na Rua…

Galego solicita perfuração de poços para beneficiar Médio Piranhas

Catolé do Rocha, Paulista, Riacho dos Cavalos, São Bento, São José do Brejo do Cruz, São Bentinho, Cajazeirinhas, Bom Sucesso e Belém do Brejo do Cruz. O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários ...

Mulher é assassinada na Noite deste Sábado em Catolé do Rocha

Mulher é Esfaqueada na Noite de Sábado em Catolé do Rocha O sábado de carnaval 14 de fevereiro de 2015 foi marcado com um homicídio na Rua Irmã Justitia no Bairro Tancredo Neves na localidade de Ca…

Usuário de droga mata mulher por conta de uma pedra de crack, no bairro Tancredo Neves em Catolé do Rocha/PB

A bruxa anda solta na periferia de Catolé do Rocha. Mais uma cena de sangue foi registrada no bairro Tancredo Neves. O sinistro aconteceu por volta das 23h00, na Rua Antônio Ermínio de Araújo. Segundo …

Usuário de droga mata mulher por conta de uma pedra de crack, no bairro Tancredo Neves em Catolé do Rocha/PB

A bruxa anda solta na periferia de Catolé do Rocha. Mais uma cena de sangue foi registrada no bairro Tancredo Neves. O sinistro aconteceu por volta das 23h00, na Rua Antônio Ermínio de Araújo. Segundo …

Usuário de droga mata mulher por conta de uma pedra de crack, no bairro Tancredo Neves em Catolé do Rocha/PB

A bruxa anda solta na periferia de Catolé do Rocha. Mais uma cena de sangue foi registrada no bairro Tancredo Neves. O sinistro aconteceu por volta das 23h00, na Rua Antônio Ermínio de Araújo. Segundo …

Usuário de droga mata mulher por conta de uma pedra de crack, no bairro Tancredo Neves em Catolé do Rocha/PB

A bruxa anda solta na periferia de Catolé do Rocha. Mais uma cena de sangue foi registrada no bairro Tancredo Neves. O sinistro aconteceu por volta das 23h00, na Rua Antônio Ermínio de Araújo. Segundo o…

Mulher é assassinada na Noite deste Sábado em Catolé do Rocha

Mulher é Esfaqueada na Noite de Sábado em Catolé do RochaO sábado de carnaval 14 de fevereiro de 2015 foi marcado com um homicídio& nbsp;na Rua Irmã Justitia no Bairro Tancredo Neves na localidade de Catolé do …

Homem foi assassinado nesta terça em Catolé do Rocha/PB

Na manhã desta terça-feira (10), foi registrado um homicídio em Catolé do Rocha (PB). O crime aconteceu na área de uma casa, que fica localizada no bairro João Pinheiro Dantas. A vítima foi identificada…

Últimas notícias de CATOLE DO ROCHA PB:

 Galego solicita perfuração de poços para beneficiar Médio Piranhas Catolé do Rocha, Paulista, Riacho dos Cavalos, São Bento, São José do Brejo do Cruz, São Bentinho, Cajazeirinhas, Bom Sucesso e Belém do Brejo do Cruz. O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários ...

Governo do Estado promove ações de saúde para mulheres nos municípios paraibanos O Governo da Paraíba ... do Hospital Regional, com ultrassonografia de mama; consultas com ginecologista, mastologista; realização de testes rápidos e vacinas; palestras com ginecologista, mastologista; psicóloga e chá da tarde. Catolé do Rocha ...

CATOLE DO ROCHA PB tspan:3m CATOLE DO ROCHA PB


PB receberá R$ 62 mi de 22 localidades que não repassam verbas da Saúde ao Estado Os Municípios citados na Portaria são Belém, Cajazeiras, Campina Grande, Catolé do Rocha, Coremas, Guarabira, Itabaiana, Itaporanga, Itapororoca, João Pessoa, Monteiro, Patos, Piancó, Picuí, Pombal, Princesa Isabel, Queimadas, Serraria, Solânea ...

Pauta do TCE para a quarta-feira contém doze processos de contas de prefeituras e secretaria O Tribunal de Contas da Paraíba vai se reunir nesta quarta-feira (4), a partir ... afora recursos por ex-gestores de Ingá (exercício de 2011), Catolé do Rocha (2010), Baía da Traição (2011) e Santa Cecília (2007). As sessões ordinárias do ...

'Má gestão e desperdício pelo poder público explicam a escassez de água', diz Chico César São Paulo – Músico, ex-secretário estadual de Cultura da Paraíba e autor de hits como Mama África e À Primeira Vista, Chico César voltou à seca. Não de seu tempo de infância em Catolé do Rocha, no sertão paraibano, mas na represa seca do rio ...

TCE multa nove prefeituras da região de Catolé do Rocha por não dar cumprimento a Lei de Acesso à Informação A 1ª Câmara do Tribunal de Contas da Paraíba, em sessão ordinária, na tarde desta quinta-feira (23), decidiu pela aplicação de multas a 33 gestores municipais que não cumpriram os requisitos da Lei de Acesso à Informação. As multas variam de R$ ...

Polícia coloca na cadeia homem que matou o próprio pai no sertão O segundo suspeito preso é Francisco das Chagas Filho, de 52 anos, que já cumpriu pena no Presídio do Serrotão, em Campina Grande, por ter assassinado ... para a Delegacia da Polícia Civil, em Catolé do Rocha.





Siga-nos e receba notícias e assuntos de interesse das cidades

Saiba quanto custa financiar pela Caixa em CATOLE DO ROCHA ?

A Caixa Econômica Federal lançou o novo simulador de financiamento habitacional. A nova ferramenta está disponível no site do banco (www.caixa.gov.br). Segundo a Caixa, o leiaute, mais simples e intuitivo, facilita o preenchimento dos dados e agiliza a resposta ao usuário.

Outro diferencial é a opção de iniciar a simulação a partir da capacidade de pagamento. Com o preenchimento de apenas quatro campos, o novo simulador calcula o valor máximo de financiamento que o cliente pode tomar, bem como o valor máximo de prestação que ele pode assumir. Caso prefira, o cliente pode ir direto para a simulação completa.

Em seguida o simulador apresenta sugestões de valores de financiamento e prazos compatíveis com este comprometimento mensal, auxiliando o cliente a definir o valor do imóvel a ser adquirido.

Após escolher o valor e o prazo, basta o cliente confirmar o tipo e local do imóvel que deseja financiar, e inserir dados como: data de nascimento do proponente de maior idade; tempo de serviço, se tiver mais de três anos de trabalho sob regime do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS); e se já foi beneficiado com algum subsídio da União. Não é necessário reinserir os dados que já foram informados no início da simulação.

Para o vice-presidente de Habitação do banco, José Urbano Duarte, o novo simulador contribui para uma melhor experiência do cliente nos processos de compra e financiamento do imóvel. “O novo simulador inaugura uma nova forma de interação do cliente com o crédito imobiliário, uma vez que é mais intuitivo e possui uma interface mais amigável e atual, além de permitir uma resposta imediata a uma primeira necessidade do cliente, ao buscar um simulador: quanto posso financiar na Caixa?”, explica.

As novas funcionalidades foram desenvolvidas com base em pesquisa, realizada em sites de bancos nacionais e internacionais. As principais facilidades incorporadas estão focadas na expectativa do cliente ao buscar um simulador de financiamento, reforçando a transparência e a simplicidade no atendimento. [34]




Travestis agora recebem bolsa de uma salário do governo: quando o benefício vai chegar a CATOLE DO ROCHA?

A prefeitura de São Paulo oferecerá uma bolsa para travestis e transexuais da capital paulista voltarem a estudar. A medida visa capacitar as transexuais e travestis, que sofrem discriminação no mercado de trabalho e muitas vezes têm de recorrer à prostituição.



Inicialmente, 100 beneficiárias receberão um salário mínimo mensal (R$ 788) e serão matriculadas em cursos técnicos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). A medida é inédita no Brasil e na América do Sul.

Para receber o benefício, as travestis precisam comprovar presença nas aulas, e igualmente deverão prestar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

A intenção é que, após dois anos no programa, as beneficiárias saiam formalmente empregadas.

Além do dinheiro, a prefeitura igualmente fornecerá hormônios femininos para as travestis na rede básica de saúde.

O programa custará cerca de R$ 2 milhões em 2015 e poderá ser ampliado já no segundo semestre.

Números

A Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania estima que há pelo menos quatro mil transexuais e travestis vivendo em São Paulo.

Segundo o Relatório Sobre Violência Homofóbica 2012, elaborado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), naquele ano foram registradas 195 denúncias de violações contra travestis, entre homicídios, violência física, violência sexual e discriminação.

[25]



Polícia prende dois acusados de furtar combustíveis de caminhão na PB-325, no Alto Sertão. Veja fotos


dando conda de que na PB-325, nas imediações do sítio São Domingos, próximo a Catolé do Rocha (PB), duas pessoas estavam retirando combustível de uma carreta. Chegando ao local comunicado, os policiais se deparam com dois homens, sendo Zico Pereira ...



Papo de concurseiro


O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) vai convocar novos servidores ... Esperança, Itaporanga e Catolé do Rocha, além de recompor as outras unidades no estado. De acordo com a instituição , antes da nomeação ...
Galego solicita perfuração de poços para beneficiar Médio Piranhas Catolé do Rocha, Paulista, Riacho dos Cavalos, São Bento, São José do Brejo do Cruz, São Bentinho, Cajazeirinhas, Bom Sucesso e Belém do Brejo do Cruz. O portal PB Agora esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários ...
Governo do Estado promove ações de saúde para mulheres nos municípios paraibanos O Governo da Paraíba ... do Hospital Regional, com ultrassonografia de mama; consultas com ginecologista, mastologista; realização de testes rápidos e vacinas; palestras com ginecologista, mastologista; psicóloga e chá da tarde. Catolé do Rocha ...
PB receberá R$ 62 mi de 22 localidades que não repassam verbas da Saúde ao Estado Os Municípios citados na Portaria são Belém, Cajazeiras, Campina Grande, Catolé do Rocha, Coremas, Guarabira, Itabaiana, Itaporanga, Itapororoca, João Pessoa, Monteiro, Patos, Piancó, Picuí, Pombal, Princesa Isabel, Queimadas, Serraria, Solânea ...
Pauta do TCE para a quarta-feira contém doze processos de contas de prefeituras e secretaria O Tribunal de Contas da Paraíba vai se reunir nesta quarta-feira (4), a partir ... afora recursos por ex-gestores de Ingá (exercício de 2011), Catolé do Rocha (2010), Baía da Traição (2011) e Santa Cecília (2007). As sessões ordinárias do ...

Trabalho em CATOLE DO ROCHA. Como fica o meu plano de saúde se for demitido?

Permanecer com o plano de saúde oferecido pela empresa após ser demitido, ainda que tenha que pagar por ele, pode representar um benefício significativo, principalmente considerando o fato de que firmar um contrato de plano de saúde individual tem se tornado uma tarefa cada vez mais difícil. Muitas operadoras colocam empecilhos para quem procura um plano apenas para si.

O artigo 30 da lei número 9656/98, que rege o assunto, prevê que no caso de rescisão ou exoneração do contrato de trabalho sem justa causa, “é assegurado o direito de manter sua condição de beneficiário, nas mesmas condições de cobertura assistencial de que gozava quando da vigência do contrato de trabalho, desde que assuma seu pagamento integral”, diz um trecho da lei.

Mas, para que o ex-funcionário possa manter este benefício, ele precisa ter contribuído, total ou parcialmente, com o plano de saúde empresarial, explica a advogada Camila de Oliveira Santos, do escritório Maluf e Moreno Advogados Associados. “O empregado deve informar o interesse de permanecer com o plano, no prazo máximo de 30 dias após a formalização da dispensa”, diz Camila. E cabe à empregadora comunicar ao trabalhador a existência dessa possibilidade.

Em relação ao período de permanência após a rescisão do contrato, a lei obriga as empresas a manter os ex-funcionários por um prazo de até dois anos. O tempo de permanência previsto na legislação é equivalente a um terço do período que o funcionário permaneceu na organização. “Entretanto, existe um prazo mínimo (que é de seis meses) e máximo (24 meses) de permanência”, sinaliza Camila. Logo, mesmo o trabalhador que tiver ficado pouco tempo na organização terá direito a no mínimo meio ano de cobertura. Contudo, o benefício cessa caso o trabalhador obtenha novo emprego que lhe forneça outro plano de saúde.

Camila explica ainda que a lei também se aplica a quem se aposenta. Nesses casos, quem possui um plano de saúde por um período igual ou superior a dez anos tem direito a permanecer com o benefício nos mesmos moldes por prazo indeterminado, desde que assuma o pagamento integral do plano. Já quem está no plano há menos de dez anos pode estender o benefício pelo prazo equivalente ao que permaneceu nele.

Impactos para as empresas

Ainda que as organizações não sejam obrigadas a custear qualquer valor para o ex-funcionário que escolhe a extensão do benefício, , essa opção pode ter reflexos no valor do contrato que as empresas mantêm com as operadoras de planos de saúde empresarial. Isso porque esses contratos, geralmente, possuem cláusula de sinistralidade, ou seja, o contrato prevê uma margem de utilização. “Por mais que o ex-funcionário passe a pagar pelo plano, ele continua a integrar a apólice da empresa, o que pode contribuir para que a margem de utilização seja ultrapassada”, explica Camila. Segundo ela, no momento de renovar o contrato, as operadoras costumam reajustar o valor em até 100% por causa da cota excedida.

A desvantagem iminente tem feito algumas empresas estudarem formas de efetuar mudanças nos desenhos de seus planos, a fim de evitar a obrigatoriedade de estendê-los para seus ex-empregados. É o que mostra um estudo feito pela consultoria Watson Wyatt, com cerca de 170 empresas de diferentes portes e segmentos.

Segundo a pesquisa, mais de 60% das empresas estão condicionadas à lei. Desse total, 13% afirmam já ter tomado providências para não precisarem mais beneficiar quem não integra seu quadro. Elas alegam que o custo criado pelos inativos não é corretamente avaliado para fins contábeis, especialmente quando ele está na mesma apólice dos ativos, o que ocorre em 76% dos casos.

Além dos impactos na sinistralidade do contrato, essa situação pode implicar em subsídio indireto da empresa e dos empregados ativos, uma vez que a tendência é que os participantes de idade mais avançada criem despesas mais elevadas. Dentre as pesquisadas, 29% já precisaram assumir parte dos custos do plano médico dos inativos e pelo menos 5% sofreram ações judiciais por conta dos valores cobrados, uma vez que estes números costumam ser superiores aos debitados do trabalhador enquanto estava na empresa.

Fonte: www.canalrh.com.br - Por: Leandro Fernandes

www.senado.gov.br/senado/portaldoservidor/jornal/jornal92/economia_plano_saude.aspx [0]


Agora tem dentista grátis em CATOLE DO ROCHA?

Em 2014, o Sistema Único de Saúde (SUS) conta com cinco vezes mais equipes de saúde bucal do que a população contava em 2002. São mais de 24 mil equipes atendendo em 89,6% dos municípios de todo o Brasil.

O País tem investido cada vez mais em ações que garantam o acesso à assistência bucal no SUS. Centros de Especialidades Odontológicas e Laboratórios de Próteses Dentárias públicos, por exemplo, não existiam em 2002 e hoje são 1.029 centros e 1.479 laboratórios à disposição.

Estes números tornaram-se realidade por meio do programa Brasil Sorridente, criado em 2004. Todo brasileiro pode receber tratamento dentário de graça. Ao longo dos anos, a ampliação dos serviços de saúde bucal no SUS tem garantido uma redução da parcela da população mais vulnerável que nunca havia ido ao dentista. Mais de 80 milhões de brasileiros já foram beneficiados desde a criação do programa.

Historicamente, o acesso da população ao cirurgião dentista era privilégio da parcela mais rica da sociedade. Desde 2003, o número de profissionais de saúde bucal foi ampliado em 50%, chegando a 65.347.

O dentista Eduardo Effori é clínico geral do Hospital do Gama, no Distrito Federal, e afirma que houve uma mudança no atendimento nos últimos anos. “Melhorou a gestão em relação à distribuição das especialidades para o atendimento. No pronto socorro é rápido e, na cirurgia, ocorre no máximo 15 dias de espera. O que não é muito também”, explica.

Em apenas uma década, o Programa colocou o Brasil no grupo de países de baixa prevalência de cáries, de acordo com a classificação da Organização Mundial da Saúde (OMS), e é reconhecido como o maior programa de saúde bucal público do mundo. A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios 2003 (PNAD) demonstrou que 46,6% das crianças de 5 anos e 43,5% das crianças de 12 anos nunca tiveram cárie dentária.

Houve uma queda de 26% na incidência de cárie dentária na faixa etária de 12 anos e, também, a redução de perda dentária e do número de dentes afetados por cáries além da ampliação no acesso aos serviços de saúde bucal para as faixas etárias de 15 a 19 anos; 35 a 44 anos; e 65 a 74 anos.

A estudante Anna Barbara Sousa, de 21 anos, buscou atendimento em um Posto de Saúde do Distrito Federal. “Eu estava com dor de dente há um ‘tempão’, era uma cárie que precisava tirar. Minha avó marcou e depois eu fui. O dentista olhou o que era e fez o procedimento”, relata.

A pesquisa também revelou que cerca de 27,9 milhões de pessoas nunca haviam ido ao dentista. Já a PNAD-2008 demonstrou uma ampliação do acesso em 36,4%, e cerca de 20 milhões de brasileiros que nunca haviam ido ao dentista passaram a ter acesso e a porcentagem daqueles que nunca foram ao dentista foi reduzida para 11,6% da população.

O investimento do Programa Brasil Sorridente entre 2003 e 2013 foi de R$ 7 bilhões. Para 2014, a previsão de investimento é de R$ 1,2 bilhão. [19]



*blogsbrasil.com - todos os direitos reservados. Selecionamos as principais notícias da cidade de CATOLE DO ROCHA PB. Os acontecimentos políticos, acidentes de trânsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos também os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura. O trabalho jornalístico consiste em captação e tratamento escrito, oral, visual ou gráfico, da informação em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho é normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas funções e particularidades: pauta, apuração, redação e edição.A pauta é a seleção dos assuntos que serão abordados. É a etapa de escolha sobre quais indícios ou sugestões devem ser considerados para a publicação final. A apuração é o processo de averiguar informação em estado bruto (dados, nomes, números etc.). A apuração é feita com documentos e pessoas que fornecem informações, chamadas de fontes. A interação de jornalistas com suas fontes envolve freqüentemente questões de confidencialidade.A redação é o tratamento das informações apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no rádio, na TV e no cinema). A edição é a finalização do material redigido em produto de comunicação, hierarquizando e coordenando o conteúdo de informações na forma final em que será apresentado. Muitas vezes, é a edição que confere sentido geral às informações coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edição consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espaço de impressão pré-definido. A diagramação é a disposição gráfica do conteúdo e faz parte da edição de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locução, o que no telejornalismo ganha o adicional da edição de imagens em movimento. Tags: Últimas Notícias, CATOLE DO ROCHA PB, Cidade, Interior, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, Carro, Eleições, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Eleições, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Aniversário, Prêmio, Mês, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora há Pouco, Mulher, Homem, Família, Criança, Portal,Pessoas, Como saber, Onde eu Acho, Site, Blog, Diário,Protesto,Inauguração, Cassação, Cassado, Show, Apresentação, Espetáculo, Fotos, Vídeos, Imagens, Previsão, Caminhão, Vítimas, Situação, Oposição, Eleições, Enquete, Votos, Apuração, Trânsito, Operação, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos.