Blog de Notícias de ANISIO DE ABREU








Unidade Escolar será fechada e alunos transferidos

Funcionários da Unidade Escolar Anísio de Abreu, zona norte da capital, informaram que, a Secretaria da Educação e Cultura do Piauí (Seduc) baixou uma portaria pedindo o fechamento da Unidade Escolar e transferindo os alunos para a Unidade Escolar ...

Unidade Escolas pode ser fechada próxima semana

A Unidade Escolar Anísio de Abreu, localizada na Avenida Campos Sales, zona norte da capital, pode ser fechada próxima semana por falta de aluno. Segundo funcionários da escola, a Secretaria da Educação e Cultura do Piauí (Seduc) baixou uma portaria ...

PARFOR chega a 30 municípios piauienses e oferece quase 6 mil novas vagas

As novas cidades contempladas são Beneditinos, Água Branca, Anísio de Abreu, Castelo do Piauí e Buriti dos Lopes. Somadas aos municípios já existentes, agora são 30 cidades do Piauí oferecendo a oportunidade de formação superior para professores ...

Últimas notícias de ANISIO DE ABREU PI:


PARFOR chega a 30 municípios piauienses e oferece quase 6 mil novas vagas As novas cidades contempladas são Beneditinos, Água Branca, Anísio de Abreu, Castelo do Piauí e Buriti dos Lopes. Somadas aos municípios já existentes, agora são 30 cidades do Piauí oferecendo a oportunidade de formação superior para professores ...

Parfor chega a cinco novos municípios; quase seis mil vagas são ofertadas ... de Professores da Educação Básica da Universidade Estadual do Piauí (Parfor/Uespi) este ano. As novas localidades contempladas são Beneditinos, Água Branca, Anísio de Abreu, Castelo do Piauí e Buriti dos Lopes. As pré-inscriç ões já estão ...

ANISIO DE ABREU PI tspan:3m ANISIO DE ABREU PI


Detran-PI realiza exames práticos em São Raimundo Nonato O exame contou com a presença de pessoas que vieram de várias localidades: Jurema do Piauí, Anísio de Abreu, Canto do Buriti, São João do Piauí, entre outras. Segundo informações do Detran-PI, o mesmo dividiu o Estado em sete regionais, a fim de ...

Parabéns à você, nesta data querida, muitas ..... Pedidos de oração e Santo do dia de hoje (04/03) ALEXANDRE ARISTOTALY MARTINS,ANISIO RODRIGUES DA SILVA,APARECIDO IDINEU PARIS,AURORA AMADEU PINATTI,BONIFÁCIO SANTOS (*),CARLA CRISTINA MENDES NOGUEIRA,CARLOS ALBERTO MARCONI (*),CARMEM HELENA ROSA,DE…

Parabéns à você, nesta data querida, muitas ..... Pedidos de oração e Santo do dia de hoje (16/02) ANDRE LUIZ BELON,ANDRE VIUDES DURAO,ANISIO FRANCISCO DORNELAS,ANTONIO MAURICIO GOULART,ANTONIO ZAMPIERI,APARECIDA FELISBINA DA SILVA,APARECIDO TOMEATTI,ARI APARECIDO MILANEZ JUNIOR,ASCINDOR JOSE DIAS,…

Parabéns à você, nesta data querida, muitas ..... Pedidos de oração e Santo do dia de hoje (10/02) ALICE RIBEIRO GONÇALVES,ANISIO LUCIO MARIA,ANTONIO CARLOS LAIA CRISTOVÃO,ANTONIO GARCIA,ANTONIO LUIZ BOFO,APARECIDO JOAO PEREIRA,ARISTIDES DOS SANTOS,BRAS GONÇALVES,CAIO CEZAR URBINATI (*),CARLOS ALBE…

O assassinato de Anísio Teixeira A história tem dessas coisas: as ditaduras acreditam poder esconder as patas depois de cometer crimes, e as patas sujas de sangue um dia reaparecempor Emiliano José — publicado&nb sp;13/01/2014 10:53inShare…





Siga-nos e receba notícias e assuntos de interesse das cidades

Eu preciso fazer a nova carteira de trabalho em ANISIO DE ABREU?

O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) lançou a nova Carteira de Trabalho Digital. A novidade traz como benefícios ao cidadão a entrega do documento no ato da solicitação e a integração das informações de diversos bancos de dados do governo federal.

A mudança integra o projeto de modernização do Ministério e dos serviços prestados ao cidadão que está sendo implementada gradativamente em todo o território nacional e também torna o documento 100% gratuito, sem que o cidadão necessite mais desembolsar pela foto.

O novo sistema da CTPS Digital tem validação nacional dos dados do trabalhador. Isso garante mais segurança ao documento e ao trabalhador, que tem todas as suas informações cruzadas e analisadas no ato na solicitação da carteira.

O cidadão passa a contar com todas as informações atualizadas e disponíveis no novo documento, o que deve permitir maior agilidade no pagamento de benefícios trabalhistas e previdenciários. Além disso, com a validação nacional de dados feita em tempo real, a mudança também vai combater possíveis tentativas de fraude contra o trabalhador e contra os benefícios pagos pelo governo federal.

A expectativa é que até o final de 2015 todos os postos do MTE já possam estar emitindo o documento na hora, utilizando o cruzamento de dados.

“Estamos investindo em projetos, como o da fiscalização eletrônica e na reestruturação da rede de atendimento. O lançamento da nova carteira digital é mais um passo nesse processo. Nenhum trabalhador precisará ficar esperando por um documento tão importante”, disse o ministro Manoel Dias.

“Para o ano que vem estamos preparando o cartão do trabalhador, mas vamos manter toda a simbologia da carteira de trabalho, tão respeitada pelo trabalhador”, acrescentou.

Quem já tem o documento não precisa se deslocar até as agências do MTE para emitir uma nova carteira. A antiga permanece válida. Somente no caso de uma segunda via ou da emissão da primeira via é que ocorre a impressão e validação pelo novo sistema. [15]




Uma grande mudança no setor de embalagens. Como isso afeta ANISIO DE ABREU ?

Por: Cristina Ávila - Edição: Vicente Tardin

A análise jurídica do texto do acordo setorial para a implantação do sistema de logística reversa de "embalagens em geral" deverá estar pronta nos próximos dias, e em seguida seguirá para o chamado “grupo de coalizão”, como se autodenominam as 22 associações que representam comércio, indústria e distribuidores de produtos domésticos, como alimentos e bebidas. O setor deverá voltar a discutir a redação ainda em fevereiro.

“Essa nova discussão será muito importante para finalizar esse acordo setorial. Os próximos dias serão decisivos para as negociações com os setores que devem cumprir a logística reversa”, acentua a diretora de Ambiente Urbano do MMA, Zilda Veloso.

O texto do acordo foi submetido à consulta pública, entre 15 de setembro e 15 de outubro do ano passado, e foram recebidas mais de 900 sugestões de alterações. A intensa participação trouxe opiniões de representantes de municípios, recicladores, órgãos ambientais e sociedade civil.

“Essencialmente, o Ministério do Meio Ambiente media as negociações para que seja feita a separação de materiais seco e orgânico, a redução de resíduos e o encaminhamento de embalagens para o mercado de reciclagem”, explica Zilda.

Atingir essa meta é um bom negócio em todos os sentidos. A diretora comenta que no Brasil cerca de 50% do descarte é lixo orgânico, 35% lixo seco e os outros 15% são outros materiais, incluindo os rejeitos (que não têm possibilidade de reciclagem, ou por questões técnicas ou econômicas de cada região). Do lixo seco, cerca de 70% são embalagens.

SUCESSO

Esse será o terceiro acordo setorial definido entre as cinco cadeias produtivas que serão responsáveis pela logística reversa prevista pela Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei 12.305/10). As cinco cadeias foram definidas pelo Comitê Orientador da Logística Reversa (Cori), composto pelos Ministérios do Meio Ambiente, Fazenda, Indústria e Comércio, Saúde e Agricultura.

No ano passado, o setor privado assinou contrato para a destinação de lâmpadas. E o acordo para o correto descarte de embalagens de lubrificantes já está funcionando na prática. Em 2005, o setor criou uma entidade gestora, que cresceu e se transformou no Instituto Jogue Limpo. Hoje presente em 14 estados e no Distrito Federal, já supera 330 milhões de embalagens encaminhadas para reciclagem.

PRÓXIMOS PASSOS

As expectativas a partir de agora serão os acordos dos setores de medicamentos e de eletroeletrônicos. Importadores, fabricantes e o comércio varejista de remédios estão em negociação e devem apresentar propostas no início deste ano. E o setor de eletroeletrônicos apresentou reivindicações que ainda estão sendo analisadas.

“Depois que concluirmos esses acordos, passaremos a rever os acordos que foram feitas por outras cadeias produtivas, antes da Lei 12.305”, afirma Zilda Veloso. Ela se refere aos setores de agrotóxicos, pneus, lubrificantes, pilhas e baterias.

A diretora de Ambiente Urbano comenta que o setor de agrotóxicos consegue recolher mais de 94% das embalagens que são colocadas pela indústria no comércio. Fato que ela considera inédito no mundo. A “Lei dos Agrotóxicos” (Lei 7.802/89) foi sancionada em 1989, e em 2000 foi alterada para incluir a obrigação de reciclagem de embalagens. Até então os agricultores enterravam, queimavam, jogavam nos rios ou nas lavouras, com riscos para o meio ambiente e para a saúde.[12]



Unidade Escolar será fechada e alunos transferidos


Funcionários da Unidade Escolar Anísio de Abreu, zona norte da capital, informaram que, a Secretaria da Educação e Cultura do Piauí (Seduc) baixou uma portaria pedindo o fechamento da Unidade Escolar e transferindo os alunos para a Unidade Escolar ...



Unidade Escolas pode ser fechada próxima semana


A Unidade Escolar Anísio de Abreu, localizada na Avenida Campos Sales, zona norte da capital, pode ser fechada próxima semana por falta de aluno. Segundo funcionários da escola, a Secretaria da Educação e Cultura do Piauí (Seduc) baixou uma portaria ...
PARFOR chega a 30 municípios piauienses e oferece quase 6 mil novas vagas As novas cidades contempladas são Beneditinos, Água Branca, Anísio de Abreu, Castelo do Piauí e Buriti dos Lopes. Somadas aos municípios já existentes, agora são 30 cidades do Piauí oferecendo a oportunidade de formação superior para professores ...
Parfor chega a cinco novos municípios; quase seis mil vagas são ofertadas ... de Professores da Educação Básica da Universidade Estadual do Piauí (Parfor/Uespi) este ano. As novas localidades contempladas são Beneditinos, Água Branca, Anísio de Abreu, Castelo do Piauí e Buriti dos Lopes. As pré-inscriç ões já estão ...
Detran-PI realiza exames práticos em São Raimundo Nonato O exame contou com a presença de pessoas que vieram de várias localidades: Jurema do Piauí, Anísio de Abreu, Canto do Buriti, São João do Piauí, entre outras. Segundo informações do Detran-PI, o mesmo dividiu o Estado em sete regionais, a fim de ...
Parabéns à você, nesta data querida, muitas ..... Pedidos de oração e Santo do dia de hoje (04/03) ALEXANDRE ARISTOTALY MARTINS,ANISIO RODRIGUES DA SILVA,APARECIDO IDINEU PARIS,AURORA AMADEU PINATTI,BONIFÁCIO SANTOS (*),CARLA CRISTINA MENDES NOGUEIRA,CARLOS ALBERTO MARCONI (*),CARMEM HELENA ROSA,DE…

Trabalho em ANISIO DE ABREU. Como fica o meu plano de saúde se for demitido?

Permanecer com o plano de saúde oferecido pela empresa após ser demitido, ainda que tenha que pagar por ele, pode representar um benefício significativo, principalmente considerando o fato de que firmar um contrato de plano de saúde individual tem se tornado uma tarefa cada vez mais difícil. Muitas operadoras colocam empecilhos para quem procura um plano apenas para si.

O artigo 30 da lei número 9656/98, que rege o assunto, prevê que no caso de rescisão ou exoneração do contrato de trabalho sem justa causa, “é assegurado o direito de manter sua condição de beneficiário, nas mesmas condições de cobertura assistencial de que gozava quando da vigência do contrato de trabalho, desde que assuma seu pagamento integral”, diz um trecho da lei.

Mas, para que o ex-funcionário possa manter este benefício, ele precisa ter contribuído, total ou parcialmente, com o plano de saúde empresarial, explica a advogada Camila de Oliveira Santos, do escritório Maluf e Moreno Advogados Associados. “O empregado deve informar o interesse de permanecer com o plano, no prazo máximo de 30 dias após a formalização da dispensa”, diz Camila. E cabe à empregadora comunicar ao trabalhador a existência dessa possibilidade.

Em relação ao período de permanência após a rescisão do contrato, a lei obriga as empresas a manter os ex-funcionários por um prazo de até dois anos. O tempo de permanência previsto na legislação é equivalente a um terço do período que o funcionário permaneceu na organização. “Entretanto, existe um prazo mínimo (que é de seis meses) e máximo (24 meses) de permanência”, sinaliza Camila. Logo, mesmo o trabalhador que tiver ficado pouco tempo na organização terá direito a no mínimo meio ano de cobertura. Contudo, o benefício cessa caso o trabalhador obtenha novo emprego que lhe forneça outro plano de saúde.

Camila explica ainda que a lei também se aplica a quem se aposenta. Nesses casos, quem possui um plano de saúde por um período igual ou superior a dez anos tem direito a permanecer com o benefício nos mesmos moldes por prazo indeterminado, desde que assuma o pagamento integral do plano. Já quem está no plano há menos de dez anos pode estender o benefício pelo prazo equivalente ao que permaneceu nele.

Impactos para as empresas

Ainda que as organizações não sejam obrigadas a custear qualquer valor para o ex-funcionário que escolhe a extensão do benefício, , essa opção pode ter reflexos no valor do contrato que as empresas mantêm com as operadoras de planos de saúde empresarial. Isso porque esses contratos, geralmente, possuem cláusula de sinistralidade, ou seja, o contrato prevê uma margem de utilização. “Por mais que o ex-funcionário passe a pagar pelo plano, ele continua a integrar a apólice da empresa, o que pode contribuir para que a margem de utilização seja ultrapassada”, explica Camila. Segundo ela, no momento de renovar o contrato, as operadoras costumam reajustar o valor em até 100% por causa da cota excedida.

A desvantagem iminente tem feito algumas empresas estudarem formas de efetuar mudanças nos desenhos de seus planos, a fim de evitar a obrigatoriedade de estendê-los para seus ex-empregados. É o que mostra um estudo feito pela consultoria Watson Wyatt, com cerca de 170 empresas de diferentes portes e segmentos.

Segundo a pesquisa, mais de 60% das empresas estão condicionadas à lei. Desse total, 13% afirmam já ter tomado providências para não precisarem mais beneficiar quem não integra seu quadro. Elas alegam que o custo criado pelos inativos não é corretamente avaliado para fins contábeis, especialmente quando ele está na mesma apólice dos ativos, o que ocorre em 76% dos casos.

Além dos impactos na sinistralidade do contrato, essa situação pode implicar em subsídio indireto da empresa e dos empregados ativos, uma vez que a tendência é que os participantes de idade mais avançada criem despesas mais elevadas. Dentre as pesquisadas, 29% já precisaram assumir parte dos custos do plano médico dos inativos e pelo menos 5% sofreram ações judiciais por conta dos valores cobrados, uma vez que estes números costumam ser superiores aos debitados do trabalhador enquanto estava na empresa.

Fonte: www.canalrh.com.br - Por: Leandro Fernandes

www.senado.gov.br/senado/portaldoservidor/jornal/jornal92/economia_plano_saude.aspx [0]


Atenção ANISIO DE ABREU: notícia importante sobre juros do Minha Casa Minha Vida

A Caixa Econômica Federal não vai alterar os juros dos financiamentos do programa Minha Casa Minha Vida (MCMV) nem dos empréstimos feitos com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), informou o diretor de Habitação do banco, Teotonio Costa Rezende.

“Na habitação social, que é o foco do governo, não mudou nada”, garantiu o diretor de Habitação.

Na prática, os mutuários com renda familiar de até R$ 5.400 não sofrerão impactos nos seus financiamentos, pois os juros serão mantidos na faixa dos 4,5% ao ano a 7,16% anuais.

O diretor lembrou que, mesmo com o MCMV 3 ainda aguardando sinal verde para início, novas 350 mil unidades habitacionais no primeiro semestre de 2015 manterão o ritmo do programa. Elas fazem parte das 3 milhões de unidades previstas. “Não haverá descontinuidade enquanto não inicia a Fase 3 do Programa Minha Casa Minha Vida”, completou Teotonio Rezende.

Pequenas e médias construtoras

Na avaliação do diretor de Habitação, o Minha Casa Minha Vida deverá ser impulsionado ainda mais a partir deste ano, com a entrada de pequenas e médias incorporadoras na produção das unidades, para o governo cumprir com a fase 3 do programa.

“A médio prazo, o aumento da oferta de imóveis irá reduzir a velocidade de correção dos preços das unidades habitacionais. Haverá também maior oferta de moradias nas cidades de menor porte, onde as grandes construtoras não têm interesse de produzir”, explica Rezende.

A pesquisa “Quesitos Especiais da Sondagem da Construção”, realizada pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) em dezembro de 2014, identificou confiança dos empresários na continuidade do Minha Casa Minha Vida.

Conforme a pesquisa, dos 698 empresários da construção entrevistados, 29% estavam envolvido nos projetos do programa habitacional de baixa renda.

Destes grupos empresariais, 51% apostaram em melhoria no volume de obras habitacionais ao longo deste ano e 46,5% previram estabilidade nos negócios. Em relação à mão de obra empregada, 81,4% dos empresários previram estabilidade e 18,6% no aumento na contratação dos trabalhadores.

Fonte:
Agência Caixa de Notícias

[4]

*blogsbrasil.com - todos os direitos reservados. Selecionamos as principais notícias da cidade de ANISIO DE ABREU PI. Os acontecimentos políticos, acidentes de trânsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos também os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura. O trabalho jornalístico consiste em captação e tratamento escrito, oral, visual ou gráfico, da informação em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho é normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas funções e particularidades: pauta, apuração, redação e edição.A pauta é a seleção dos assuntos que serão abordados. É a etapa de escolha sobre quais indícios ou sugestões devem ser considerados para a publicação final. A apuração é o processo de averiguar informação em estado bruto (dados, nomes, números etc.). A apuração é feita com documentos e pessoas que fornecem informações, chamadas de fontes. A interação de jornalistas com suas fontes envolve freqüentemente questões de confidencialidade.A redação é o tratamento das informações apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no rádio, na TV e no cinema). A edição é a finalização do material redigido em produto de comunicação, hierarquizando e coordenando o conteúdo de informações na forma final em que será apresentado. Muitas vezes, é a edição que confere sentido geral às informações coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edição consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espaço de impressão pré-definido. A diagramação é a disposição gráfica do conteúdo e faz parte da edição de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locução, o que no telejornalismo ganha o adicional da edição de imagens em movimento. Tags: Últimas Notícias, ANISIO DE ABREU PI, Cidade, Interior, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, Carro, Eleições, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Eleições, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Aniversário, Prêmio, Mês, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora há Pouco, Mulher, Homem, Família, Criança, Portal,Pessoas, Como saber, Onde eu Acho, Site, Blog, Diário,Protesto,Inauguração, Cassação, Cassado, Show, Apresentação, Espetáculo, Fotos, Vídeos, Imagens, Previsão, Caminhão, Vítimas, Situação, Oposição, Eleições, Enquete, Votos, Apuração, Trânsito, Operação, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos.