Blog de Notícias de BRASIL NOVO








EUA buscam reaproximação com o Brasil e fazem novo convite a Dilma para visita de Estado

O governo do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, reenviou um convite à presidente Dilma Rousseff para fazer uma visita de Estado a Washington, em um andamento diplomático que autoridades norte-americanas esperam que leve a um período de maior ...

Novo ministro da Educação diz que há muita gente torcendo pelo Brasil

BRASÍLIA — O novo ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, escolhido na sexta-feira para ocupar o cargo pela presidente ... que está impressionado com o tanto de gente torcendo pelo Brasil. Ribeiro, que tomará posse no próximo dia 6 de abril ...

Netflix lança no Brasil novo anime do diretor de 'Cowboy Bebop'

A Netflix progr amou para o dia 1º de Abril o lançamento de "Zankyo no Terror" (Terror of Resonance), série produzida pelo Studio Mappa e com direção de Shinichiro Watanabe, responsável pelos animes "C…

Novo ministro da Educação diz ter de estudar para falar sobre o MEC

O novo ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, publicou neste sábado em sua página no Facebook um texto para agradecer os cumprimentos ... de alunos e 2 milhões de professores. "É o Brasil que está lá - subindo a ladeira", escreveu.

BRASIL NOVO EM FOCO CRIA NOVO CANAL DE COMUNICAÇÃO COM O LEITOR NO WHATSAPP: ADICIONE E PARTICIPE

Pensando em inovar e melhorar o atendimento ao nosso leitor, criamos mais um canal para compartilhar notícias, receber informa&cced il;ões (fotos, vídeos, áudios e depoimentos): a partir de hoje o Blog Brasil…

A classe média vai salvar o Brasil?

Uma nova manifestaçã o contra o governo, a corrupção e os fortes cortes anunciados está programada para o próximo 12 de abril. A novidade no momento difícil e confuso que vive o Brasil consiste em que, pela primeira vez em muitos anos, a classe ...

CÂMARA DE VEREADORES DE BRASIL NOVO FARÁ HOMENAGEM PÓSTUMA À ZEZÉ BIANCARDI NESTA SEXTA-FEIRA

Comando Médico e Social na Vila PontalMaria José Biancardi nasceu no dia 02 de dezembro de 1974 no município de Nova Venécia no Espírito Santo, filha da Senhora Maria Rita Feu Biancardi e do Senhor Pe…

POLICIA DE BRASIL NOVO,DIVULGA FOTO DO ASSASSINO DE ZEZE BIANCARDI

O Serviço de Inteligência da Polícia Civil de Brasil Novo divulgou na manhã desta quarta-feira (25), a foto do suspeito de ter sido o autor dos disparos que matou a Secretária Municipal de Trabalho e …

POLICIA CIVIL DE BRASIL NOVO DIVULGA RETRATO FALADO DO SUSPEITO DE SER O EXECUTOR DOS DISPAROS QUE MATOU A SECRETÁRIA DA SEMUTS ZEZÉ BIANCARDI

O Serviço de Inteligência da Polícia Civil de Brasil Novo divulgou na manhã desta quarta-feira (25), o retrato falado do suspeito de ter sido o autor dos disparos que matou a Secretária Municipal de T…

BRASIL NOVO: SECRETARIA DE SAÚDE REALIZA BLITZ DE COMBATE A DENGUE

Aconteceu na manhã desta quarta-feira (25), em Brasil Novo, A Blitz de Combate à Dengue a ação foi realizada pela Secretaria Municipal de Saúde – SMS. Durante a manhã funcionários da Secretaria Munici…

PAYSANDU FARÁ PENEIRA PARA FUTEBOL DE CAMPO EM BRASIL NOVO

Três Dirigentes Esportivos do Paysandu Esporte Clube, equipe da Capital Paraense, estarão em Brasil Novo no dia 17 de abril para a realização de uma peneira para atletas de futebol de campo com idade …

Ministério Brasil Novo. Próximo Batismo será 11 de abril de 2015

O BATISMO. Texto Base Bíblia : João 3:3  Será celebrado no próximo dia 11 de abril de 2015 às 20 horas no Templo Maior da Casa de Oração Ministério Brasil Novo, de acordo divulgação e  campanha de  eva…

CERCA DE 2 MIL PESSOAS FORAM ÀS RUAS NA CAMINHADA PELA PAZ EM BRASIL NOVO.

A violência vem crescendo no município e em menos de três meses três pessoas foram executadas. Uma Multidão foram às RuasMais de duas mil pessoas se uniram no final da tarde desta quinta-feira (19), e…

Últimas notícias de BRASIL NOVO PA:

 A classe média vai salvar o Brasil? Uma nova manifestaçã o contra o governo, a corrupção e os fortes cortes anunciados está programada para o próximo 12 de abril. A novidade no momento difícil e confuso que vive o Brasil consiste em que, pela primeira vez em muitos anos, a classe ...

Fabricado no Brasil, novo Jeep Renegade reinventa SUV Com 74 anos de existência, a Jeep começa um novo capítulo de sua história ... foram apresentadas à imprensa. Pronto para competir no segmento de SUV’s on e off-road, o Jeep Renegade chega às concessionárias a partir no início de abril.

BRASIL NOVO PA tspan:3m BRASIL NOVO PA


Novo ministro diz que “sem educar não se avança” O novo ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, postou em seu perfil no Facebook cometários sobre sua nomeação para a pasta, anunciada pelo governo ... Incrível como há gente torcendo pelo Brasil! Incrível como há tanta gente acreditando ...

Brasil será membro de novo banco de desenvolvimento liderado pela China O Brasil será membro do novo banco asiático de desenvolvimento ... "O governo brasileiro aceitou o convite da República Popular da China para participar como membro-fundador do Banco Asiático de Investimento em Infraestrutura (AIIB), informa a nota ...

Novo ministro diz em rede social que sem educar não se avança O novo ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, manifestou-se hoje (28), em rede social, sobre o convite que ganhou da presidenta Dilma Rousseff para substituir Cid Gomes no comando da pasta. Em um texto de agradecimento pelo apoio recebido de ...

Aerolíneas Argentinas tem novo diretor para Brasil Companhia aérea com mais de 100 voos semanais entre Brasil e Argentina, a Aerolíneas Argentinas tem novo diretor para o mercado brasileiro. Gonzalo Romero está desde 1º de março atuando no País, substituindo Ariel Rodríguez, que voltou para Buenos ...

Renato Janine Ribeiro é o novo ministro da Educação BRASÍLIA - A presidente Dilma Rousseff escolheu, nesta sexta-feira, o filósofo Renato Janine Ribeiro para comandar o Ministério da Educação, cargo que estava vago desde quarta-feira da semana passada, quando Cid Gomes pediu demissão. A posse do novo ...





Siga-nos e receba notícias e assuntos de interesse das cidades

Como está o Mais Médicos em BRASIL NOVO ?

Criado em 2013, o Programa Mais Médicos ampliou à assistência na Atenção Básica fixando médicos nas regiões com carência de profissionais. Por meio da iniciativa, 14.462 mil médicos passaram a atender a população de 3.785 mil municípios, o equivalente a 68% dos municípios do país e os 34 Distritos Sanitários Indígenas (DSEIs). Cerca de 50 milhões de brasileiros são beneficiados.

No eixo de infraestrutura, o governo federal está investindo na expansão da rede de saúde. São R$ 5,6 bilhões para o financiamento de construções, ampliações e reformas de Unidades Básicas de Saúde (UBS) e R$ 1,9 bilhão para construções e ampliações de Unidades de Pronto Atendimento (UPAs). Das 26 mil UBS que tiveram recursos aprovados para construção ou melhoria, 20,6 mil (79,2%) estão em obras ou já foram concluídas. Em relação às UPAs, 363 já foram concluídas de um total de 943 propostas aprovadas.

Já as medidas relativas à expansão e reestruturação da formação médica no país, que compõem o terceiro eixo do programa, preveem a criação, até 2017, de 11,5 mil novas vagas de graduação em medicina e 12,4 mil vagas de residência médica para formação de especialistas até 2018 com o foco na valorização da Atenção Básica e outras áreas prioritárias para o SUS. Já foram autorizadas 4.460 novas vagas de graduação, sendo 1.343 em instituições públicas e 3.117 em instituições privadas, além da seleção de 39 municípios para criação de novos cursos. Em 2014, o governo federal autorizou 2.822 novas vagas de residência.

A abertura de novos cursos e vagas de graduação leva em conta a necessidade da população e a infraestrutura dos serviços – com isso, mais faculdades surgirão em localidades com escassez de profissionais, como no Nordeste e no Norte do país, e em cidades do interior de todas as regiões brasileiras.

[5]




Corrupção custa caro também em BRASIL NOVO

O brasileiro paga caro pelo aumento da corrupção no País. Segundo estudo feito pelo coordenador da Escola de Economia de São Paulo, da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Marcos Fernandes, a perda de produtividade provocada por fraudes públicas no Brasil atinge a casa de US$ 3,5 bilhões por ano. ´Da mesma forma que estradas e portos bem estruturados melhoram a produtividade do País, instituições ineficientes diminuem o ganho da nação´, afirma Fernandes.

Ele explica que o prejuízo foi calculado com base em dados do Banco Mundial (Bird) sobre educação e investimentos de 109 países, além de índices de percepção de corrupção da organização não-governamental Transparência Internacional. Na avaliação do professor da FGV - que lança hoje o livro Ética e Economia, em São Paulo -, com as péssimas qualidades das leis, da governabilidade e do ambiente de negócios, as empresas hesitam em investir no País e deixam de criar emprego e renda para a sociedade. Para ter idéia do que significa a perda de produtividade provocada pela corrupção no Brasil, basta comparar o volume de dinheiro empenhado pelo governo no Ministério dos Transportes. Até agosto, foram cerca de R$ 5,3 bilhões em obras de infra-estrutura de transportes, como estradas, hidrovias, ferrovias e portos - bem abaixo da perda de produtividade anual calculada em US$ 3,5 bilhões, ou R$ 7,5 bilhões convertidos pelo dólar de R$ 2,17.

Fernandes completa ainda que em apenas dois escândalos recentes da história do Brasil - o superfaturamento do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) de São Paulo pelo juiz Nicolau dos Santos Neto e o dos sanguessugas, a população perdeu cerca de US$ 150 milhões. ´Com esse dinheiro seria possível construir 200 mil casas populares e abrigar 800 mil pessoas´, calcula o professor. Segundo ele, muito dinheiro que poderia ser investido na precária infra-estrutura do País é desviado pela corrupção. Com isso, o Estado perde força e suas políticas de investimentos são enfraquecidas. Resultado disso pode ser verificado no Índice de Competitividade Global 2006-2007 do Fórum Econômico Mundial. Números divulgados na semana passada mostram que o Brasil caiu nove posições no ranking internacional, de 57ª para 66ª colocação, ficando abaixo dos demais países que formam o chamado Bric (Rússia, Índia e China). De acordo com o Fórum, o desempenho do Brasil se deve especialmente a dois fatores: indicadores macroeconômicos e institucionais. ´A corrupção traz efeitos graves para a competição dos mercados´, afirma o diretor-executivo da Transparência Brasil, Claudio Weber Abramo.

Segundo ele, o efeito disso para a população é lamentável, já que menos investimentos significam menos emprego, renda e piora do bem-estar da população. ´O custo social é grande, pois priva as pessoas de uma melhor qualidade de vida e de liberdade de escolha´, diz Fernandes. O economista Reinaldo Gonçalves, professor titular da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), acrescenta ainda que a corrupção aumenta o risco e a incerteza no ambiente de negócios do País. ´Para se proteger disso, os preços dos bens e serviços acabam embutindo o custo da corrupção, como se fosse um imposto´, reclama ele. Para o professor, além de aumentar as incertezas, as fraudes públicas elevam as práticas oportunistas. ´Como alguns cometem atos ilícitos e não são punidos, os outros também adotam armas corruptas para competir.´ Na avaliação dele, há uma fragilidade sistêmica no Brasil, um processo de ´africanização´. Dados da ONG Transparência Internacional mostram que o Índice de Percepção de Corrupção do Brasil é semelhante ao de países como Belize, Sri Lanka, Peru, Kuwait e Colômbia (ver gráfico). Os países mais seguros são Finlândia, Dinamarca, Cingapura e Suíça. Os piores no quesito fraude pública são Bangladesh, Paraguai e Indonésia. Na avaliação do professor de Ética e Filosofia Política da Unicamp, Roberto Romano, um dos problemas que elevam o índice de corrupção no Brasil é o número de mediadores no sistema. Da União até chegar ao destino estabelecido, o dinheiro passa por várias mãos, o que facilita a fraude, argumenta ele. ´Resultado disso é a desigualdade entre as regiões e a falta de competitividade do produto brasileiro. Se você não tem valor agregado, sobretudo de ponta, o que você tem a oferecer? Banana´ destaca o professor.

Mas há uma luz no fim do túnel, argumentam os especialistas. Uma das alternativas é deixar de tratar a corrupção como causa da moralidade. Para Abramo, ela tem origem em instituições e práticas administrativas frágeis.

´No Brasil, os governos podem nomear cargos aleatoriamente em troca de apoio parlamentar. Isso precisa ser mudado´, indigna-se ele, reivindicando a criação de políticas de gerenciamento de conflito de interesses. ´Certamente não se combate corrupção dizendo que ela é feia.´ Gonçalves, da FGV, acredita que a instituição de mecanismos que permitam a fiscalização pública do orçamento do governo já contribuiria para reduzir as fraudes. ´É preciso transparência. Se você torna tudo eletrônico, é possível consultar o andamento dos processos, contratos de compra de serviços, etc.´ Mas isso precisa ser inteligível. Não adianta dispor de dados se não é possível fazer a leitura, alerta ele. ´Junta-se a isso a necessidade de redução da burocracia e a aprovação de leis mais racionais.´

Fonte: Renée Pereira (site do Estadão) [2]



Novo ministro da Educação diz que há muita gente torcendo pelo Brasil


BRASÍLIA — O novo ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, escolhido na sexta-feira para ocupar o cargo pela presidente ... que está impressionado com o tanto de gente torcendo pelo Brasil. Ribeiro, que tomará posse no próximo dia 6 de abril ...



Novo ministro da Educação diz ter de estudar para falar sobre o MEC


O novo ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, publicou neste sábado em sua página no Facebook um texto para agradecer os cumprimentos ... de alunos e 2 milhões de professores. "É o Brasil que está lá - subindo a ladeira", escreveu.
A classe média vai salvar o Brasil? Uma nova manifestaçã o contra o governo, a corrupção e os fortes cortes anunciados está programada para o próximo 12 de abril. A novidade no momento difícil e confuso que vive o Brasil consiste em que, pela primeira vez em muitos anos, a classe ...
Fabricado no Brasil, novo Jeep Renegade reinventa SUV Com 74 anos de existência, a Jeep começa um novo capítulo de sua história ... foram apresentadas à imprensa. Pronto para competir no segmento de SUV’s on e off-road, o Jeep Renegade chega às concessionárias a partir no início de abril.
Novo ministro diz que “sem educar não se avança” O novo ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, postou em seu perfil no Facebook cometários sobre sua nomeação para a pasta, anunciada pelo governo ... Incrível como há gente torcendo pelo Brasil! Incrível como há tanta gente acreditando ...
Brasil será membro de novo banco de desenvolvimento liderado pela China O Brasil será membro do novo banco asiático de desenvolvimento ... "O governo brasileiro aceitou o convite da República Popular da China para participar como membro-fundador do Banco Asiático de Investimento em Infraestrutura (AIIB), informa a nota ...

Trabalho em BRASIL NOVO. Como fica o meu plano de saúde se for demitido?

Permanecer com o plano de saúde oferecido pela empresa após ser demitido, ainda que tenha que pagar por ele, pode representar um benefício significativo, principalmente considerando o fato de que firmar um contrato de plano de saúde individual tem se tornado uma tarefa cada vez mais difícil. Muitas operadoras colocam empecilhos para quem procura um plano apenas para si.

O artigo 30 da lei número 9656/98, que rege o assunto, prevê que no caso de rescisão ou exoneração do contrato de trabalho sem justa causa, “é assegurado o direito de manter sua condição de beneficiário, nas mesmas condições de cobertura assistencial de que gozava quando da vigência do contrato de trabalho, desde que assuma seu pagamento integral”, diz um trecho da lei.

Mas, para que o ex-funcionário possa manter este benefício, ele precisa ter contribuído, total ou parcialmente, com o plano de saúde empresarial, explica a advogada Camila de Oliveira Santos, do escritório Maluf e Moreno Advogados Associados. “O empregado deve informar o interesse de permanecer com o plano, no prazo máximo de 30 dias após a formalização da dispensa”, diz Camila. E cabe à empregadora comunicar ao trabalhador a existência dessa possibilidade.

Em relação ao período de permanência após a rescisão do contrato, a lei obriga as empresas a manter os ex-funcionários por um prazo de até dois anos. O tempo de permanência previsto na legislação é equivalente a um terço do período que o funcionário permaneceu na organização. “Entretanto, existe um prazo mínimo (que é de seis meses) e máximo (24 meses) de permanência”, sinaliza Camila. Logo, mesmo o trabalhador que tiver ficado pouco tempo na organização terá direito a no mínimo meio ano de cobertura. Contudo, o benefício cessa caso o trabalhador obtenha novo emprego que lhe forneça outro plano de saúde.

Camila explica ainda que a lei também se aplica a quem se aposenta. Nesses casos, quem possui um plano de saúde por um período igual ou superior a dez anos tem direito a permanecer com o benefício nos mesmos moldes por prazo indeterminado, desde que assuma o pagamento integral do plano. Já quem está no plano há menos de dez anos pode estender o benefício pelo prazo equivalente ao que permaneceu nele.

Impactos para as empresas

Ainda que as organizações não sejam obrigadas a custear qualquer valor para o ex-funcionário que escolhe a extensão do benefício, , essa opção pode ter reflexos no valor do contrato que as empresas mantêm com as operadoras de planos de saúde empresarial. Isso porque esses contratos, geralmente, possuem cláusula de sinistralidade, ou seja, o contrato prevê uma margem de utilização. “Por mais que o ex-funcionário passe a pagar pelo plano, ele continua a integrar a apólice da empresa, o que pode contribuir para que a margem de utilização seja ultrapassada”, explica Camila. Segundo ela, no momento de renovar o contrato, as operadoras costumam reajustar o valor em até 100% por causa da cota excedida.

A desvantagem iminente tem feito algumas empresas estudarem formas de efetuar mudanças nos desenhos de seus planos, a fim de evitar a obrigatoriedade de estendê-los para seus ex-empregados. É o que mostra um estudo feito pela consultoria Watson Wyatt, com cerca de 170 empresas de diferentes portes e segmentos.

Segundo a pesquisa, mais de 60% das empresas estão condicionadas à lei. Desse total, 13% afirmam já ter tomado providências para não precisarem mais beneficiar quem não integra seu quadro. Elas alegam que o custo criado pelos inativos não é corretamente avaliado para fins contábeis, especialmente quando ele está na mesma apólice dos ativos, o que ocorre em 76% dos casos.

Além dos impactos na sinistralidade do contrato, essa situação pode implicar em subsídio indireto da empresa e dos empregados ativos, uma vez que a tendência é que os participantes de idade mais avançada criem despesas mais elevadas. Dentre as pesquisadas, 29% já precisaram assumir parte dos custos do plano médico dos inativos e pelo menos 5% sofreram ações judiciais por conta dos valores cobrados, uma vez que estes números costumam ser superiores aos debitados do trabalhador enquanto estava na empresa.

Fonte: www.canalrh.com.br - Por: Leandro Fernandes

www.senado.gov.br/senado/portaldoservidor/jornal/jornal92/economia_plano_saude.aspx [0]


O poder do agora em BRASIL NOVO, saiba mais!

O Poder do Agora

Imagem de mãos sobre bola de fogo

A servidora Dalva Moura, lotada no Instituto Legislativo Brasileiro também se tornou colaboradora do Jornal Conversa Pessoal. Baseada no texto de Rodrigo Cardoso, que fala sobre “As 4 chaves do agora”, a servidora sugere, em duas etapas (nesta edição e na próxima), quatro atitudes que podemos tomar para fazer o agora acontecer.

O Poder do Agora, segundo Eckart Tolle, nos diz que “a única verdade em nossas vidas é o momento presente”. Mas, precisamos ter metas para o futuro sim! Elas nos dão esperança. E esperança no futuro significa força, motivação no presente. Porém, felicidade só pode acontecer, como diz Rodrigo Cardoso, agora, no momento presente, a felicidade está no caminho para realizar seus sonhos e não no fim.

No entanto, muitas pessoas têm dificuldade de conseguir acessar este estado de presença, o momento presente com serenidade, e por isso, vamos, seguindo orientações de Rodrigo Cardoso, encaminhá-lo às 4 Chaves do Agora que são:

1. atenção ao seu corpo;
2. atenção ao ambiente;
3. reconhecimento de suas emoções;
4. auto-observação – reconhecer suas emoções no exato instante em que elas aparecem.

1. Atenção ao seu corpo
Uma boa forma de interromper o fluxo incessante de pensamentos, muitas vezes limitadores, ladrões de energia, que querem nos culpar pelo mesmo erro infinitas vezes, que nos impedem de realizarmos o nosso melhor potencial: é dar atenção total ao seu corpo.

Ao prestar atenção em sua respiração, por exemplo, você começa a sentir a energia vital de seu corpo. Perceba que a respiração, o batimento cardíaco, acontece involuntariamente. Faz parte de nossa natureza.

Algumas pessoas, ao prestarem atenção em sua respiração, podem sentir uma espécie de vibração, essa é a energia do seu corpo. De acordo com a física quântica, somos feitos de átomos que vibram o tempo todo. É mais fácil se puder fazer esse exercício com os olhos fechados. Talvez você consiga sentir essa vibração agora mesmo, com os olhos abertos, apenas praticando o que está ouvindo.

O propósito desta prática oriental é acalmar a mente, entrar no agora e ter serenidade para, por exemplo, tomar uma decisão difícil no trabalho sem que ela seja influenciada por pensamentos destrutivos. Nesse estado, nos ligamos diretamente com nossa essência e costumamos tomar decisões bem mais assertivas, as chances de melhorarmos nossos relacionamentos profissionais e pessoais aumentam espantosamente, pois passamos a perceber que nem sempre estamos com a razão e conseguimos melhorar a compaixão pelas situações e pessoas.

2. Atenção ao ambiente
Todas as vezes que você dá atenção ao local onde se encontra, olha a sua volta, vê o que antes estava obscurecido por uma espécie de véu ou névoa de pensamentos, você entra na dimensão do momento presente.

Já aconteceu com você de perder algo como óculos, carteira, chaves ou caneta e dizer para si mesmo: Como pode? Estava em minhas mãos agora mesmo! Como isso pode acontecer?

O fato é que você estava tão entretido com os pensamentos do que tinha para fazer no futuro que deixou de prestar atenção no presente e, como mágica, perde as coisas sem ao menos perceber como.

Portanto, ao andar no parque, vejas as flores, procure ouvir os pássaros, essa é uma boa prática. Se estiver dirigindo, procure sentir suas mãos no volante, preste atenção aos carros a sua frente, as árvores a sua volta, ao local onde se encontra.

Quando você utiliza a chave de dar atenção ao ambiente, você novamente acorda para o agora, volta-se ao momento presente, interrompe por alguns instantes o fluxo incessante de pensamentos e com isso proporciona maior qualidade em suas tarefas e atividades.

Experimente!

Texto: Dalva Moura é servidora do Instituto Legislativo Brasileiro (ILB). Se você quiser conversar com a autora, envie um e-mail para: dalva@senado.gov.br.
Imagem: http://terapias.files.wordpress.com


ATENÇÃO: A responsabilidade deste artigo é exclusiva de seu respectivo autor (fonte).


[7]



*blogsbrasil.com - todos os direitos reservados. Selecionamos as principais notícias da cidade de BRASIL NOVO PA. Os acontecimentos políticos, acidentes de trânsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos também os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura. O trabalho jornalístico consiste em captação e tratamento escrito, oral, visual ou gráfico, da informação em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho é normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas funções e particularidades: pauta, apuração, redação e edição.A pauta é a seleção dos assuntos que serão abordados. É a etapa de escolha sobre quais indícios ou sugestões devem ser considerados para a publicação final. A apuração é o processo de averiguar informação em estado bruto (dados, nomes, números etc.). A apuração é feita com documentos e pessoas que fornecem informações, chamadas de fontes. A interação de jornalistas com suas fontes envolve freqüentemente questões de confidencialidade.A redação é o tratamento das informações apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no rádio, na TV e no cinema). A edição é a finalização do material redigido em produto de comunicação, hierarquizando e coordenando o conteúdo de informações na forma final em que será apresentado. Muitas vezes, é a edição que confere sentido geral às informações coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edição consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espaço de impressão pré-definido. A diagramação é a disposição gráfica do conteúdo e faz parte da edição de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locução, o que no telejornalismo ganha o adicional da edição de imagens em movimento. Tags: Últimas Notícias, BRASIL NOVO PA, Cidade, Interior, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, Carro, Eleições, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Eleições, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Aniversário, Prêmio, Mês, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora, Mulher, Homem, Família, Criança, Portal,Pessoas, Como saber, Site, Blog, Diário,Protesto,Inauguração, Cassação, Cassado, Show, Apresentação, Espetáculo, Fotos, Vídeos, Imagens, Previsão, Caminhão, Vítimas, Situação, Oposição, Eleições, Enquete, Votos, Apuração, Trânsito, Operação, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos, NEWS LATEST LOCAL NEWSPAPPER.