Blog de Notícias de CABECEIRAS








UFA GRAÇAS A DEUS/ Choveu nas cabeceiras do Araras as comportas poderás não fechar para as localidades ribeirinhas do Acarau.

Emocionante ver água correr no Rio Caiçara há quanto tempo! Confesso que chorei... Principalmente pelo o que nos estávamos passando com a falta do precioso liquido água. Foi o que disse chorando o age…

Serra da discórdia

Na sede da Associação dos Trilheiros do Estado de Goiás (Atego), aproximadamente dez veículos ... formações do espaço e constatou que “podem ser encontradas diversas cabeceiras de drenagens importantes para a região, como a cabeceira do Córrego ...

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO DE CABECEIRAS DE BASTO VISITA MISERICÓRDIA LOCAL

Presidente da Câmara visita Unidade de Cuidados Continuados da Santa Casa da Misericórdia de Cabeceiras de Basto A convite da Santa Casa da Misericórdia de S. Miguel de Refojos de Cabeceiras de Basto…

Falta d’água,de quem é a culpa?

Arno Bruno Weis é produtor rural, presidente do sindicato rural de Cabeceiras-GO e da Comissão de Assuntos Fundiários e Segurança Rural da Faeg, e Walter Fretta, engenheiro agrônomo, presidente da Associação dos Engenheiros Agrônomos e Técnicos ...

CHUVAS EM CAICÓ

Depois da previsão de sol com muitas nuvens e possibilidade de chuva a qualquer hora, as águas começaram a banhar a localidade de Caicó na tarde de hoje (21). E o Blogue do Xerife já algumas imagens da pr…

Cuidadora flagrada em vídeo diz que não teve a intenção de agredir idosa

Em uma parte das imagens, a idosa é deixada sozinha na cama, que estava com a cabeceira levantada. Ao tentar sair da cama, a idosa se desequilibrou e caiu. Após o tombo, a cuidadora coloca a mulher na cama, mas a deixa só novamente por algumas vezes.

Chuvas aumentam níveis dos rios do Pantanal, alerta Embrapa em MS

Chuvas aumentam níveis dos rios do Pantanal, alerta Embrapa em MS Imagem Ilustrativa extraída da InternetFortes chuvas atingiram as cabeceiras da bacia do Alto Paraguai. Do AgrodebateChuvas devem prov…

Caminhada em Cabeceiras de Basto

Voltei. Disse que tinha mais e aqui vai a segunda dose de fotografias do excelente, magnífico, ultra bom passeio/caminhada de Domingo passado.As pernas estão a recuperar bem de algumas subidas, ainda …

Últimas notícias de CABECEIRAS GO:


Cuidadora flagrada em vídeo diz que não teve a intenção de agredir idosa Em uma parte das imagens, a idosa é deixada sozinha na cama, que estava com a cabeceira levantada. Ao tentar sair da cama, a idosa se desequilibrou e caiu. Após o tombo, a cuidadora coloca a mulher na cama, mas a deixa só novamente por algumas vezes.

Recuperação ainda só no papel a proteção das áreas de cabeceiras para garantir o nível dos rios e reservatórios. Mas o maior projeto anunciado pelo governo de Goiás com esse objetivo, o Programa Produtor de Água da Bacia do João Leite, praticamente pouco avançou desde o seu ...

CABECEIRAS GO tspan:3m CABECEIRAS GO


MILITARES QUE VÃO PARA O KOSOVO APRONTAM-SE EM CABECEIRAS DE BASTO Os militares do Grupo de Auto-Metralhadoras (GAM) que se preparam em Cabeceiras de Basto para uma missão no Kosovo chegaram esta manhã, dia 27 de fevereiro, à vila. Três viaturas pesadas do Exército P…

DRAGÕES D’ENTRE DOURO E MINHO REALIZAM EXERCÍCIOS MILITARES EM CABECEIRAS DE BASTO RC6 dá a conhecer exercício militar de aprontamento para missão no Kosovo a realizar em Cabeceiras de Basto O presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Dr. Serafim China Pereira, partici…

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO DE CABECEIRAS DE BASTO VISITA CASA DE ENCOSTURAS O presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Dr. Serafim China Pereira, visitou esta manhã, dia 24 de fevereiro, a Casa de Encosturas, onde o casal António Vaz Maia e Maria Beltrão tem a s…

Dupla faz arrastão em ônibus e agride passageira PI-113 em José de Freitas Dois bandidos armados de revólveres assaltaram um ônibus da Empresa Arêa Leão, no início da tarde desta segunda-feira (23 ), na PI-113, no Município de José de Freitas-PI. O ônibus fazia a linha do Mu…

Floresta Amazônica em pânico A Amazônia está virando um canteiro de obras e o governo permanece inerte ao problema. Algumas regiões já estão sofrendo com a falta de árvores, sentindo na pele a seca. Sem árvores não tem chuva! Ag…





Siga-nos e receba notícias e assuntos de interesse das cidades

Caras pintadas vão sair nas ruas de CABECEIRAS para pedir impeachment de Dilma?

O jurista Ives Gandra Martins esclareceu matéria da revista Veja do último final de semana e disse que não foi contratado por nenhuma empreiteira para realizar um parecer sobre a viabilidade de um processo de impeachment de Dilma Rousseff. 

Em artigo escrito ao jornal Folha de S. Paulo nesta terça-feira (3), o jurista confirmou ter elaborado um parecer, mas por pedido de seu colega José de Oliveira Costa, que não revelou quem seria o destinatário do estudo. E ressaltou que há fundamentação para o pedido de impeachment da presidente.

Ives Gandra emitiu um parecer sobre a possível abertura de processo de impeachment presidencial por improbidade administrativa, não decorrente de dolo, mas apenas de culpa. O jurista analisou diversos artigos e incisos da Constituição que tratam sobre probidade da administração, Lei das SAs e responsabilidade dos Conselhos de Administração na fiscalização da gestão de seus diretores, com amplitude absoluta deste poder.

"Ao interpretar o conjunto dos dispositivos citados, entendo que a culpa é hipótese de improbidade administrativa, a que se refere o artigo 85, inciso 5º [impeachment por atos contra a probidade na administração], da Lei Suprema dedicado ao impeachment", afirmou o jurista.

Na sequência, ressalta o jurista, ele se referiu à destruição de valor da Petrobras (PETR3;PETR4), "reduzida a sua expressão nenhuma, nos anos de gestão da presidente Dilma Rousseff como presidente do Conselho de Administração e como presidente da República, por corrupção ou concussão, durante oito anos, com desfalque de bilhões de reais, por dinheiro ilicitamente desviado e por operações administrativas desastrosas, que levaram ao seu balanço não poder sequer ser auditado".

Ives Gandra reforça a tese destacando a fala da presidente da República de que, se tivesse melhores informações, não teria aprovado o negócio de quase US$ 2 bilhões da refinaria de Pasadena, nos EUA, "à evidência, restou demonstrada ou omissão, ou imperícia ou imprudência ou negligência, ao avaliar o negócio".

Além disso, o jurista ressaltou que Dilma insistiu em manter em seu primeiro e segundo mandatos a mesma direção que levou "à destruição da Petrobras e está a demonstrar que a improbidade por culpa fica caracterizada". 

E, concluindo o parecer, ele destacou que há fundamentação jurídica para o pedido de impeachment de Dilma (hipótese de culpa) independentemente das apurações dos desvios que estão sendo realizadas pela Polícia Federal e pelo Ministério Público (hipótese de dolo).

"Não deixei, todavia, de esclarecer que o julgamento do impeachment pelo Congresso é mais político que jurídico, lembrando o caso do presidente Fernando Collor, que afastado da Presidência pelo Congresso, foi absolvido pela suprema corte. Enviei meu parecer, com autorização do contratante, a dois eminentes professores, que o apoiaram (Modesto Carvalhosa, da USP, e Adilson Dallari, da PUC-SP) em suas conclusões", concluiu o jurista em seu artigo.

Em seu parecer, Ives Gandra destacou: "concluo, pois, considerando que o assalto aos recursos da Petrobras, perpetrado durante oito anos, de bilhões de reais, sem que a Presidente do Conselho e depois Presidente da República o detectasse, constitui omissão, negligência e imperícia, conformando a figura da improbidade administrativa, a ensejar a abertura de um processo de "impeachment".

Confira o parecer completo no site do Consultor Jurídico

[13]




Academia da Saúde também está em CABECEIRAS.

As práticas corporais e atividades físicas importantes para uma vida saudável. Aliado a uma alimentação adequada e saudável, o hábito promove a saúde e contribui para melhoria da qualidade de vida. Para quem procura uma forma de dar o pontapé inicial e abandonar o sedentarismo existe o Programa Academia da Saúde.

Lançado em 2011, o programa conta com a atuação conjunta das áreas de vigilância e atenção à saúde no SUS e promove a saúde, com a inserção das práticas corporais e atividades físicas rotina, alimentação saudável, a fim de incentivar o cuidado integral à saúde e fornecer autonomia aos indivíduos e coletividades sobre as escolhas de modos de vida mais saudáveis.

O Programa Academia da Saúde não é um serviço isolado. Compõe a rede de atenção à saúde, como um estabelecimento de saúde da Atenção Básica, assim como as Unidades básicas de Saúde (UBS), fazendo parte das linhas de cuidado que contribuem com a promoção da saúde e produção do cuidado dos usuários dos polos do Programa Academia da Saúde.

O Ministério da Saúde incentiva a construção de academias públicas que funcionam articuladas com as Unidades Básicas de Saúde (UBS) nos estados. Atualmente, há mais de 3.774 mil polos habilitados para a construção em mais de 2.700 municípios do País.

Destes, 934 polos já estão prontos e funcionando nas quatro regiões do País. Até agora, o Ministério da Saúde já repassou mais de R$ 286 milhões.

Antes do início das atividades, é feita uma avaliação das condições de saúde física com um profissional de saúde para encaminhamento e orientação sobre a atividade mais adequada.

As atividades ocorrem de acordo com as necessidades e possibilidades de cada um. As atividades realizadas visam melhora do estado geral de saúde que engloba, entre outras coisas, o condicionamento cardiorrespiratório, consciência corporal, flexibilidade, força e coordenação motora geral, além da construção de vínculo com o serviço e com os profissionais de saúde.

Tal melhora ocorre por meio também de práticas artísticas e culturais, educação em saúde, mobilização da comunidade, além da promoção da alimentação saudável e das práticas corporais e atividades físicas.

Para saber onde está a Academia da Saúde mais próxima de você procure a Secretaria Municipal de Saúde. [0]



Serra da discórdia


Na sede da Associação dos Trilheiros do Estado de Goiás (Atego), aproximadamente dez veículos ... formações do espaço e constatou que “podem ser encontradas diversas cabeceiras de drenagens importantes para a região, como a cabeceira do Córrego ...



Falta d’água,de quem é a culpa?


Arno Bruno Weis é produtor rural, presidente do sindicato rural de Cabeceiras-GO e da Comissão de Assuntos Fundiários e Segurança Rural da Faeg, e Walter Fretta, engenheiro agrônomo, presidente da Associação dos Engenheiros Agrônomos e Técnicos ...
Cuidadora flagrada em vídeo diz que não teve a intenção de agredir idosa Em uma parte das imagens, a idosa é deixada sozinha na cama, que estava com a cabeceira levantada. Ao tentar sair da cama, a idosa se desequilibrou e caiu. Após o tombo, a cuidadora coloca a mulher na cama, mas a deixa só novamente por algumas vezes.
Recuperação ainda só no papel a proteção das áreas de cabeceiras para garantir o nível dos rios e reservatórios. Mas o maior projeto anunciado pelo governo de Goiás com esse objetivo, o Programa Produtor de Água da Bacia do João Leite, praticamente pouco avançou desde o seu ...
MILITARES QUE VÃO PARA O KOSOVO APRONTAM-SE EM CABECEIRAS DE BASTO Os militares do Grupo de Auto-Metralhadoras (GAM) que se preparam em Cabeceiras de Basto para uma missão no Kosovo chegaram esta manhã, dia 27 de fevereiro, à vila. Três viaturas pesadas do Exército P…
DRAGÕES D’ENTRE DOURO E MINHO REALIZAM EXERCÍCIOS MILITARES EM CABECEIRAS DE BASTO RC6 dá a conhecer exercício militar de aprontamento para missão no Kosovo a realizar em Cabeceiras de Basto O presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Dr. Serafim China Pereira, partici…

Novidade para a população de CABECEIRAS: dá pra saber se a pessoa tem Aids só com a saliva, em meia hora.

O teste oral de HIV

O procedimento para saber se a pessoa tem Aids foi desenvolvido pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e tem, entre suas vantagens, a mobilidade, pois não é necessário ter um espaço laboratorial para a coleta e diagnóstico.

A iniciativa utiliza fluido extraído da gengiva e da mucosa da bochecha com o auxílio de uma haste coletora e, em aproximadamente 30 minutos, já é possível obter o resultado.

Os testes já estavam sendo utilizados dentro do projeto Viva Melhor Sabendo, parceria do Ministério da Saúde com 60 organizações da sociedade civil de todo o País, que tiveram a possibilidade de ir até grupos de risco, que são homens que fazem sexo com homens, gays, transexuais, travestis, profissionais do sexo e pessoas que usam drogas. Agora, para o Carnaval, as ONGs se organizam para realizar saídas em bares, boates e festas durante toda a semana de folia.

Ariane Sena, 23 anos, estudante de psicologia, participa do projeto em Salvador, na Bahia, com a Instituição Beneficente Conceição Macêdo (IBCM), uma organização sem fins lucrativos que, desde 1989, atua na prevenção do HIV/AIDS e apoia as pessoas que convivem com o vírus.

“O legal do projeto é que a gente vai até o encontro das pessoas, onde quer que elas estejam, então nós vamos em orlas, saunas gays, casas de prostituição e está sendo muito bom. A gente entende a dificuldade de travestis e transsexuais chegarem a laboratórios, a gente nem sempre é respeitada e nem somos chamadas pelos nossos nomes sociais, como queremos ser chamadas”, conta Ariane Sena. Durante o carnaval de Salvador, o projeto fará três saídas na semana das festas passando pela Barra e Circuito Dodô.

Em casos de teste positivo, as equipes são orientadas a encaminhar os casos aos postos de saúde mais próximos do local, conforme esclarece Padre Alfredo. “Eu penso que é uma forma real da gente cessar essa epidemia, fazendo com que as pessoas saibam da sua condição. Quando há casos de soropositividade, a gente indica os postos de saúde mais próximos da comunidade e região. A pessoa pode escolher, conforme a sua necessidade ou conveniência”, completa.

No Rio de Janeiro, Márcio Villard, gerente da área de Educação e Mobilização Social da Coordenação de Vigilância em Saúde Ambiental da Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil do Rio de Janeiro, conta que os barracões das escolas de samba, tanto do primeiro grupo como do grupo de acesso, recebem preservativos e materiais educativos durante todo o ano. Mulheres voluntárias das comunidades trabalham com as escolas Salgueiro, Mangueira, Tijuca e Vila Isabel.

Durante o carnaval, as ações são realizadas no Terreirão do Samba e no Sambódobro. “Elas trabalham com material educativo e é muito interessante, porque depois a gente recebe muitas pessoas para darmos encaminhamento ao teste. Então a hashtag da campanha, #partiuteste, funciona muito bem no diálogo com essas pessoas”, explica Márcio Villard.

A infecção pelo HIV só pode ser detectada com, pelo menos, 30 dias a contar da situação de risco, período chamado de janela imunológica. Além do teste oral, o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece a testagem laboratorial e o teste rápido de forma gratuita e anônima nas unidades da rede pública e nos Centros de Testagem e Aconselhamento.

Nesses centros, além da coleta e da execução dos testes, há um processo de aconselhamento, antes e depois do teste, para facilitar a correta interpretação do resultado pelo paciente. Também é possível saber onde fazer o teste pelo Disque Saúde (136). [10]


Novidade para a população de CABECEIRAS: dá pra saber se a pessoa tem Aids só com a saliva, em meia hora.

O teste oral de HIV

O procedimento para saber se a pessoa tem Aids foi desenvolvido pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e tem, entre suas vantagens, a mobilidade, pois não é necessário ter um espaço laboratorial para a coleta e diagnóstico.

A iniciativa utiliza fluido extraído da gengiva e da mucosa da bochecha com o auxílio de uma haste coletora e, em aproximadamente 30 minutos, já é possível obter o resultado.

Os testes já estavam sendo utilizados dentro do projeto Viva Melhor Sabendo, parceria do Ministério da Saúde com 60 organizações da sociedade civil de todo o País, que tiveram a possibilidade de ir até grupos de risco, que são homens que fazem sexo com homens, gays, transexuais, travestis, profissionais do sexo e pessoas que usam drogas. Agora, para o Carnaval, as ONGs se organizam para realizar saídas em bares, boates e festas durante toda a semana de folia.

Ariane Sena, 23 anos, estudante de psicologia, participa do projeto em Salvador, na Bahia, com a Instituição Beneficente Conceição Macêdo (IBCM), uma organização sem fins lucrativos que, desde 1989, atua na prevenção do HIV/AIDS e apoia as pessoas que convivem com o vírus.

“O legal do projeto é que a gente vai até o encontro das pessoas, onde quer que elas estejam, então nós vamos em orlas, saunas gays, casas de prostituição e está sendo muito bom. A gente entende a dificuldade de travestis e transsexuais chegarem a laboratórios, a gente nem sempre é respeitada e nem somos chamadas pelos nossos nomes sociais, como queremos ser chamadas”, conta Ariane Sena. Durante o carnaval de Salvador, o projeto fará três saídas na semana das festas passando pela Barra e Circuito Dodô.

Em casos de teste positivo, as equipes são orientadas a encaminhar os casos aos postos de saúde mais próximos do local, conforme esclarece Padre Alfredo. “Eu penso que é uma forma real da gente cessar essa epidemia, fazendo com que as pessoas saibam da sua condição. Quando há casos de soropositividade, a gente indica os postos de saúde mais próximos da comunidade e região. A pessoa pode escolher, conforme a sua necessidade ou conveniência”, completa.

No Rio de Janeiro, Márcio Villard, gerente da área de Educação e Mobilização Social da Coordenação de Vigilância em Saúde Ambiental da Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil do Rio de Janeiro, conta que os barracões das escolas de samba, tanto do primeiro grupo como do grupo de acesso, recebem preservativos e materiais educativos durante todo o ano. Mulheres voluntárias das comunidades trabalham com as escolas Salgueiro, Mangueira, Tijuca e Vila Isabel.

Durante o carnaval, as ações são realizadas no Terreirão do Samba e no Sambódobro. “Elas trabalham com material educativo e é muito interessante, porque depois a gente recebe muitas pessoas para darmos encaminhamento ao teste. Então a hashtag da campanha, #partiuteste, funciona muito bem no diálogo com essas pessoas”, explica Márcio Villard.

A infecção pelo HIV só pode ser detectada com, pelo menos, 30 dias a contar da situação de risco, período chamado de janela imunológica. Além do teste oral, o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece a testagem laboratorial e o teste rápido de forma gratuita e anônima nas unidades da rede pública e nos Centros de Testagem e Aconselhamento.

Nesses centros, além da coleta e da execução dos testes, há um processo de aconselhamento, antes e depois do teste, para facilitar a correta interpretação do resultado pelo paciente. Também é possível saber onde fazer o teste pelo Disque Saúde (136). [10]



*blogsbrasil.com - todos os direitos reservados. Selecionamos as principais notícias da cidade de CABECEIRAS GO. Os acontecimentos políticos, acidentes de trânsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos também os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura. O trabalho jornalístico consiste em captação e tratamento escrito, oral, visual ou gráfico, da informação em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho é normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas funções e particularidades: pauta, apuração, redação e edição.A pauta é a seleção dos assuntos que serão abordados. É a etapa de escolha sobre quais indícios ou sugestões devem ser considerados para a publicação final. A apuração é o processo de averiguar informação em estado bruto (dados, nomes, números etc.). A apuração é feita com documentos e pessoas que fornecem informações, chamadas de fontes. A interação de jornalistas com suas fontes envolve freqüentemente questões de confidencialidade.A redação é o tratamento das informações apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no rádio, na TV e no cinema). A edição é a finalização do material redigido em produto de comunicação, hierarquizando e coordenando o conteúdo de informações na forma final em que será apresentado. Muitas vezes, é a edição que confere sentido geral às informações coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edição consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espaço de impressão pré-definido. A diagramação é a disposição gráfica do conteúdo e faz parte da edição de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locução, o que no telejornalismo ganha o adicional da edição de imagens em movimento. Tags: Últimas Notícias, CABECEIRAS GO, Cidade, Interior, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, Carro, Eleições, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Eleições, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Aniversário, Prêmio, Mês, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora há Pouco, Mulher, Homem, Família, Criança, Portal,Pessoas, Como saber, Onde eu Acho, Site, Blog, Diário,Protesto,Inauguração, Cassação, Cassado, Show, Apresentação, Espetáculo, Fotos, Vídeos, Imagens, Previsão, Caminhão, Vítimas, Situação, Oposição, Eleições, Enquete, Votos, Apuração, Trânsito, Operação, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos.